Em negocios / noticias-corporativas

Líderes hídricos traçam a rota de transformação digital para as empresas de serviços públicos

Informe técnico da Associação Internacional da Água (IWA) e da Xylem mapeia as tendências de adoção digital e identifica os principais aprendizados para ajudar a impulsionar a migração A publicação aproveita os conhecimentos de 40 empresas prestadoras de serviços públicos e mais de 20 líderes de pensamento da indústria a nível mundial A nova Digital Water Adoption Curve permite que as empresas de serviços públicos mapeiem seu progresso durante a transformação digital; o relatório pede que os líderes hídricos pensem com ousadia sobre seu futuro digital e no impacto que podem criar em suas bacias hidrográficas e comunidades mais amplas

A Associação Internacional da Água (IWA) e a Xylem (NYSE: XYL), empresa global de tecnologia hídrica, divulgaram hoje um informe técnico intitulado: Digital Water: Industry Leaders Chart the Transformation Journey” (Água digital: os líderes da indústria traçam a rota da transformação).

Ao examinar como a digitalização está transformando o setor hídrico, este importante recurso fornece aprendizados práticos aos tomadores de decisão no campo dos serviços públicos, a fim de acelerar a adoção de soluções digitais e enfrentar desafios críticos relacionados com a água. O documento também apresenta a Digital Water Adoption Curve (Curva de adoção de água digital), uma nova e valiosa ferramenta para ajudar as empresas de serviços públicos a avaliar sua maturidade digital e mapear seu futuro digital. O líder e autor do estudo, Will Sarni, CEO da Water Foundry, foi o principal autor do relatório.

Os desafios hídricos globais, como a mudança climática, o crescimento populacional, a crescente urbanização e o envelhecimento da infraestrutura, continuam se intensificando. Os dados mais recentes da ONU estimam que 3,6 bilhões de pessoas – quase metade da população mundial – vivem em áreas potencialmente escassas em água pelo menos um mês por ano e até 2050 mais de 5 bilhões de pessoas podem sofrer escassez de água devido a mudanças climáticas, ao aumento da demanda eà poluição no abastecimento. Neste contexto, as empresas de água e esgoto estão se voltando para soluções novas e inovadoras, incluindo as tecnologias digitais, para impulsionar o gerenciamento hídrico sustentável.

“Em uma época em que os desafios globais da água estão aumentando, as soluções digitais oferecem às comunidades do mundo inteiro novas formas de otimizar, gerenciar e conservar esse precioso recurso”, disse Kala Vairavamoorthy, diretora executiva da IWA. “O ‘Digital Water: Industry Leaders Chart the Transformation Journey’ potencializa os conhecimentos dos membros da IWA para ajudar as empresas prestadoras de serviços públicos a aprender com seus semelhantes, aproveitar o poder das tecnologias digitais e permitir que as comunidades em todo o mundo se tornem mais seguras”, afirmou Vairavamoorthy. “Somente juntos podemos moldar nosso futuro hídrico.”

Patrick Decker, presidente e CEO da Xylem, comentou: “O mundo tem de pensar e agir de maneira diferente sobre a água. Simplesmente não há outra opção. Os desafios nesse campo, como escassez, acessibilidade e resiliência, colocam milhões de vidas humanas em risco, assim como o meio ambiente e a economia global, e impedem o progresso social. Essas ameaças urgentes não são um problema distante no futuro. Eles estão presentes agora mesmo e crescendo a cada dia. Precisamos de uma mudança gradual e a inovação digital é a resposta. Este informe é uma chamadaà ação para atrair interessados de todas as partes do planeta. Temos a oportunidade de resolver este problema e mudar a história – vamos aproveitar”.

Lições valiosas de empresas de serviços públicos na jornada digital

“Digital Water: Industry Leaders Chart the Transformation Journey”fornece informações valiosas para as empresas hídricas em todas as etapas da digitalização. O relatório também compartilha os conhecimentos dos líderes das empresas prestadoras de serviços públicos.

“O mundo caminha em direção da tecnologia”, disse Richard Appiah Otoo, diretor de Tecnologia da Ghana Water Company Limited, uma das quase 40 empresas de serviços públicos que forneceram dados para o informe técnico.A Ghana Water experimentou um aumento de 14% na receita depois que as tecnologias digitais aumentaram a eficiência na cobrança das contas de água e forneceram aos clientes uma opção de faturamento para celular.”

Biju George, vice-presidente executivo da DC Water,comentou: “A estratégia digital precisa se tornar uma estratégia corporativa. Não é simplesmente sentar e esperar acontecer, você tem de se planejar para isso. Você deve capacitar seus funcionários para isso, deve rever cada processo. Você deve projetar seus sistemas para fornecer os dados necessários para tomar decisões eficientes”.

“Se tiver alguma dúvida, experimente”, disse Claire Falzone, CEO da Nova Veolia-France. “Tente em uma pequena dose no começo, se você não ousa sonhar alto. Este é apenas o início da viagem da água digital e se você não adotar as tecnologias digitais, alguém o fará.”

Estas são as principais conclusões do relatório:

1. Trace um roteiro digital holístico e uma estratégia de negócios clara: as empresas de serviços públicos devem criar um consenso interno sobre como a trajetória digital se desdobrará, manter os clientes e os resultados de negócios como pontos focais durante todo o processo de digitalização e educar os principais interessados (consumidores, políticos, acionistas, administradores e funcionários).

2. Crie uma cultura de inovação: os operadores de serviços públicos, equipes de TI, financeiros, técnicos, executivos e outros precisam ser exploradores para identificar novas tecnologias. No entanto, para impulsionar a adoção, as empresas de serviços públicos devem se concentrar em promover a curiosidade e a competência em toda a organização, a fim de abraçar a inovação digital.

3. Aproveite os projetos-piloto para obter uma mentalidade ágil: eles oferecem um meio para explorar novas tecnologias, gerar impulso e criar uma compreensão mais holística de seus efeitos físicos e financeiros nas operações antes de se comprometer com a implementação em grande escala.

4. Desenvolva uma arquitetura para otimizar o uso de dados: o desenvolvimento de um armazém de dados, onde os conjuntos de dados operacionais ficam disponíveis para funções como finanças, engenharia e especialistas em TI que podem usar os dados para otimizar os processos de negócios, é fundamental para criar valor a partir dos dados e efetivamente digitalizar a infraestrutura e a conectividade.

NOTA AOS EDITORES

Sobre o informe técnico

O informe técnico “Digital Water: Industry Leaders Chart the Transformation Journeyé o primeiro de uma série de publicações a serem desenvolvidas no âmbito do Programa Água Digital da IWA. Acesse a publicação aqui:https://iwa-network.org/projects/digital-water-programme/.

DIVULGAÇÃO

O documento está sendo lançado durante a 16ª Conferência de Vanguarda da IWA sobre Tecnologias de Águas e Esgotosno dia 11 de junho de 2019, das 10h45 às 11h45 (horário de verão britânico) - no Pentland Auditorium, Centro de Convenções Internacional de Edimburgo, Escócia, Reino Unido.

Sobre o Programa Água Digital da IWA

O Programa Água Digital da IWA visa agir como um catalisador de inovações, conhecimentos e melhores práticas em torno da digitalização para o setor hídrico, fornecendo uma plataforma para compartilhar experiências e promover a liderança na transição para soluções digitais de água e consolidando lições para orientar a evolução natural do “business as usual” (negócio como de costume) para a obtenção de um serviço público digital de água. Para mais informações, acesse http://iwa-network.org/projects/digital-water-programme/

Sobre a Associação Internacional da Água

A Associação Internacional da Água (IWA) é uma rede e um centro internacional de conhecimento global aberto a todos os profissionais hídricos e a qualquer pessoa comprometida com o futuro da água. Com seu legado de mais de 70 anos, ela conecta profissionais do mundo todo para encontrar soluções para os desafios globais da água como parte de uma agenda de sustentabilidade mais ampla. Como uma organização sem fins lucrativos e com filiação em mais de 130 países, a IWA conecta cientistas a profissionais e comunidades para que a pesquisa pioneira ofereça soluções sustentáveis. Além disso, a associação promove e apoia a inovação tecnológica e as melhores práticas por meio de estruturas e padrões internacionais. Para mais informações, acesse www.iwa-network.org

Sobre a Xylem

A Xylem (XYL) é uma empresa de tecnologia hídrica com liderança mundial comprometida em desenvolver soluções inovadoras de tecnologia para os desafios de água do planeta. Os produtos e serviços da empresa movem, tratam, analisam, monitoram e retornam a água ao ambiente em instalações públicas, composições de serviços de construção industrial, residencial e comercial. A Xylem também oferece um portfólio de liderança em medições inteligentes, tecnologias de rede e soluções avançadas de análise de infraestrutura para instalações hidráulicas, elétricas e de gás. Os cerca de 17 mil funcionários da empresa trazem ampla experiência em aplicações com um forte foco na identificação de soluções abrangentes e sustentáveis. Sediada em Rye Brook, Nova York (EUA), com receita de US$ 5,2 bilhões em 2018, a Xylem faz negócios em mais de 150 países por meio de várias marcas de produtos líderes de mercado.

O nome Xylem é derivado do grego clássico e é o tecido que transporta a água nas plantas, destacando a eficiência da engenharia do nosso negócio centrado na água ao vinculá-lo com o melhor transporte de água de todos: o que ocorre na natureza. Para mais informações, acesse www.xylem.com.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Para mais informações e/ou entrevistas, contate:

Marta Jimenez, marta.jimenez@iwahq.org, +31 631 93 40 81

Katharine Cross, katharine.cross@iwahq.org, +66 924 53 45 13

Raul Glotzbach, raul.glotzbach@iwahq.org, +31 650 63 75 93

Jenny Rider, jenny.rider@xyleminc.com + 1 914 246 7184

Olivia Dempsey, olivia.dempsey@edelman.com +353 1 678 9333


Fonte: BUSINESS WIRE

 

Tudo sobre: 

Contato