Tempo Real

3R (RRRP3), Rede D’Or (RDOR3) e Qualicorp (QUAL3) são destaque de quedas da bolsa

Confira o que movimentou os mercados

Por  Equipe InfoMoney -

18h12 – Encerramos nossa cobertura, confira os destaques da Bolsa de hoje



Acessa o tempo real do InfoMoney todos os dias? Adicione este link aos favoritos do seu navegador!



18h01 – Ibovespa futuro fecha com queda de 1,00%, aos 98.675 pontos; e dólar futuro, com baixa de 0,90%, cotado a R$ 5,418



17h58 – Energias do Brasil (ENBR3) apresenta prévia do 2T22 com aumento de 3% no volume de energia distribuída

O volume de energia distribuída apresentou aumento de 3,0% no trimestre, sendo 2,2% na EDP São Paulo e 4,3% na EDP Espírito Santo. No semestre, o volume de energia distribuída aumentou 2,4%, (1,5% na EDP SP e 3,8% na EDP ES).



17h47 – 3R Petroleum (RRRP3), Rede D’Or (RDOR3) e Qualicorp (QUAL3) são maiores quedas da Bolsa

Do outro lado, entre as baixas, ficaram as ações ON da 3R Petroleum , com menos 5,55%, seguindo o recuo recente do petróleo.

As ON da Qualicorp (QUAL3) e da Rede D’Or (RDOR3) fecham as maiores quedas, com menos 4,40% e 4,31%, seguidas pelas unitárias da SulAmérica (SULA11), com menos 3,56%. Segundo comentários do Credit Suisse, o piso de enfermagem, aprovado ontem (12) pela Câmara dos Deputados, pode impactar negativamente essas empresas.

Nas baixas por peso, se destacaram papéis do setor financeiro – as unitárias do Santander (SANB11) recuaram 1,55%, as ordinárias do BB (BBAS3), 1,09%, e as preferenciais do Bradesco (BBDC4), 2,28%.

Entre as maiores altas do Ibovespa, destaque para as ações ordinárias da Light ([ativo=LIGHT3]), que avançaram 11,72%.

“A notícia de que a empresa está recrutando Otavio Lopes, que já fez parte da Equatorial e que já participou do conselho da própria Light, como novo CEO animou investidores”, explicou Vitorio Galindo, analista de investimentos da Quantzed. “É um nome bem respeitado no mercado”.

Além da Light, as ações da Ambev (ABEV3) também dispararam, com alta de 5,66%, após o JPMorgan elevar recomendação da companhia e recomendar a compra.

Confira os destaques de ações no pregão de hoje:



17h41 – Fras-le (FRAS3) aprova pagamento de JCP no valor de R$ 23,816 milhões

Tal montante corresponde a R$ 0,089195 bruto por ação. e será creditado a partir de 24 de agosto de 2022 à base acionário de 19 de julho. As ações serão negociadas “ex-direito aos juros sobre o capital próprio” a partir do dia 20 de julho de 2022.



17h32 – Segue fase de discussão na Câmara dos Deputados da PEC dos Auxílios

Fase de votação da chamada PEC dos Benefícios em segundo turno ainda não começou.



17h30 – Fechamento dos outros índices brasileiros

  • Small Caps (SMLL): -0,58%
  • BDRs (BDRX): -0,65%
  • Fundos Imobiliários (IFIX): -0,26%


17h27 – Por que a temporada de resultados do 2º trimestre nos EUA será monitorada de perto pelos investidores



17h24 – Rodrigo Pacheco (PSD-MG) se encontra com Lula (PT) e “garante” que resultados das urnas serão respeitados

Encontro foi hoje em Brasília. As informações são da CNN Brasil.



17h19 – Michael Barr é aprovado pelo Senado dos EUA e se torna o principal regulador bancário do Fed

Indicado por Joe Biden, ele recebeu 66 votos a favor, 16 a mais do que o necessário.



17h17 – No plenário da Câmara, deputados fazem discursos pró e contra a PEC

O início da sessão de votação em segundo turno da PEC dos Auxílios começa com falas de parlamentares favoráveis e contrários à Proposta de Emenda à Constituição.



17h15 – Ibovespa fecha em queda de 0,40%, aos 97.881,16 pontos

  • Máxima: 98.928,24
  • Mínima: 97.402,99
  • Volume: R$ 20,80 bilhões

Confira a evolução do IBOV durante a semana, mês e ano:

  • Segunda-feira (11): -2,07%
  • Terça-feira (12): +0,06%
  • Semana: -2,41%
  • Julho: -0,27%
  • 2022: -6,23%


17h08 – Deputados passam a discutir em 2° turno a PEC dos Auxílios

Depois de votação entre os deputados, foi dispensado o intervalo regimental de cinco sessões entre o primeiro e o segundo turnos de análise de matéria legislativa. Assim, a PEC dos Auxílios avança para o segundo turno.



17h05 – Fechamento Wall Street

  • Dow Jones = -0,67%, aos 30.772,79 pontos
  • S&P 500 = -0,45%, aos 3.801,78 pontos
  • Nasdaq = -0,15%, aos 11.247,58 pontos


17h03 – Fechamento dos títulos do Tesouro norte-americano

  • 30 anos: -0,059 (a 3,078%)
  • 2 anos: +0,087 (a 3,130%)
  • 5 anos: -0,001 (a 3,016%)
  • 10 anos: -0,047 (a 2,911%)


17h01 – Dólar fecha com queda de 0,61%

  • Venda = R$ 5,405
  • Compra = R$ 5,406
  • Mínima = R$ 5,364
  • Máxima = R$ 5,466


Fechamento do mercado com Pam Semezzato, da Clear Corretora



16h55 – Ibovespa fecha, preliminarmente, com queda de 0,24%, aos 98.040,08 pontos



16h49 – Rosa Weber, do STF, envia à PGR pedido de investigação contra Rodrigo Pacheco (PSD-MG), presidente do Senado Federal

Pedido envolve também o senadores Davi Alcolumbre (União Brasil-AP) e Marcos Do Val (Podemos-ES), por conta do o chamado orçamento secreto.



16h45 – Fechamento juros

  • DI (2023): +0,03 pontos, a 13,88%
  • DI (2025): +0,03 pontos, a 13,08%
  • DI (2027): -0,02 pontos, a 12,92%
  • DI (2029): -0,04 pontos, a 13,04%
  • DI (2031): -0,03 pontos, a 13,11%


16h38 – PEC dos Auxílios: deputados discutem dispensa de intervalo de votação entre 1° e 2° turnos

Parlamentares expõem posições contrárias e favoráveis à quebra de interstício ou dispensa de intervalo regimental de cinco sessões entre o 1° e 2° turnos da votação da PEC dos Auxílios, cuja matéria foi aprovada há pouco com a rejeição de todos os destaques apresentados.



16h35 – Na reta final, os índices em NY também ficam todos negativos

  • Dow Jones: -0,57% (há uma hora: -0,19%)
  • S&P 500: -0,35% (há uma hora: +0,08%)
  • Nasdaq: -0,13% (há uma hora: +0,35%)


16h33 – Ibovespa perde os 98 mil com a baixa neste momento de 0,39%, a 97.884,99 pontos



16h30 – Fechamento Petróleo: ambas as referências seguem abaixo de US$ 100

  • WTI (agosto): +0,46% (a US$ 96,28)
  • Brent (setembro): +0,13% (a US$ 99,62)


16h26 – Ibovespa amplia perdas e se fixa em terreno negativo: queda de 0,20%. a 98.077,98 pontos



16h24 – Terminou a votação dos destaques da PEC dos Auxílios

A Câmara dos Deputados manteve o texto-base aprovado ontem, em primeiro turno, da chamada PEC dos Benefícios. Foram votados hoje seis destaques, todos rejeitados. A matéria agora vai ao segundo turno.



16h21 – Ação da Ambev (ABEV3) salta após JPMorgan elevar recomendação, mesmo projetando balanço sem brilho no 2º tri



16h18 – Índice de BDRs (BDRX) cai 0,41% nessa reta final de pregão

  • Maior alta até aqui no dia: Twitter (TWTR34) = +7,60%
  • Maior queda até aqui no dia: Unity Software (U2ST34) = -17,91%


16h13 – Ibovespa segue neste momento entre perdas e ganhos, mas agora no negativo: queda pequena de 0,05%, a 98.223,14



16h10 – Câmara rejeita destaque do PSB e evita tornar permanente Auxílio Brasil de R$ 600

Mais cedo, os deputados também haviam derrubado destaques do PT e mantiveram no texto o estado de emergência. (Estadão Conteúdo)



16h08 – Ouro com entrega em agosto fecha em alta de 0,45%, a US$ 1.732,50 a onça-troy



16h02 – Retrato do mercado no momento

  • Ibovespa: +0,04%
  • Dow Jones: -0,23%
  • S&P 500: +0,13%
  • Nasdaq: +0,40%
  • Dólar: -0,99%
  • Euro: -0,77%
  • Brent: +0,28%
  • Bond 10Y EUA: -0,048 pontos

Como estava às 15h02, logo após a divulgação do Livro Bege do Fed:

  • Ibovespa: +0,04%
  • Dow Jones: -0,63%
  • S&P 500: -0,35%
  • Nasdaq: -0,04%
  • Dólar: -0,80%
  • Euro: -0,55%
  • Brent: +0,01%
  • Bond 10Y EUA: -0,043 pontos


15h59 – Ainda com muita volatilidade, Ibovespa volta a virar para positivo: leve alta de 0,08%, a 98.350,72



15h57 – Ibovespa vira para negativo: queda de 0,13%, a 98.148,39



15h54 – Índice de Small Caps (SMLL) sobe 0,23% nesse momento

  • Maior alta até aqui no dia: Light (LIGT3) = +12,29%
  • Maior queda até aqui no dia: Tenda (TEND3) = -6,74%


15h51 – Ibovespa reduz ganhos e opera bem próximo à estabilidade, com mais 0,09%, a 98.360,74



15h45 – Joe Biden pede que postos de gasolina repassem para os consumidores queda do preço internacional de petróleo



15h40 – Mudança de ânimo em NY, após Livro Bege do Fed, faz índices alterarem trajetória

  • Dow Jones: -0,19% (quinze minutos atrás: -0,51%)
  • S&P 500: +0,08% (quinze minutos atrás: -0,11%)
  • Nasdaq: +0,35% (quinze minutos atrás: +0,16%)


15h38 – Bostic: ganhos sustentáveis de emprego requerem maior controle de inflação



15h37 – Bostic, do Fed de Atlanta: relatório de inflação de junho sugere que o índice não está se movendo de forma positiva



15h36 – Raphael Bostic, do Fed de Atlanta: “tem muito em jogo”, acenando com a possibilidade de aumento da taxa em 100 pontos-base em julho



15h33 – Ibovespa passa a subir 0,20%, aos 98.465,68 pontos, acompanhando melhora em NY 



15h30 – Livro Bege: em meio a mercado de trabalho ainda apertado, maioria dos distritos continuou a relatar crescimento salarial



15h28 – Nasdaq volta a operar no positivo, com mais 0,16%

Dow Jones segue no vermelho, com menos 0,51%; assim como S&P 500, com menos 0,11%.



15h27 – Livro Bege: maioria dos distritos continuou a relatar que o emprego aumentou em um ritmo modesto a moderado e as condições permaneceram apertadas em geral



15h25 – PEC dos Auxílios: último destaque ainda em votação na Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados ainda discute o texto-base aprovado ontem, em primeiro turno, da chamada PEC dos Benefícios. Estão sendo votadas hoje seis emendas ao texto. O último destaque votado tenta mudar o limite até o fim do ano de pagamento do Auxílio Brasil de R$ 600, estendendo o benefício para o próximo ano.



15h24 – Livro Bege: maioria dos distritos espera que as pressões de preços persistam pelo menos até o final do ano



15h21 – Retrato do mercado no momento, após Livro Bege do Fed

  • Ibovespa: +0,04%
  • Dow Jones: -0,63%
  • S&P 500: -0,35%
  • Nasdaq: -0,04%
  • Dólar: -0,80%
  • Euro: -0,55%
  • Brent: +0,01%
  • Bond 10Y EUA: -0,043 pontos


15h20 – Após Livro Bege do Fed, Ibovespa alterna entre perdas e ganhos

O Ibovespa agora se sustenta nos 98.226 pontos, próximo da estabilidade, após a divulgação do documento do Fed, que trouxe que vários distritos relataram sinais crescentes de desaceleração na demanda. Conforme o documento, a atividade econômica expandiu-se em ritmo modesto, no geral, desde meados de maio.

Em NY, as bolsas operam mistas, com o Nasdaq subindo 0,13%, mas Dow Jones e S&P500 recuando, respectivamente, 0,72% e 0,31%. O dólar comercial recua 0,81%, cotado a R$ 5,394 na compra e a R$ 5,395 na venda.



15h19 – Livro Bege do Fed: aumentos nos custos de alimentos, commodities e energia (principalmente combustível) permaneceram “significativos”

O relatório pondera que tais preços haviam desacelerado em comparação com os últimos meses, em ainda “historicamente elevados”.



15h17 – Livro Bege: “substanciais” aumentos de preços foram relatados em todos os distritos, em todos os estágios de consumo,

Alguns integrantes notaram “moderação nos preços de insumos” de construção, como madeira e aço



15h15 – Livro Bege do Fed: perspectivas para o crescimento econômico futuro são negativas, especialmente nos próximos seis a doze meses



15h14 – Livro Bege do Fed: produção de produtos de energia permaneceu limitada pela disponibilidade de mão de obra

Mesmo com a demanda tendo se mantido robusta e a atividade de perfuração de petróleo e gás tenha aumentado. Além da mão de obra limita, “gargalos da cadeia de suprimentos para componentes críticos” impuseram freios na produção.



15h12 – Livro Bege: demanda de empréstimos foi mista na maioria dos distritos dos EUA

“Algumas instituições financeiras relataram um aumento no uso de linhas de crédito rotativas por parte dos clientes, enquanto outras relataram um enfraquecimento da demanda por empréstimos residenciais em meio a taxas de juros de hipotecas mais altas”, informa o relatório.



15h10 – Livro Bege: demanda por habitação enfraqueceu “visivelmente”

Segundo os integrantes do Fed, “as crescentes preocupações com a acessibilidade contribuíram para quedas não sazonais nas vendas, resultando em um leve aumento nos estoques e uma valorização mais moderada dos preços”.



15h09 – Livro Bege: muitos distritos relataram que as interrupções na cadeia de suprimentos e a escassez de mão de obra continuaram a prejudicar a produção



15h08 – Livro Bege: baixos níveis de estoque contínuos frearam vendas de automóveis novos na maioria dos distritos



15h07 – Livro Bege do fed: a maioria dos distritos relatou que os gastos do consumidor moderaram, à medida que os preços mais altos dos alimentos e do gás diminuíram a renda discricionária das famílias



15h06 – Livro Bege: ao menos cinco integrantes do Fed notaram preocupações sobre o aumento do risco de recessão



15h04 – Livro Bege do Fed: vários distritos relataram sinais crescentes de desaceleração na demanda



15h02 – Livro Bege: atividade econômica expandiu-se em ritmo modesto, no geral, desde meados de maio



14h47 – Eleven tem recomenda neutra para Lavvi (LAVV3), com preço-alvo de R$ 7 e possível upside de 60%, após prévia do 2T22

“Acreditamos que a margem bruta ainda pode sofrer no curto prazo, antes de recuperar, devido ao maior volume de antecipação”, explica.

No momento, LAVV3 está estável em R$ 4,35.



14h55 – CVM edita 4 novas resoluções para aperfeiçoar e simplificar ofertas públicas

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) editou hoje quatro novas resoluções sobre Ofertas Públicas – 160, 161, 162 e 163 – que tem por objetivo trazer maior previsibilidade, agilidade e segurança jurídica. O intuito é “gerar informações mais objetivas e relevantes para o público investidor”, explica a CVM. (Estadão Conteúdo)



14h52 – Inflação nos EUA está disseminada e Fed vai precisar subir juros mais rápido, dizem analistas



14h50 – Ibovespa segue em terreno positivo, com mais 0,31%, a 98.592,09 pontos



14h47 – Eleven recomenda compra de Mitre (MTRE3), com preço-alvo de R$ 11 e possível upside de 135%, após “sólida prévia operacional” do 2T22

No momento, MTRE3 tem mais 1,07%, a R$ 4,74.



14h44 – Maior queda do Ibovespa no momento é de Rede D’Or (RDOR3), com menos 3,67%



14h36 – Eleven recomenda compra de Even (EVEN3), com preço-alvo de R$ 9 e upside de 85,6%

Prévia do 2T22 mostrou “crescimento de vendas, baixo aumento de distratos, mesmo com um ambiente macro mais desafiador e nível de juros mais elevados”.

No momento, EVEN3 tem mais 2,68%, a R$ 4,98.



14h33 – Câmara vota último destaque da PEC dos Auxílios

Deputados discutem sexto destaque do texto-base da PEC dos Auxílios, aprovado ontem em primeiro turno, na Câmara.



14h26 – Camil (CAML3) opera em alta de 1,48%, às vésperas de divulgar balanço do 1T22, nessa quinta (14)

Itaú BBA espera um trimestre sólido, principalmente após alta nos preços de arroz e feijão (ver nota das 8h21).



14h23 – Juros passam a operar negativo em toda a curva

  • DI (2023): -0,01 pontos, a 13,84% (às 14h: -0,01 pp, a 13,84%)
  • DI (2025): -0,02 pontos, a 13,04% (às 14h: +0,01 pp, a 13,06%)
  • DI (2027): -0,05 pontos, a 12,89% (às 14h: -0,02 pp, a 12,92%)
  • DI (2029): -0,05 pontos, a 13,03% (às 14h: -0,02 pp, a 13,06%)
  • DI (2031): -0,07 pontos, a 13,07% (às 14h: -0,07 pp, a 13,07%)


14h20 – Arthur Lira (PP) responde às críticas de mudança no regimento

O presidente da Câmara se defendeu no plenário sobre a suspensão da votação ontem dos destaques do texto aprovado em primeiro turno da PEC dos Auxílios. Lira disse que não fez manobra para suspender a votação por falta de quórum em favor do governo. Segundo ele, houve um problema no sistema e até convocou a Polícia Federal. Hoje, Lira decidiu autorizar a votação virtual dos parlamentares (ver nota das 11h54).



14h17 – Oscilando entre perdas e ganhos, no momento ações da Vale (VALE3) perdem 0,16%, a R$ 72,93



14h15 – Câmara discute ainda dois destaques no texto-base da PEC

Parlamentares debatem os dois últimos destaques no texto-base aprovado ontem, em primeiro turno, da PEC dos Auxílios. Em seguida, deve entrar em votação em segundo turno a Proposta de Emenda à Constituição que destina cerca de R$ 40 bilhões para diversas ações sociais.



14h13 – Itaú BBA classifica Usiminas (USIM5) como outperform (desempenho acima da média de mercado), com preço-alvo de R$ 17

No momento, USIM5 é negociado a R$ 8,44, ganhos de 1,32%.



14h11 – Itaú BBA tem encontro com novo CFO da Usiminas (USIM5) e não espera mudanças significativas na alocação de capital ou nas políticas de dividendos



14h02 – Principais índices europeus fecham dia em queda ampla

Inflação nos EUA e risco crescente de recessão especialmente na Europa, com o euro perdeu valor, incitaram cautela dos investidores.

  • Stoxx 600: -1,02%
  • DAX (Frankfurt): -1,16%
  • FTSE 100 (Londres): -0,74%
  • CAC 40 (Paris): -0,73%
  • IBEX 35 (Madri): -0,87%
  • FTSE MIB (Milão): -0,93%
  • MOEX (Moscou): -2,82%


HORA DO MERCADO

14h00 –  Ibovespa vira e opera com leve alta; dólar cai mais de 1%

O principal índice da bolsa brasileira opera com alta de 0,28%, aos 98.545 pontos, com melhora do humor nos mercados americanos e alta das ações da Petrobras (PETR3;PETR4).

No cenário doméstico, o mercado acompanha votação dos destaques da Pec dos Auxílios, que foi aprovada em primeiro turno na Câmara dos Deputados ontem à noite. A proposta passa por uma segunda votação.

Em Wall Street, as bolsas operam mistas com temores de um Fed mais agressivo para conter a escalada de preços no país. Dow Jones cai 0,32%; S&P, -0,05%; e Nasdaq, +0,21%

A inflação ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) nos EUA avançou 1,3% em junho na comparação com maio. O número, pior que o esperado, aponta que Fed pode ser mais agressivo em aperto monetário. Por aqui, atenção aos riscos fiscais, após a aprovação em primeiro turno da PEC dos Auxílios na Câmara.

Enquanto isso, o dólar comercial cai 1,13%, cotado a R$ 5,377 na compra e R$ 5,378 na venda.

Juros futuros operam mistos: DIF23, -0,01 pp, a 13,84%; DIF25, +0,01 pp a 13,06%; DIF27, -0,02 pp, a 12,92%; e DIF29, -0,02 pp, a 13,06%.

Entre as maiores altas, destaque para as ações da Ambev (ABEV3), com ganhos 5,80%, e da BRF (BRFS3), que sobe 3,04%. As ações da Ambev sobem após JPMorgan elevar recomendação de neutra para overweight, com preço-alvo subindo de R$ 15 para R$ 17.

As ações da Rede D’or (RDOR3) e da 3R Petroleum (RRRP3) são destaques negativos, caindo, respectivamente, 3,50% e 3,47%. Papéis de operadoras de saúde recuam após piso de enfermagem ser aprovado ontem pela Câmara dos Deputados.



13h58 – Deputados criticam voto virtual da PEC dos Auxílios

Em meio à discussão dos destaques da PEC dos Auxílios (texto-base aprovado ontem em primeiro turno na Câmara), deputados de vários partidos têm criticado o presidente da Casa, Arthur Lira (PP), que decidiu abrir uma nova sessão hoje para discussão da matéria, permitindo votos de parlamentares de forma virtual.



13h50 – CME: apostas de altas de 100 pontos-base pelo Fed em julho sobem após CPI

A probabilidade de que o Fed eleve os juros em 100 pontos-base, na decisão do dia 27 deste mês, subia a 51,1% na manhã desta quarta-feira, 13, com 48,9% de uma elevação de 75 pontos-base, diz o CME Group. Ontem, elas estavam em 7,6% e 92,4%, respectivamente.

A clara mudança no quadro reflete o CPI publicado mais cedo nos EUA, com números da inflação acima do esperado para junho. Analistas em geral têm mantido apostas de que a elevação será de 75 pontos-base, mas alguns não descartam a possibilidade de uma alta de 100 pontos-base neste mês. (Estadão Conteúdo)



13h42 – Light (LIGT3): anúncio de Octavio Lopes como novo CEO é positivo

Segundo analistas, a companhia terá a sua frente novamente um experiente nome do setor e com participações relevantes em casos de recuperação de distribuidoras.

O ativo sobe 10,02%, a R$ 5,83.



13h36 – BRF (BRFS3): Ativa mantém recomendação neutra e eleva preço-alvo de R$ 14,90 para R$ 17,20 

Ativa mantém recomendação neutra devido ao cenário ainda vacilante na demanda interna e desafios em exportações de suínos devido à recuperação do rebanho chinês.

No momento, as ações sobem 3,35%, a R$ 16,34.



13h31 – S&P Global revisa projeção de crescimento do PIB dos EUA em 2022 de 2,5% a 1,4%

A S&P Global revisou em baixa a expectativa para o crescimento dos EUA neste ano, de 2,5% a 1,4%. Para 2023, a S&P cortou a projeção de alta do PIB do país de 1,8% a 1,3%, “devido sobretudo ao aperto monetário mais agressivo do que o antes esperado”.

Para a agência, o PIB dos EUA deve recuar por dois trimestres consecutivos, “a definição popular de uma recessão”. Outros componentes do primeiro semestre, porém, como produção industrial, empregos, horas trabalhadas e renda pessoal real mostram-se positivos, o que faz a S&P avaliar que o país não está em recessão “ainda”. (Estadão Conteúdo)



13h28 – Antes da votação em segundo turno, plenário analisa 3 destaques da PEC

Deputados vão discutir ainda 3 emendas à PEC dos Auxílios, aprovada ontem em primeiro turno.



13h26 – Novo destaque entra em votação no plenário da PEC dos Auxílios

Dessa vez, a discussão na Câmara dos Deputados, sobre a PEC dos Auxílios, aprovada em primeiro turno ontem, se refere à retirada da expressão “imprevisível”, contida em trecho que trata do reconhecimento de estado de emergência, para se referir à elevação dos preços do petróleo no mercado internacional.



13h25 – Mitre (MTRE3): BTG recomenda compra e preço-alvo de R$ 11

Para analistas, resultados operacionais foram fracos, apesar dos fortes lançamentos. BTG mantém visão positiva sobre as ações da Mitre devido ao seu valuation excessivamente descontado (0,5x P/VP), que não reflete seu banco de terrenos premium e balanço patrimonial forte.



13h20 – Maioria dos índices setoriais opera em alta neste momento

Apenas dois caem: Materiais Básicos (IMAT), com menos 0,40%; e Financeiro (IFNC), com menos 0,11%.

Os outros sobem, com Industrial (INDX) liderando, mais 1,04%; seguido por por Imobiliário (ativo=IMOB]), com mais 0,83%; Consumo (ICON, com alta de 0,71%; Utilidade Pública (UTIL), com alta de 0,41%; e Energia Elétrica (IEE), com alta de 0,25%.



13h17 – Rejeitada emenda de retirada da expressão “estado de emergência” da PEC

A votação dos destaques do PEC dos Auxílios, retomada hoje, segue no plenário da Câmara Federal. Por 361 votos a favor e 142 contra, foi mantida a expressão “estado de emergência” da PEC.



13h16 – Ibovespa reduz alta para 0,03%, aos 98.296 pontos



13h15 – Após primeira rodada de votações, apenas seis candidatos seguem com chances de se tornar primeiro-ministro do Reino Unido

O resultado da primeira rodada, entre os que ainda estão na disputa, ficou assim:
– Rishi Sunak (ex-ministro do Tesouro) – 88 votos
– Penny Mordaunt (ministra do Comércio) – 67 votos
– Liz Truss (secretária das Relações Exteriores) – 50 votos
– Kemi Badenoch – 40 votos
– Tom Tugendhat – 37 votos
– Suella Braverman (advogada-geral do Reino Unido) – 32 votos



13h14 – Diretor de Regulaçãodo BC não vê grande deslocamento entre Pix e cartão

O diretor de Regulação do BC, Otávio Damaso, afirmou que, apesar do sucesso do Pix, não vê deslocamento das operações com cartões para os pagamentos instantâneos. “As duas ferramentas continuam bastante utilizadas”, afirmou Damaso nesta quarta-feira. Na avaliação do diretor do BC, o que houve foi uma expansão de transações, com a facilidade propiciada pelo Pix, gerando uma maior inclusão no sistema financeiro. (Estadão Conteúdo)



13h11 – Lavvi (LAVV3) reporta fortes resultados operacionais no 2T22, com destaque para excelentes vendas de lançamentos, avalia BTG

O banco recomenda compra e preço-alvo de R$ 10. No momento, o ativo sobe 0,46%, a R$ 4,37.



13h08 – Após encontro com diretoria da Jalles Machado (JALL3), BofA reitera classificação underperform, com preço-alvo de R$ 9

No momento, a ação é negociada a R$ 7,13, queda de 0,97%.



13h06 – Líderes votam se mantém ou não a expressão “estado de emergência” na PEC

Destaque polêmico na PEC dos Auxílios, líderes de bancada discutem no plenário da Câmara Federal a supressão ou não da expressão “estado de emergência” do texto-base aprovado ontem em primeiro turno.



13h05 – Brasília já tem cerca de 50% de área de cobertura 5G, diz ministro



13h03 – Construtoras sobem em bloco, após ajustes do programa Casa Verde e Amarela e bons números prévios

Há ainda obstáculos pela frente, como inflação alta e juros elevados.



13h02 – Ações ON da Vale (VALE3) viram para baixa de 0,10%, a R$ 72,98



13h01 – Ibovespa reduz alta para 0,18%, aos 98.452 pontos



13h – Even (EVEN3) registra resultados operacionais decentes no 2T22, impulsionados pela Melnick

O banco tem uma recomendação de compra para a Even principalmente devido ao seu balanço patrimonial forte (a posição de caixa líquido representa 46% do valor de mercado) e valuation atraente (0,55x P/VP). O preço-alvo é de R$ 10.



12h57 – Melnick (MELK3) tem desempenho de vendas robusto impulsionando a VSO no 2T22, diz XP

Para analistas, o destaque foi o excelente desempenho das vendas líquidas (%MELK), que atingiram R$ 286 milhões no trimestre e totalizaram R$ 373 milhões no primeiro semestre de 2022 (1S22) (+66% vs. 1S21).

A XP reitera recomendação de compra para MELK3 com preço-alvo de R$ 9,00.



12h54 – Regulação cripto deve ter votação adiada em meio à disputa entre empresas do setor



12h53 – Minerva Foods (BEEF3): Ativa mantém recomendação de compra e eleva preço-alvo de R$ 13,70 para R$ 17,20

Segundo analistas, a elevação do preço-alvo em Minerva, reflete uma reversão do ciclo bovino no Brasil, o que deve ocorrer gradualmente durante o resto do ano e início de 2023 em favor dos frigoríficos brasileiros, além da robusta demanda chinesa por carne bovina e aumento de exportações para os EUA, em função de oferta mais restrita na América do Norte.

Os papéis do frigorífico sobem 0,79%, a R$ 14,01.



12h50 – Itaú BBA: Melnick (MELK3) teve uma forte melhora nas pré-vendas do 2T22

O balanço do trimestre chega em 15 de agosto. No momento, MELK3 avança 2,43%, a R$ 3,81.



12h49 – Câmara vota destaques da PEC dos Auxílios

A votação dos destaques, que não puderam ocorrer ontem, por interrupção do sistema, depois da aprovação em primeiro turno da PEC dos Auxílios, retomou agora na Câmara Federal.



12h48 – Fitch afirma rating de longo prazo em ‘AAA(bra)’ para Americanas (AMER3)

O rating de IDR (Rating de Inadimplência do Emissor) de Longo Prazo em Moeda Estrangeira ficou ‘BB’, e o de IDR de Longo Prazo em Moeda Local, ‘BB+’.

No momento, AMER3 cai 1,66%, a R$ 16,62.



12h46 – AmBev (ABEV3): segundo trimestre não deve animar os investidores, afirma XP

Segundo analistas, mesmo com crescimento na receita líquida/hl, os custos serão um vento contrário, ainda com um aumento nas despesas gerais administrativas pressionando o resultado final.

Analistas esperam um aumento nas vendas de cerveja no Brasil, seguindo a tendência do setor reportada até maio, mas CAC e Canadá estão atrasados, enquanto LAS é misto. Apesar desse gostinho de cerveja choca, a AmBev sempre foi um forte player nas embalagens retornáveis, cujas vendas já estão acima de 2019, apesar de ainda atrás para a garrafa de 600ml.

Assim, à medida que o on-trade (bares e restaurantes) continua se recuperando e com as perspectivas das eleições e da Copa do Mundo, XP continua otimista no nome. No momento, as ações sobem 5,73%, a R$ 14,58.



12h43 – Deputados ainda discutem antes de iniciar votação da PEC dos Auxílios

Questionamentos de atos da mesa para votação da PEC dos Auxílios ao texto-base da Proposta de Emenda à Constituição são feitos no plenário. Hoje, está prevista a votação do segundo turno da PEC.



12h42 – Quadro volta a se deteriorar em NY e índices operam todos no vermelho

O Nasdaq ficou positivo por uma boa parte da manhã e o S&P 500 também ensaiou ganhos, mas os investidores seguem impactados pelos números de inflação mais azedos do que o esperado.

Dow Jones: -0,78% (às 11h59: -0,63%)
S&P 500: -0,53% (às 11h59: -0,32%)
Nasdaq: -0,26% (às 11h59: +0,08%)



12h41 – Petrorio (PRIO3): BTG tem recomendação de compra e preço-alvo de R$ 47



12h38 – Ações ON da Qualicorp (QUAL3) registram maior baixa do Ibovespa, caindo 3,64%, a R$ 11,38



12h34 – Inflação nos EUA está disseminada e Fed vai precisar subir juros mais rápido, dizem analistas



12h30 – Itaú BBA: Ambev (ABEV3) deve aumentar Ebitda no 2T22 em 8%, base anual

A análise entende que “o sólido desempenho da receita compensa a inflação de custos”. O balanço será divulgado dia 28 de julho.

O BBA classifica a ação como market perform, com preço-alvo de R$ 18,00. No momento, alta de 5,87%, a R$ 14,59.



Inflação nos EUA sobe 1,3%, acima do esperado e Euro valendo menos que Dólar



12h27 – DoE: estoques de petróleo dos EUA sobem 3,254 milhões de barris na semana

Os estoques de petróleo dos EUA aumentaram 3,254 milhões de barris, a 427,054 milhões de barris, na semana até 8 de julho, informou o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês). O resultado contrariou a previsão de queda de 900 mil barris dos analistas consultados pelo The Wall Street Journal.

Os estoques de gasolina tiveram salto de 5,825 milhões de barris, a 224,937 milhões de barris, ante expectativa de baixa de 900 mil barris. Já os estoques de destilados subiram 2,668 milhões de barris, a 113,803 milhões de barris, quando a previsão era de alta de 1 milhão de barris. (Estadão Conteúdo)



12h24 – Ações da Light (LIGT3) disparam 10,78%, com escolha de novo CEO da companhia (veja nota das 8h13)



12h22 – Organizações internacionais publicam documento com orientações sobre regulamentação de stablecoins



12h21 – Petróleo trabalha agora no campo positivo, após ficar no vermelho parte da manhã; Brent volta a passar de US$ 100

WTI (agosto): +1,91%, a US$ 97,65 (às 10h, a queda era de 0,31%)
Brent (setembro): +1,39%, a US$ 100,97 (às 10h, a queda era de 0,49%)



12h20 – Oposição tenta obstruir sessão da PEC dos Auxílios

Deputados do governo criticam ação para obstruir o início da votação dos destaques apresentados pelas bancadas na PEC dos Auxílios, aprovada ontem em primeiro turno.



12h19 – Ibovespa volta a renovar máxima do dia: alta de 0,67%, a 98.928,24 pontos



12h17 – Juros futuros operam mistos: DIF23, -0,01 pp, a 13,84%; DIF25, +0,01 pp a 13,06%; DIF27, -0,03 pp, a 12,91%; e DIF29, -0,03 pp, a 13,05%.



12h16 – Aberta oficialmente por Arthur Lira a sessão da PEC dos Auxílios

Deputados seguem contestando a PEC dos Auxílios, apesar da aprovação em primeiro turno ontem em plenário.



12h15 – Ambev (ABEV3): JPMorgan eleva recomendação de neutra para overweight, com preço-alvo subindo de R$ 15 para R$ 17

Relatório ajudou a fermentar alta de ABEV3, que é negociada agora a R$ 14,59, avanço de 5,80%.



12h12 – Dólar comercial amplia baixa para 1,28%, a R$ 5,369 na compra e R$ 5,370 na venda



12h10 – Ibovespa renova mais uma vez a máxima: alta de 0,62%, a 98.888,13 pontos



12h09 – Governo não tem ainda 308 votos no plenário

Deputados da oposição acusam Arthur Lira, presidente da Câmara, de realizar manobras para favorecer o governo na votação hoje dos destaques da PEC dos Auxílios aprovada ontem em primeiro turno



12h08 – Registro de recebíveis de cartões precisa de aperfeiçoamentos, afirma Damaso

O diretor de Regulação do BC, Otávio Damaso, afirmou que o Registro de Recebíveis de Cartões é um mercado da ordem de trilhões de reais que hoje está funcionando bem, mas que são necessários alguns aperfeiçoamentos à frente.

O Registro de Recebíveis foi lançado pelo BC em junho do ano passado com o objetivo de aumentar a competição nesse mercado. Os recebíveis são valores que os lojistas têm a receber em virtude das vendas com cartão, que não são recebidos imediatamente, mas servem para destravar concessões de crédito. (Estadão Conteúdo)



12h06 – Sessão da PEC dos Auxílios discute regimento interno

Deputados levantam questões de ordem com relação à votação da sessão da PEC dos Auxílios aprovada ontem em primeiro turno. Há a necessidade de votar os destaques antes da votação de segundo torno.



12h05 – Maior alta de ontem, com mais de 10%, Magazine Luiza (MGLU3) recua neste momento 0,34%



12h04 – Vale (VALE3) opera em alta de 0,23%, depois de passar a manhã no vermelho



12h02 – Bolsonaro sanciona lei que facilita transformação de prédio comercial em residencial; entenda



12h01 – Ibovespa renova mais uma vez a máxima: alta de 0,61%, a 98.871,40 pontos



11h59 – Em recuperação dos índices em NY, Nasdaq já vira para positivo: 0,08%

Dow Jones diminui perdas para 0,63% (há 20 minutos, eram menos 1,40%) e o S&P cai 0,32% (há 20 minutos, eram menos 1,15%)



11h58 – Na máxima, Ibovespa opera com alta de 0,56%, aos 98.824 pontos



11h56 – É “quase impossível” China bater meta de crescimento, mas deve avançar 4% a 5% em 2022, diz Michael Pettis



11h55 – Câmara dos Deputados retoma a votação da chamada PEC dos Auxílios

O texto-base foi aprovado ontem, em primeiro turno, quando foi suspensa a sessão sem votação dos destaques. O painel da Câmara dos Deputados conta neste momento com pouco mais de 200 deputados.



11h54 – Dólar comercial cai 1,10%, a R$ 5,378 na compra e R$ 5,379 na venda 



11h53 – Ações da Petrobras (PETR3;PETR4) ampliam alta: ONs, +0,85%, a R$ 30,83, e +0,81%, a R$ 28,46



11h51 – Reino Unido: termina primeira fase da votação que vai escolher o próximo primeiro-ministro inglês



11h49 – Biden: “combater a inflação é minha principal prioridade econômica”

O presidente norte-americano afirmou que embora os números de inflação divulgados hoje nos EUA não sejam aceitáveis, eles também não estão desatualizados.

Segundo Biden, o núcleo da inflação anual caiu pelo terceiro mês consecutivo e, para baixar mais a inflação, sem abrir mão dos ganhos econômicos que os EUA conquistaram, o Congresso deve agir agora. “Eles devem trabalhar para reduzir o custo das despesas diárias para as famílias trabalhadoras”, afirmou o presidente.



11h48 – Ibovespa amplia alta para 0,23%, aos 98.501 pontos



11h45 – Operações de Pix Saque e Pix Troco chegam a R$ 31,3 milhões, aponta BC



11h39 – Ibovespa zera perdas, vira positivo em mais 0,07%, e opera com 98.341,26 pontos



11h34 – Arthur Lira (PP-AL), presidente da Câmara dos Deputados, autoriza deputados a registrar presença e votar remotamente na PEC dos Auxílios



11h30 – Segundo pesquisa citada pelo The Guardian, Penny Mordaunt surge como favorita para liderança do Partido Conservador, podendo ser a próxima primeira-ministra do país

Ela é ministra do Comércio desde 2021.



11h26 – Índices em Nova York aceleram perdas

  • Dow Jones: -1,40% (às 11h, era -0,81%)
  • S&P 500: -1,15% (às 11h, era -0,75%)
  • Nasdaq: -1,01% (às 11h, era -0,77%)


11h23 – Itaú BBA: Mitre (MTRE3) entregou vendas aceleradas no 2T22

“A velocidade de vendas acelerou apoiada pelo bom desempenho dos últimos lançamentos”, destaca. O balanço do trimestre chega em 8 de agosto.

No momento, MTRE3 sobe 1,28%, a R$ 4,74.



11h19 – Banco do Canadá aumenta a taxa de juros básica em 100 pontos-base, para 2,50% ao ano

Nota do banco sugere que novos aumentos podem vir.



11h17 – Banco central da Nova Zelândia eleva taxa básica de juros pela sexta vez consecutiva, em 0,50 pontos-base

A taxa foi a 2,5%, nível não visto desde março de 2016.



11h13 – Banco central da Coreia do Sul aumenta em 0,50 pp a taxa de juros, para 2,25%, o maior aumento desde 1999

O aumento de hoje é o terceiro aumento consecutivo da taxa do BoK, após aumentos de 25pb em abril e maio.



11h12 – Morgan Stanley diminui preço-alvo de Suzano (SUZB3) de R$ 59 para R$ 57



11h11 – Morgan Stanley ajusta preço-alvo de Klabin (KLBN11) de R$ 28 para R$ 25



11h06 – Bradesco BBI: Ebitda da Klabin (KLBN11) no 2T22 deve ser de R$ 1,8 bilhão, alta de 1% na base anual

O balanço está previsto para 27 de julho.



11h05 – Ações ON da Neoenergia (NEOE3) sobem 0,94%, a R$ 14,01, após guidance



11h02 – Seis das oito atividades do varejo crescem em maio ante abril, afirma IBGE

Na média global, o volume vendido subiu 0,1%. Os segmentos de produtos farmacêuticos e de vestuário puxaram a alta, mas as perdas de móveis e eletrodomésticos e outros artigos de uso pessoal e doméstico derrubaram o resultado final.

Os avanços foram registrados em Livros, jornais, revistas e papelaria (5,5%), Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (3,6%), Tecidos, vestuário e calçados (3,5%), Combustíveis e lubrificantes (2,1%), Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (2,0%) e Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (1,0%). (Estadão Conteúdo)



HORA DO MERCADO

11h00 –  Ibovespa opera em baixa com dado de inflação nos EUA acima do esperado

O principal índice da bolsa brasileira opera com baixa de 0,30%, aos 97.980 pontos, após a divulgação da inflação ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) nos EUA. O número, pior que o esperado, aponta que Fed pode ser mais agressivo em aperto monetário. Por aqui, atenção aos riscos fiscais, após a aprovação em primeiro turno da PEC dos Auxílios na Câmara.

O CPI avançou 1,3% em junho na comparação com maio, acima da média das projeções do mercado (1,1%). Em 12 meses, a inflação nos EUA acumula alta de 9,1%.

Na seara política, o mercado vai acompanhar a votação dos destaques da Pec dos Auxílios, que foi aprovada em primeiro turno na Câmara dos Deputados ontem à noite. A proposta precisa passar por uma segunda votação, que deve acontecer ainda hoje.

Em Wall Street, as bolsas recuam com temores de um Fed mais agressivo para conter a escalada de preços no país. Dow Jones cai 0,81%; S&P, -0,75%; e Nasdaq, -0,77%

Enquanto isso, o dólar comercial cai 0,53%, cotado a R$ 5,410 na compra e na venda.

De olho no fiscal, os juros futuros operam mistos: DIF23, -0,01 pp, a 13,84%; DIF25, +0,03 pp a 13,08%; DIF27, -0,01 pp, a 12,93%; e DIF29, -0,01 pp, a 13,07%.

Entre as maiores altas, destaque para as ações da Ambev (ABEV3), com ganhos 4,57%, e da Cyrela (CYRE3), que sobe 3,15%. Construtoras sobem com ajustes positivos no programa Casa Verde e Amarela.

As ações da Yduqs (YDUQ3) e da Rede D’or (RDOR3) são destaques negativos, caindo, respectivamente, 4,45% e 3,73%. Papéis de operadoras de saúde recuam após piso de enfermagem ser aprovado ontem pela Câmara dos Deputados.



10h54 – Credit Suisse: ajustes no programa Casa Verde Amarela podem adicionar 630bps às margens das construtoras, em média

“Os reajustes do CVA são positivamente disruptivos para um setor que viu empresas fugindo da alta inflacionária”, destaca. “As construtoras de baixa renda provavelmente poderão agora aumentar os preços e fortalecer suas margens sem comprometer a velocidade de vendas”.

A análise classifica MRV (MRVE3) como outperform; e Tenda ([ativo=TEBD3]) e Direcional (DIRR3) como neutro.



10h52 – Itaú BBA: Lavvi (LAVV3) reportou números de lançamentos resilientes no 2T22

“A velocidade de vendas foi o destaque, impulsionada pela aceleração nas vendas de lançamentos”, destaca. O balanço chega dia 10 de agosto.

Neste instante, LAVV3 é negociada a R$ 4,35, estável.



10h51 – Itaú BBA: Even (EVEN3) apresentou “sólido desempenho” de lançamentos no 2T22

“A velocidade de vendas saudável foi impulsionada por uma aceleração nas vendas de estoque”, diz. O balanço da Even chega em 15 de agosto.

No momento, EVEN3 é negociada a R$ 4,82, queda de 0,41%.



10h47 – Tesouro Direto: taxas recuam, mas prefixados ainda pagam acima de 13% ao ano



10h42 – Bradesco BBI: Dexco (DXCO3) deve registrar um 2T22 sequencialmente mais fraco

Ebitda de R$ 428 milhões vs R$ 504 milhões no 1T22, “devido a pressões de custo e mix de produtos mais fraco”. Balanço oficial chega em 27 de julho.

No momento, a ação é negociada a R$ 9,42, queda de 1,67.



10h41 – Ações da Petrobras viram para alta: ONs, +0,10%, a R$ 30,60, e PNs, +0,07%, a R$ 28,25



10h40 – Ibovespa reduz baixa para 0,32%, aos 97.957 pontos



10h38 – Petroleiras recuam com baixa do petróleo no mercado internacional

Petrorio (PRIO3) cai 2,70%, a R$ 21,64; 3R Petroleum (RRRP3) -1,98%, a R$ 29,68; e PetroRecôncavo (RECV3) -1,71%, a R$ 22,38.



10h36 – Nubank (NUBR33): corte de custos de captação com nova política é positivo, mas analistas monitoram reação dos clientes



10h33 – Índices em NY abrem mais um dia em queda, refletindo CPI

Hoje, os investidores começam a digerir os números da inflação dos EUA acima do esperado (veja nota das 9h32).

  • Dow Jones: -1,07%
  • S&P 500: -1,30%
  • Nasdaq: -1,57%


10h32 – Credit Suisse: piso de enfermagem aprovado ontem pela Câmara dos Deputados pode impactar negativamente empresas

O impacto chegaria a empresas privadas, filantrópicas e governamentais. fornecedores, especialmente nos estados mais pobres. O Credit Suisse cita impactos para Hapvida (HAPV3), Rede D’Or (RDOR3), Dasa (DASA3) e SulAmerica (SULA11). Matéria ainda vai a sanção presidencial.



10h29 – Dólar comercial recua 0,29%, a R$ 5,442 na compra e R$ 5,423 na venda

Dólar Futuro opera com baixa de 0,37%, a R$ 5,447.



10h27 – SVAL11, USDB11 e BNDX11: três novas opções de ETFs estreiam na B3



10h26 – Bradesco BBI: Suzano (SUZB3) deve apresentar no 2T22 Ebitda de R$ 6,2 bilhões, alta de 21% na comparação com o 1T22

A Suzano solta balanço dia 27 de julho. No momento, o ativo recua 2,21, a R$ 46,55.



10h24 – Ações ordinárias da Even (EVEN3) recuam 1,03, a R$ 4,80, após prévia operacional



10h23 – Ibovespa renova mínima e recua 0,79%, aos 97.495 pontos



10h22 – Juros futuros operam sem direção única: DIF23, -0,01pp, a 13,84%; DIF25, +0,03 pp a 13,08%; DIF27, -0,01 pp, a 12,93%; e DIF29, -0,01 pp, a 13,07%.



10h18 – Ucrânia espera avanço nas exportações de grãos com retomada de negociações em Istambul



10h17 – Ibovespa abre em queda com dado de inflação nos EUA acima do esperado

O principal índice da bolsa brasileira opera com baixa de 0,29%, aos 97.986 pontos, após a divulgação da inflação ao consumidor nos EUA. O número, pior que o esperado, aponta que Fed pode ser mais agressivo em aperto monetário. Por aqui, atenção aos riscos fiscais, após a aprovação em primeiro turno da PEC dos Auxílios na Câmara.



10h13 – Ações da Ambev (ABEV3) registram maior alta do Ibovespa, subindo 2,97%, a R$ 14,20



10h12 – Rússia e Ucrânia se reúnem com autoridades da ONU e da Turquia para destravar exportações de grãos



10h10 – 3 ações favoritas dos analistas para julho



10h09 – Ibovespa recua 0,64%, aos 97.646 pontos



10h08 – Joe Biden chega ao Oriente Médio para conversas com Israel, Palestina e, especialmente, Arábia Saudita

É a primeira viagem do presidente norte-americano à região. A visita está prevista para durar quatro dias. Biden vai tratar sobre produção de petróleo com os árabes, buscando baixar os preços internacionais.



10h07 – Euro fica abaixo do dólar pela primeira vez desde 2002

A moeda europeia chegou à paridade ontem, mas hoje, brevemente, ficou abaixo do dólar, o que não acontece há 20 anos. No momento, 1 euro compra 1,0029 dólar.



10h06 – Ações ordinárias e preferenciais da Petrobras (PETR3;PETR4) caem, respectivamente, 0,07%, R$ 30,55, e 0,50%, R$ 28,09



10h05 – Ações ON da Vale (VALE3) abre em queda de 0,25%, a R$ 72,87, com recuo do minério



10h04 – Ibovespa abre, preliminarmente, com baixa de 0,20%, aos 98.070 pontos



10h01 – Petróleo tipo WTI recua 0,31%, a US$ 95,54, e Brent cai 0,49%, a US$ 99,00



9h58 – Partido Conservador inicia votação que escolherá novo primeiro ministro inglês; resultado sai ainda hoje



9h57 – Preços da gasolina no Brasil seguem acima dos internacionais, diz Abicom

O diesel, entretanto, ficou levemente abaixo da paridade. Já são 26 dias desde o último reajuste feito pela Petrobras (PETR3;PETR4).

Diesel (média nacional): -2%, ou R$ 0,09 (ontem era +3% ou 0,14)
Gasolina (média nacional): +3%, ou R$ R$ 0,11 (ontem era +2% ou 0,09)



9h54 – Futuros em NY aprofundam perdas após CPI acima do esperado

  • Dow Jones Futuro -1,18%, a 30.598 pontos;
  • S&P Futuro -1,65%, a 3.760 pontos; e
  • Nadasq Futuro -2,33%, a 11.502 pontos.


9h50  – Celsius está “totalmente insolvente”, alegam autoridades dos EUA



9h48 – Dólar comercial amplia alta para 0,38%, a R$ 5,459 na compra e R$ 5,460 na venda



9h45 – IBGE: varejo restrito sobe 0,1% e ampliado tem alta de 0,2% em maio ante abril

As vendas do comércio varejista subiram 0,1% em maio ante abril, na série com ajuste sazonal. O resultado veio menor do que a mediana positiva de 0,9% das estimativas na pesquisa Projeções Broadcast (intervalo de queda de 0,8% a alta de 1,7%).

Na comparação com maio de 2021, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram baixa de 0,2% em maio de 2022. Nesse confronto, as estimativas iam de uma queda de 1,4% a alta de 3,2%, com mediana positiva de 2,3%. (Estadão Conteúdo)



9h42 – Índices futuros em NY viram para campo negativo após CPI

  • Dow Jones Futuro -0,49%, a 30.813 pontos;
  • S&P Futuro -0,87%, a 3.790 pontos; e
  • Nadasq Futuro -1,59%, a 11.620 pontos.


9h40 – SP tem a gasolina e o etanol mais baratos do Brasil; veja preços de todos os estados



9h38 – Indicador de preço dos alimentos no atacado da Ceagesp cai 1,91% em junho

Nos últimos três meses, o índice acumula queda de 12,09%, informa em comunicado a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp).

A regularidade das condições climáticas favoreceu uma maior estabilidade na oferta dos produtos, segundo a companhia. (Estadão Conteúdo)



9h36 – CPI: Inflação nos EUA já acumula 9,1% em 12 meses



9h35 – Após CPI, Ibovespa futuro acelera perdas para 1,06%, aos 98.615 pontos

  • Dólar Futuro vira para alta de 0,17%, a R$ 5,476; e
  • Dólar comercial passa a subir 0,12%, a R$ 5,445 na compra e  R$ 5,446 na venda.


9h32 – CPI: núcleo de inflação subiu 0,7%, também ficando acima do esperado



9h30 – CPI: Inflação ao consumidor nos EUA sobe 1,3% em junho, acima do esperado



9h28 – China: PBoC se compromete a ampliar apoio à economia para consolidar recuperação

O Banco do Povo da China (PBoC) continuará a reduzir as taxas de empréstimo reais e os custos de financiamento para os participantes do mercado em uma tentativa de conter a desaceleração da economia, disse o chefe do departamento de política monetária da entidade, Zou Lan, nesta quarta-feira, 13. (Estadão Conteúdo)



9h25 – Ibovespa Futuro e Dólar recuam antes da divulgação de dados de inflação de junho nos EUA

  • Ibovespa Futuro cai 0,28%, a 99.390 pontos;
  • Dólar Futuro recua 0,52%, a R$ 5,438; e
  • Dólar comercial tem baixa de 0,35%, a R$ 5,419 na compra e  R$ 5,420 na venda.


9h21 – Cobasi quer voltar a ser líder em pets após perder dianteira para Petz (PETZ3)



9h19 – Minutos antes do CPI, índices futuros em NY operam com ganhos modestos

  • Dow Jones Futuro +0,38%, a 31.083 pontos;
  • S&P Futuro +0,42%, a 3.839 pontos; e
  • Nadasq Futuro +0,51%, a 11.838 pontos.


9h16 – ADR da Vale sobe 0,52%, a US$ 13,45, acompanhando novo aumento do minério de ferro na China



9h14 – China vai assinar acordo de quarentena para importação de milho brasileiro, diz alfândega

A China concluirá a assinatura do acordo de quarentena para importações de milho brasileiro e de amendoim e soja do Malawi como parte de sua diversificação das importações de grãos, disse Li Kuiwen, porta-voz da Administração Geral de Alfândegas, durante entrevista coletiva em Pequim na quarta-feira.

A autoridade disse em maio que havia finalizado um acordo para permitir a importação de milho brasileiro, alinhando uma alternativa ao produto norte-americano em meio à busca por substitutos das importações da Ucrânia. (Reuters)



9h12 – ADR PBRA e PBR da Petrobras sobem, respectivamente, 0,68%, a US$ 10,41, e 0,76%, a US$ 11,32

  • Petróleo WTI: +0,54%, a US$ 96,36
  • Petróleo Brent: +0,68%, a US$ 100,17


9h10 – Ibovespa futuro opera entre perdas e ganhos; dólar e juros futuros recuam



9h09 – Dólar comercial recua 0,31%, a R$ 5,422 na compra e na venda



9h08 – IBGE: acumulado do ano das vendas do varejo soma 1,8%; em doze meses recua 0,4%



9h07 – IBGE: vendas do varejo registram em maio 5º mês consecutivo no campo positivo; média móvel trimestral subiu 0,7%



9h07 – Ibovespa futuro para agosto vira para baixa de 0,15%, aos 99.520 pontos



9h06 – Juros futuros abrem em baixa nos principais vencimentos

DIF23, -0,02pp, a 13,83%; DIF25, -0,03 pp a 13,02%; DIF27, -0,04 pp, a 13,05%; e DIF29, -0,04 pp, a 13,04%.



9h04 – Suspeita do BC de lavagem na Binance foi pivô de suspensão de saques, diz jornal



9h03 – Dólar futuro para agosto cai 0,31%, a R$ 5,450



9h02 – IBGE: Vendas no varejo sobem 0,1% em maio na comparação com abril, abaixo do esperado



9h01 – Ibovespa futuro para agosto abre com ligeira alta de 0,1%, aos 99.770 pontos



9h – Análise técnica por Pamela Semezatto, analista de investimentos e especialista em day trader da Clear Corretora

Ibovespa

“Mais uma vez, o movimento de baixa não teve continuidade e continua na região de briga e na consolidação desde o dia 17/06. Já fez duas pernas dentro dessa lateralização e podemos ficar atentos ao rompimento na terceira perna. Resistência em 101.050 pontos e suporte, em 98.000.”

Dólar

“Dólar continua com força na compra e já se aproxima novamente da região de resistência de R$ 5,500 e média aritmética de 200, que pode segurar um pouco o movimento. Se romper essa resistência, próximo ponto forte está em R$ 5,700 e suporte em R$ 5,300.”



8h58 – Petrobras (PETR3;PETR4) informa resultado da recompra de títulos globais efetuada pela sua subsidiária PGF 

O volume de principal validamente entregue pelos investidores, excluídos juros capitalizados e não pagos, foi de US$ 642,2 milhões, € 28,7 milhões e £ 141,1 milhões para os bonds denominados em dólares, euros e libras,  respectivamente. Adicionalmente, há um montante de US$ 20,7 milhões ainda sujeito à validação, de acordo com os termos da operação.

O pagamento aos investidores que tiveram seus títulos entregues e aceitos para recompra ocorrerá no dia 15 de julho de 2022.



8h55 – Orizon (ORVR3): Credit Suisse mantém avaliação outperform e preço-alvo de R$ 37,40, após visita ao aterro de Paulínia

Segundo analistas, a Orizon vem apresentando crescimento consistente desde seu IPO em diversos segmentos do setor de gestão de resíduos. A visita mostrou que a gestão está preparada para entregar novos projetos no prazo e gerar valor significativo em diferentes estratégias.

Considerando as metas governamentais de eliminação de lixões a céu aberto no Brasil e as demandas ESG também impulsionam uma mudança, o banco acredita que a empresa continuará encontrando novas oportunidades de crescimento nos segmentos de aterros sanitários.



Aprovado PEC dos Auxílios; Twitter processa Elon Musk e Light sob novo comando



8h51 – OCDE: taxa de desemprego fica em 5% em maio, menor nível da série histórica

O documento, publicado nesta quarta-feira, 13, mostra que os países da OCDE tinham 33,8 milhões de desempregados no fim de maio, número bem semelhante aos 34 milhões do mês anterior. (Estadão Conteúdo)



8h47 – Aneel aprova reajuste de 19,60% nas receitas das transmissoras de energia



8h44 – Crise global de oferta de petróleo dá sinais de arrefecimento, aponta AIE

A pior crise global de oferta de petróleo em décadas está dando os primeiros sinais de arrefecimento, à medida que a desaceleração econômica pesa na demanda pela commodity, ao passo que sanções impostas à indústria petrolífera da Rússia estão tendo menos impacto do que o esperado em sua produção, segundo avaliação da AIE.

Em relatório mensal publicado nesta quarta-feira, 13, a AIE cortou suas projeções de demanda mundial por petróleo para este e o próximo ano. Para 2022, a estimativa foi reduzida em 240 mil barris por dia (bpd), a 99,18 milhões de bpd, e para 2023, em 280 mil bpd, a 101,32 milhões de bpd. (Estadão Conteúdo)



8h40 – Ambev (ABEV3): BTG tem recomendação neutra e preço-alvo de R$ 16

Analistas não esperam que o trimestre seja um catalisador positivo para revisões de lucros mais para frente. E com a qualidade dos lucros pior, a Ambev continua sendo uma tese de revisões negativas de múltiplos, atualmente, em 18,6x P/L 2023E.



8h37 – TIM (TIMS3) e Vivo (VIVT3) vão vender antenas herdadas da Oi (OIBR3)



8h34 – Lavvi (LAVV3) reporta sólidos resultados operacionais apoiados pelo desempenho de vendas resilientes no 2T22, aponta XP

Para analistas, o destaque foi a expressiva recuperação das vendas líquidas (100%), atingindo R$ 450 milhões, e totalizando R$ 613 milhões em 2022.

Dessa forma, a XP enxerga uma reação positiva do mercado e mantém visão positiva para LAVV3, negociando a 3,0x P/L em 2022, o que considera como atrativo.



8h29 – Even (EVEN3) divulga prévia operacional mista, avalia BBI

Analistas destacam que os cancelamentos aumentaram em termos nominais após as entregas recentes e merecem alguma atenção, mas permaneceram estáveis.

Olhando para o futuro, esperam que as operações de SP continuem apresentando bons resultados, enquanto o ramp up de Melnick deve continuar impactando negativamente os resultados financeiros gerais.

O banco mantém classificação outperform para o papel, e preço-alvo de R$ 10 frente a cotação de terça-feira (12) de R$ 4,85.



8h26 – Vale (VALE3) inicia construção do Projeto Zhongzhai na China

O Projeto, a ser construído pela Ningbo Zhoushan Port, é estimado para iniciar as operações no segundo semestre de 2023 e pretende desenvolver instalações de silo-blending para até 8 minérios diferentes, com capacidade de 15 Mtpa no Terminal de Minério de Zhongzhai, na província de Zhejiang, China.

Os minérios blendados serão fornecidos exclusivamente à Shagang após conclusão do projeto. A Vale tem o compromisso de fornecer parte das cargas blendadas, com produtos de alta qualidade como BRBF, e prestar assistência técnica nas atividades de blendagem. O Terminal de Minério de Zhongzhai possui um berço de descarga de 300 mil toneladas que pode receber navios Guaibamax.



8h21 – Camil (CAML3): BBA espera um trimestre sólido, principalmente após alta nos preços de arroz e feijão

O time de análise do banco também acredita que os novos negócios de café e massas também devem ajudar a elevar as margens.

O banco mantém classificação outperform para Camil, e preço-alvo de R$ 13 frente a cotação de terça-feira (12) de R$ 10,82.



8h19 – Neoenergia (NEOE3):  volumes distribuídos modestos foram parcialmente compensados por geração eólica, diz Credit Suisse

A energia injetada por distribuidoras da Neonergia cresceu 0,8% para 18.822 GWh no segundo trimestre, comparando com o mesmo período do ano passado. No acumulado do primeiro semestre de 2022 a alta foi de 0,37%, na comparação anual.

A geração eólica, por sua vezm mais que dobrou (+123,77) para 917 GWh no período.

Analistas esperam a continuidade do turnaround nas unidades Celpe, Coelba e Brasília, cujos resultados poderiam ser ainda melhores se a empresa conseguisse entregar melhores custos gerenciáveis ​​e índices de sinistralidade, bem como provisões de inadimplência.

O banco mantém classificação outperform para o papel, e preço-alvo de R$ 23,30 frente a cotação de terça-feira (12) de R$ 13,88.



8h15 – CORREÇÃO: Delta Airlines: Receita líquida ajustada da aérea fica em US$ 13,8 bilhões, acima do esperado

Diferente do informado anteriormente, a recente da Delta Airlines no segundo trimestre de 2022 não foi de R$ 12,3 bilhões. A nota original (das 7h39) foi corrigida.



8h13 – Light (LIGT3): Conselho elege Octávio Cortes Pereira Lopes como novo CEO da companhia

Pereira Lopes assume o cargo a partir do dia 15 de agosto de 2022. Até lá, Wilson Martins Poit continuará exercendo suas funções como Diretor Presidente Interino.

Octávio era CEO da Tok&Stok, companhia líder do setor de casa e decoração no Brasil, desde setembro de 2020, tendo liderado a transformação digital da companhia. Octavio também fundou e foi CEO da Equatorial Energia, de 2004 a 2007.



8h10 – Mitre (MTRE3) reporta dados operacionais decentes, afirma BBI

A prévia operacional da Mitre sustenta a posição do BBI de que a empresa está se aproximando da aceleração material do lucro após sólidos lançamentos e vendas em 2021 e perspectivas positivas de 2022, que analistas acreditam não se refletir no preço da ação.

O banco mantém classificação outperform para o papel e preço-alvo de R$ 12, frente a cotação de terça-feira (12) de R$ 4,68.



8h03 – Even (EVEN3) tem dados operacionais positivos impulsionados pela recuperação das vendas no 2T22, avalia XP

Como resultado, segundo analistas, a velocidade de vendas (VSO) se recuperou para 15%, ajudada pelas vendas de estoque com VSO atingindo 12% no 2T22.

XP mantém recomendação neutra para Even com preço-alvo de R$ 13,00.



7h54 – Delta Airlines: ação passa a operar em baixa de 1,06% no pré-mercado em NY, após balanço do 2T22



7h53 – Commodities: Petróleo e minério voltam a subir de preço no exterior

Os preços do petróleo sobem na sessão de hoje (13), mesmo com os dados de estoque dos EUA mostrando acúmulos de petróleo bruto e produtos refinados em meio a crescentes temores de uma desaceleração econômica global. Na véspera, o brent havia fechado abaixo de US$ 100 o barril pela primeira vez em cerca de três meses com o dólar forte e maior pessimismo com a atividade mundial.

  • Petróleo WTI, +0,77%, a US$ 96,58 o barril
  • Petróleo Brent, +0,72%, a US$ 100,21 o barril
  • Minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve alta de 1,53%, a 732,00 iuanes, o equivalente a US$ 108,92


7h50 – Mitre (MTRE3): vendas líquidas sobem 26,4% no segundo trimestre, na comparação anual



7h48- Melnick (MELK3): vendas líquidas cresceram 148% no segundo trimestre

A vendas com participação da Melnick somara R$ 286 milhões, mais que dobrando em relação ao mesmo período do ano passado.

A Melnick (MELK3) lançou dois empreendimentos no segundo trimestre de 2022, com valor geral de vendas (VGV) potencial de R$ 112,3 milhões, se somada apenas a participação da companhia nos projetos, segundo a prévia operacional. O valor é 58% menor do que o registrado no 1TRI, de R$ 267,3 milhões.



7h46 – Even (EVEN3) registrou R$ 608 milhões em valor geral de vendas (VGV) no segundo trimestre de 2022

Crescimento foi de 126% em relação ao mesmo período de 2021



7h43 – Delta Airlines: ação na Nyse (DAL) sobe 1,35% no pré-mercado



7h42 – Delta Airlines prevê margem operacional entre 11% e 13% no terceiro trimestre



7h40 – Delta Airlines: guidance prevê alta de receita entre 1% e 5% no terceiro trimestre, comparado a 2019



7h39 – Delta Airlines: Receita líquida ajustada da aérea fica em US$ 13,8 bilhões, acima do esperado



7h38 – Delta Airlines: Lucro por ação foi de US$ 1,44 no segundo trimestre, abaixo do esperado



7h36 – Futuros em Nova York têm ganhos moderados; inflação do consumidor é destaque da agenda

O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês), será divulgado às 9h30 (horário de Brasília). Os analistas preveem uma aceleração da escalada de preços, que avançou 1% em maio na comparação do abril e deve ter alta mensal de 1,1% em junho, de acordo com o consenso Refinitiv.

Os resultados de Delta Airlines no segundo trimestre também serão divulgados hoje e a expectativa é que a companhia aérea apresente um crescimento anual de lucro, para US$ 1,70 por ação e receita de US$ 13,14 bilhões.

Veja o desempenho dos mercados futuros:

  • Dow Jones Futuro (EUA), +0,17%
  • S&P 500 Futuro (EUA), +0,20%
  • Nasdaq Futuro (EUA), +0,28%


7h30 – Twitter (TWTR34) processa Elon Musk por tentativa de rescindir acordo de US$ 44 bilhões

As ações da rede social, que avançaram no pregão de ontem, voltam a subir agora no pré-mercado. Os papéis TWTR, negociados na Nasdaq, registram valorização de 1,7%.



7h26 – Criptos hoje: Bitcoin defende patamar de US$ 19 mil em meio a noticiário misto sobre situação de empresas cripto



7h24 – Bolsas europeias voltam a cair, com temor de recessão

A perspectiva de desaceleração econômica no velho continente fez o euro se desvalorizar e chegar à paridade com o dólar, o que não ocorria há 20 anos. Os investidores também aguardam dados de inflação nos Estados Unidos.

A economia do Reino Unido teve um crescimento inesperado de 0,5% em maio na comparação com abril. A produção industrial britânica também surpreendeu, com alta de 0,9%, enquanto o consenso de mercado apontava para uma estagnação.  A produção industrial da zona do euro, por sua vez, teve variação mensal de 0,8% em maio (a média das projeções do mercado apontava para alta de 0,3%).

Na Alemanha, a leitura final anualizada do CPI (inflação ao consumidor) subiu 7,6% em junho, em linha com a previsão.

  • FTSE 100 (Reino Unido), -0,75%
  • DAX (Alemanha), -0,87%
  • CAC 40 (França), -0,56%
  • FTSE MIB (Itália), -0,82%
  • Stoxx 600, -0,70%


7h16 – Maioria das Bolsas asiáticas fecha em alta; balança comercial chinesa foi indicador de destaque 

Os dados comerciais chineses mostraram um aumento de 17,9% nas exportações denominadas em dólar em junho, acima dos 12% que os analistas esperavam, informou a Reuters. As importações subiram 1%, abaixo dos 3,9% previstos por analistas em pesquisa.

A Coreia do Sul, por sua vez, subiu juros em meio ponto percentual pela primeira vez, para 2,25% ao ano. O país se junta à política de aperto do Banco Central dos Estados Unidos e de outros países para combater a alta da inflação. Analistas preveem mais aumentos nas taxas no futuro.

Confira como fecharam as principais Bolsas asiáticas nesta quarta-feira:

  • Shanghai SE (China), +0,09%
  • Nikkei (Japão), +0,54%
  • Hang Seng Index (Hong Kong), -0,22%
  • Kospi (Coreia do Sul), +0,47%


Acessa o tempo real do InfoMoney todos os dias? Adicione este link aos favoritos do seu navegador!



Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe