Em negocios / noticias-corporativas

Como um sistema de pagamentos pode ajudar as empresas

Um sistema de pagamentos pode facilitar a gestão do negócio, independente de seu segmento. Ele realiza a emissão e gerenciamento de boletos e carnês, além do envio de avisos de cobrança e ajuda nos controles dos demais aspectos financeiros do negócio.

A liberação do FGTS prevê a injeção de cerca de R$ 42 milhões de reais na economia até o ano de 2020. O saque, que começa a partir de setembro, será de até R$500 e pode ser realizado tanto por pessoas que possuem contas inativas quanto ativas. E, neste momento, as empresas precisam ficar atentas para o cenário econômico do país e aumento da circulação de dinheiro. 

Além disso, como aponta o estudo Webshoppers realizado pela eBit, há um constante crescimento nas vendas online de bens de consumo. Em 2018, o e-commerce registrou um faturamento de R$53,2 bilhões, o que resulta em 12% de alta nominal quando comparado com 2017. 

Portanto, com a necessidade de diversificação exigida pelo mercado, as empresas precisam ter cada vez mais destaque no meio digital para aumentar as vendas. E é comum, em um momento inicial, surgirem inúmeras dúvidas relacionadas ao negócio. Alguns desses questionamentos são: como receber pagamentos na loja online, qual a melhor forma de pagamento para disponibilizar aos clientes e como melhorar a gestão financeira

Assim, os sistemas de pagamento começaram a ganhar destaque, uma vez que eles podem otimizar a rotina dos gestores. No Brasil, existem várias empresas responsáveis por fazer a intermediação dos valores entre os clientes finais e os vendedores ou prestadores de serviço. O principal objetivo dessas plataformas é facilitar a gestão dos empreendimentos, pois geralmente elas oferecem tarifas menores do que as praticadas pelas instituições financeiras. 

Por ser especializado em recebimento de cobranças online, um sistema de pagamentos pode auxiliar gestores a definir quais meios de pagamentos disponibilizar para os clientes. Porém, isso não significa que, caso o empreendimento seja somente físico, os recursos do sistema não possam ser utilizados. Em caso de academias, por exemplo, há a possibilidade de enviar cobranças para o e-mail e até WhatsApp.  

Além de facilitar os pagamentos, existem outras vantagens para contar com um sistema de pagamentos em um negócio. 

 

  • Segurança nas transações 

 

O intermediador permite ao cliente ter mais segurança nas transações financeiras. A Gerencianet, empresa que possui um sistema de intermediação de pagamentos, por exemplo, possui sistema antifraude, que ajuda na detecção e bloqueio de tentativas de danos aos usuários. 

Assim, as transações ficam mais seguras, pois o intermediador de pagamentos investe em mecanismos de defesa, como antivírus, criptografia avançada dos dados, firewalls e mais. 

Além disso, esse tipo de plataforma geralmente possui a opção de checkout transparente, uma ferramenta que auxilia tanto na segurança da transação quanto na criação de uma boa experiência para o consumidor. Portanto, esses fatores ajudam a aumentar a confiabilidade de lojas virtuais para o cliente, mas também protege os fornecedores. 

 

  • Opções de pagamento 

 

Portanto, um sistema de pagamentos integrado à loja virtual, por exemplo, permite oferecer  uma maior variedade de formas de pagamento. Elas variam em cada intermediador de pagamentos, mas no caso da Gerencianet, por exemplo, é permitido realizar pagamentos por meio de boleto bancário, carnê, cartão de crédito, link de pagamento ou assinatura. Ainda é possível personalizar as cobranças, inserir o logotipo da empresa e configurar os valores de multas e juros em caso de atraso ou inadimplência. 

 

  • Menos burocracia

 

Para utilizar um sistema de pagamentos não é preciso ter CNPJ ou vínculo com instituições financeiras. Até mesmo a transferência dos valores pode ser realizada para poupança, não sendo necessária uma conta corrente. Dessa maneira, pessoas físicas e Microempreendedores Individuais (MEIs) podem emitir boletos registrados, cobranças via cartão de crédito, carnê, assinatura e link de pagamento, assim como pessoas jurídicas. 

As análises de crédito são feitas automaticamente pela plataforma, fator que dispensa a necessidade de executar os procedimentos de forma manual. Outra questão que auxilia na emissão de cobranças é a facilidade de abrir uma conta, uma vez que com um intermediador de pagamentos basta apenas fazer um cadastro na plataforma, fornecer alguns dados sobre o negócio e pagar as tarifas referentes somente às transações efetuadas. 

 

  • Emissão de boletos bancários sem tarifa de registro

 

Após a implantação do sistema da Nova Plataforma de Cobrança, foi determinado o fim do boleto sem registro. O processo realizado pela Febraban tem como objetivo unificar o sistema de cobranças e eliminar os gargalos que existiam no processo de pagamento. Ele determina que todos os boletos emitidos em território nacional sejam registrados, ou seja, os dados das cobranças ficam armazenados em um sistema unificado. Por isso, as empresas que oferecem o serviço de intermediação de pagamento e as instituições financeiras passaram a se adequar para atender à demanda. Com a plataforma, as cobranças emitidas podem ser pagas em qualquer banco ou agência autorizada e a procedência do documento é verificada no sistema nacional. 

A Gerencianet foi o primeiro intermediador de pagamentos do país a disponibilizar a emissão de boleto sem tarifa de registro. O acesso à plataforma é realizado sem mensalidade e as tarifas das cobranças emitidas são pagas para o intermediador somente após o cliente final efetuar o pagamento. Portanto, caso a cobrança emitida não seja paga, o cliente da plataforma não tem qualquer custo. 

Utilizar um sistema de pagamentos é vantajoso para qualquer negócio? 

Utilizar o serviço de um sistema de pagamentos pode ser um processo mais econômico e menos burocrático para os empreendimentos. Além disso, oferece uma série de facilidades com um melhor custo benefício para os empreendedores. O sistema possui facilidade de integração com lojas online, em que é possível emitir e enviar cobranças únicas ou recorrentes por e-mail ou realizar a entrega pessoalmente aos clientes. A garantia de segurança nas transações é alta, de forma a melhorar a experiência de compra e a relação dos clientes com a marca. Os intermediadores ainda podem facilitar a gestão financeira do negócio, uma vez que neles é possível gerar relatórios personalizados, averiguar a existência de clientes inadimplentes, tornar a cobrança mais impessoal, dentre outros mecanismos que facilitam esse processo. 

Website: https://gerencianet.com.br/

 

Tudo sobre: 

Contato