EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em negocios / noticias-corporativas

Novo formato de ensino para empresários potencializa crescimento de pequenos e médios negócios no Brasil

Com lacuna na capacitação de empresários nas universidades, imersão em marketing digital já mostra resultados no crescimento de pequenas e médias empresas brasileiras.

Pequenas e médias empresas não estão, ainda, entre os negócios que mais dão certo no país. Dados divulgados pela pesquisa “Demografia das Empresas”, publicada pelo IBGE em outubro de 2017, mostra que apenas 37,8% das empresas ativas em 2015 permaneceram por mais de cinco anos no mercado. Segundo reportagem feita pelo jornal Valor Econômico sobre o mesmo levantamento, a sobrevivência de uma empresa no mercado está ligada a seu porte: quanto menor o negócio, mais rápido ele quebra.

Para Conrado Adolpho, empresário do segmento de marketing digital e criador do Método 8Ps - que, por meio de 8 passos, promete ensinar estratégias de alavancagem de negócios para pequenas e médias empresas -, falta capacitação para formar empreendedores no país: “A taxa de mortalidade das empresas no Brasil é alta porque o empresário acaba aprendendo na prática a montar e a gerir um negócio, mas, às vezes, não dá nem tempo de ele aprender, porque quebra antes”, aponta.

A lacuna na formação de empresários no Brasil é uma preocupação que tem levado instituições de apoio ao empreendedorismo a investirem em pesquisas que possam esclarecer os motivos pelos quais isso acontece. O Sebrae e a Endeavor Brasil, por exemplo, fizeram, em outubro de 2016, o levantamento “Empreendedorismo nas universidades brasileiras”, no qual a intenção de empreender aparece em 1 a cada 4 universitários, e a baixa adesão é tida como consequência do pouco estímulo ao empreendedorismo na sala de aula.

Conrado Adolpho defende que essa realidade - de as faculdades não formarem empresários - não atinge apenas o Brasil, mas está colocada no mundo todo. “Como é menor a proporção de pessoas que querem assumir o risco de gerir uma empresa, a demanda de formação está muito mais voltada para o lado do empregado que do empresário. E, como as faculdades são também um negócio, que precisam, por exemplo, pagar funcionários, elas acabam cumprindo essa demanda do mercado”, analisa.  

Treinamentos têm preenchido lacuna

Um exemplo de curso presencial voltado para ensinar empresários a potencializarem o lucro de suas empresas é a “Imersão 8Ps”. De acordo com o seu site de divulgação, trata-se de “um treinamento de aprendizado de alta performance voltado para quem quer resultados rápidos e com o mesmo método de aprendizado já utilizado em grandes treinamentos nos EUA e que está chegando ao Brasil”.

O treinamento, que já realizou 37 turmas - a última, na Expo São Paulo, reuniu quase 1.200 empresários -, é dado por Conrado Adolpho em uma imersão intensiva a partir do método que ele desenvolveu entre 2005 e 2011 e que vem ensinando há 7 anos: “Como eu sei que o empresário não tem tempo, criei uma metodologia concentrada em três dias e, usando a minha experiência de dez anos como professor de química em cursinho pré-vestibular, usei essa habilidade para transmitir um conteúdo denso de marketing digital e vendas de uma maneira muito simples e objetiva - e em pouco tempo”, o treinador responde à pergunta sobre se os empresários conseguiriam, de fato, absorver um conteúdo, guiado por apostila de 320 páginas, em 50 horas distribuídas em três dias de curso.

A aposta em cursos para formar empresários alcançou também o mercado fashion, que já mostra rápido crescimento. Dany Padilla, consultora de modas no Rio de Janeiro, criou um método on-line - dentro da linha do empreendedorismo digital, responsável por aumentar a visibilidade de negócios em diversos segmentos - para formar personal stylists e, inspirando-se no treinamento de Conrado Adolpho, organizou a “Imersão Fashion” na cidade carioca, que reuniu 250 pessoas, em sua maioria mulheres. Em setembro, já está marcada a segunda edição, com previsão de reunir entre 700 e 1.000 empreendedores de moda. “Eu me espelho muito no Conrado Adolpho”, conta a consultora. Dany Padilla foi aluna da “Imersão 8Ps” realizada em dezembro no ano passado e, desde lá, o faturamento da sua empresa aumentou cinco vezes desde que começou a aplicar o método 8Ps.

Pequenas e médias empresas: personagens principais do desenvolvimento

Conrado Adolpho explica que seu treinamento é voltado para pequenos e médios negócios porque, segundo ele, é esse grupo que, por um lado, sustenta boa parte da economia do país, mas, por outro lado, é o grupo que recebe menos atenção para o seu desenvolvimento. “Com algumas soluções muito simples, eles já conseguem dar um salto de rentabilidade e de faturamento no negócio deles”, avalia.

Com a aplicação do método 8Ps, os resultados têm aparecido de forma rápida para empresários de diferentes setores. Júlio Beraldo, por exemplo, sócio-proprietário da Iná Arquitetura - escritório especializado em reformas de apartamento na cidade de São Paulo -, conta que três meses depois de concluir o treinamento de Conrado Adolpho, a sua taxa de conversão de clientes aumentou 60%. E, para dar conta dos projetos, a equipe de arquitetos de seu escritório também foi incrementada. “No ano passado inteiro, a gente fez oito projetos e, desde a Imersão 8Ps do final do ano passado, já fechamos 12”, o arquiteto comemora.

Esse modelo de imersão em negócios ainda é novo no Brasil. Nos Estados Unidos, o coach de desenvolvimento pessoal e empresarial mais famoso do mundo, Tony Robbins, capacita empresários no curso “Business Mastery”, realizado nos moldes de uma imersão, com cinco dias de treinamento. “O Brasil pode se tornar uma grande potência empreendedora em pouco tempo. Basta que os donos de pequenos negócios entendam como podem realmente ter empresas lucrativas”, comenta Conrado Adolpho. A julgar pelos resultados de seus alunos, parece que seu treinamento Imersão 8Ps está cumprindo esse papel de capacitação.

 

Leia mais: 

- "Demografia das Empresas": https://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/biblioteca-catalogo?view=detalhes&id=2101151

- Site da Imersão 8Ps: http://8ps.com/imersao/

- Case de sucesso de Dany Padilla: http://blog.8ps.com/escola-de-empreendedorismo-e-moda-mostra-por-que-crise-esta-longe-de-ser-preocupacao/

- Case de sucesso de Júlio Beraldo: http://blog.8ps.com/escritorio-de-arquitetura-supera-vendas-de-2017-em-apenas-tres-meses/

 

Website: http://8ps.com/imersao/

Contato