Tempo Real

IRB (IRBR3), BRF (BRFS3), bancos e Magazine Luiza (MGLU3) puxam quedas da bolsa hoje

Confira o que movimentou a bolsa hoje

Por  Equipe InfoMoney -

18h45 – Encerramos nossas transmissões. Confira os destaques do Ibovespa



18h44 – Copom eleva, por unanimidade, taxa Selic em 1,50 ponto percentual, para 10,75% ao ano



18h28 – Meta (FBOK34), dona do Facebook, tem lucro líquido de US$ 10,29 bilhões no 4TRI21; ações caem 22,4%

O lucro por ação ficou em US$ 3,67, abaixo da expectativa do mercado de US$ 3,84. A receita ficou em linha com o esperado por analistas: US$ 33,67 bilhões contra US$ 33,4 bilhões.

Mas a frustração do mercado veio com número de usuários ativos diários (DAUs) abaixo da expectativa – 1,93 bilhão contra 1,95 bilhão projetados; e usuários ativos mensais (MAUs) igualmente frustrantes – 2,91 bilhões contra 2,95 bilhões projetados.

As projeções para o próximo trimestre também não foram animadoras. O Facebook disse que a receita no primeiro trimestre será de US$ 27 bilhões a US$ 29 bilhões, mas analistas esperavam receita de US$ 30,15 bilhões. Este é o primeiro relatório trimestral desde que o Facebook passou a se chamar Meta.



18h24 – IRB (IRBR3), BRF (BRFS3) e Magazine Luiza puxam quedas da bolsa hoje

O noticiário sobre ofertas de ações fez a diferença na bolsa nesta quarta-feira (2). No topo das quedas, veio as ações do IRB (IRBR3) que recuaram 9,04%, por conta de relatório do Citi informando que uma nova ida da companhia à B3 para levantar capital não está descartada. “O caminho para a reestruturação do IRB é mais longo do que os investidores poderiam prever”, escreveu o banco no documento.

Outro oferta que fez preço foi a dos papéis da BRF (BRFS3), com queda de 7,77%. A oferta subsequente (follow-on) de ações da fabricante de alimentos, voltada apenas para grandes investidores, saiu a R$ 20, um desconto de 7,5% em relação ao fechamento de ontem na B3. A oferta principal foi de 270 milhões ações, com possibilidade de lote extra, de 54 milhões papéis, que não foi exercida.

Mais um destaque negativo ficou por conta do setor bancário, após um resultado abaixo das expectativas do Santander Brasil (SANB11) no balanço do 4º trimestre, com as ações recuando 2,99%. Mas o desempenho derrubou o setor como um todo: BB (BBAS3), -1,66%; Bradesco (BBDC3;BBDC4), -1,68% e -1,81%; e Itaú (ITUB3;ITUB4), -1,30% e -1,57%.

Ainda na ponta negativa esteve as ações das varejistas Magazine Luiza (MGLU3), com queda de 7,13% e de Via (VIIA3), com menos 6,38%.

Dentre as bluechips, ações de maior peso do índice, Vale (VALE3) subiu 0,56%, enquanto as ações da Petrobras (PETR3,PETR4) recuaram, respectivamente, 1,79% e 1,46%.

Confira as ações em destaque nesta quarta-feira:

Maiores altas

Ativo Variação % Valor (R$)
POSI3 3.5676 9.58
LAME4 2.0249 6.55
QUAL3 1.604 18.37
CIEL3 1.3044 2.33
BRAP4 1.1507 28.13

Maiores baixas

Ativo Variação % Valor (R$)
BIDI11 -9.5442 25.4
IRBR3 -9.0361 3.02
BRFS3 -7.767 19.95
BPAN4 -7.3359 9.6
MGLU3 -7.1327 6.51


18h14 – Ibovespa fecha em queda de 1,18%, aos 111.894 pontos; volume financeiro da sessão ficou em R$ 25,29 bilhões

Dólar comercial fechou em leve alta de 0,07%, a R$ 5,275 na compra e R$ 5,276 na venda.

Juros futuros: DIF23 recuaram 0,04 pp, a 12,12%; DIF25, -0,10 pp, a 10,96%; DIF27, -0,12 pp, a 10,94%; e os DIF29, -0,14 pp, a 11,08%.



18h07 – PSDB e MDB negociam federação para pleito de 2022, em acordo inédito 

Caso acerto vingue, os dois partidos deverão seguir juntos até 2026. Mas é uma união difícil, especialmente do lado do MDB, com nomes de peso, como Renan Calheiros, apoiando publicamente a candidatura do ex-presidente Lula.

Veja as declarações do presidente do MDB, Baleia Rossi:

Confira o que escreveu o presidente do PSDB, Bruno Araújo:



18h03 – Fechamentos em Wall Street: Dow Jones, +0,63%, aos 35.629 pontos; S&P 500, +0,94%, aos 4.589 pontos; Nasdaq, +0,50%, aos 14.417 pontos.



17h56 – Ibovespa fecha, preliminarmente, com queda de 1,08%, aos 112.010 pontos



17h44 – “A responsabilidade fiscal é um patrimônio do povo brasileiro”, afirma Lira

Para o presidente da Câmara, este é um legado que gera previsibilidade aos agentes econômicos. “Sem responsabilidade fiscal não é prosperidade nem estabilidade monetária”, disse. Lira ressaltou também que uma das maiores preocupações é o preço de produtos essenciais ao povo, como alimentação, energia e combustíveis.

Segundo projeto aprovado na Câmara, o ICMS, que nas contas de Lira, representa hoje, em média, 27% do preço da gasolina, passaria a ser calculado pela unidade de medida do combustível e não mais sobre seu preço, o que “mitigaria, em parte, as variações dos preços do petróleo”.

Projeto agora está com o Senado, mas Lira reforça que sua análise não pode ser postergada, ignorando seus efeitos.

Arthur Lira - Foto Marina Ramos Câmara dos Deputados
Arthur Lira – Foto Marina Ramos Câmara dos Deputados


17h30 – Bolsonaro aproveita entrega de mensagem presidencial ao Congresso Nacional para atacar Lula e aliados

O presidente disse que se sente parlamentar no Congresso e destacou que não se pode defender a regulação da mídia e uma revisão das alterações promovidas pela reforma trabalhista, em um indireta a Lula e de aliados do petista.

“Não deixamos que qualquer que um de nós, quem quer que seja no Planalto, ouse regular a mídia”, afirmou ele, sem citar o ex-presidente. (Reuters)



17h21 – Pacheco: “Precisamos romper com o paradigma de que em ano eleitoral há um engessamento do Legislativo”

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, falou durante a retomada dos trabalhos no Congresso. “Não podemos deixar questões urgentes em estado de latência”, disse ele, referindo-se às “grandes reformas” estruturantes do Estado, que eliminariam “os males da ineficiência, do desperdício e da corrupção”.

Pacheco salientou a importância de reduzir o custo da máquina pública e de avançar com a reforma tributária.



17h16 – PayPal (PYPL34) desaba 23,82% é a maior queda entre os BDRs

Entre as maiores quedas, destacam-se também a PagSeguro (PAGS34), com menos 12,33%; a Block (S2QU34), baixa de 10,19%; Shopify (S2HO34), recuo de 9,46%; e Twilio (T1WL34), baixa de 7,11%.

Dos 230 ativos que compõem o índice (BDRX), 69 caem em relação ao pregão anterior. O índice, no momento, sobe 0,70%.

Entre as altas estão Alnylam (A1LN34), com mais 10,09%; Alphabet/Google C (GOGL35), com avanço de 8,62%; Alphabet/Google A (GOGL34), alta de 8,15%; Harley-Davidson (H1OG34), mais 7,15%; e Qualcomm (QCOM34), com mais 6,41%.



17h – Hora do Mercado

O Ibovespa chega na última hora de negociações do dia oscilando acima dos 112 mil pontos. O índice reduziu perdas, se afastando das mínimas do dia, mas deve encerrar a sessão descolada das Bolsas em Nova York, que operam em alta por mais um pregão. O Ibovespa agora recua 0,86%, aos 112.258 pontos.

Dentre as bluechips, ações de maior peso do índice, Vale (VALE3) sobe mais de 1%. Por outro lado, Petrobras (PETR3,PETR4) e Itaú (ITUB4) recuam mais de 1,3%.

Positivo (POSI3), Rede D’Or (RDOR3) e Cielo (CIEL3), que divulgará resultados após o fechamento do pregão , são as maiores altas do índice no momento.  IRB (IRBR3), BRF (BRFS3) e Banco Inter (BIDI11) são as três principais baixas.

Enquanto isso, em Nova York, o índice Dow Jones sobe 0,56%. S&P 500 e Nasdaq sobem, respectivamente, 0,82% e 0,38%. Os investidores deixam as preocupações sobre alta de juros nos EUA em segundo plano e focam na temporada de resultados corporativos, que trouxe números positivos.

O dólar perdeu força e fechou em leve alta de 0,07%, a R$ 5,725 na compra e R$ 5,726 na venda. Os juros futuros operam em baixa faltando poucas horas para o anúncio da decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central.

Os contratos DIF23 recuam 0,04 pp, a 12,12%; DIF25, -0,10 pp, a 10,96%; DIF27, -0,11 pp, a 10,96%; e os DIF29, -0,13 pp, a 11,09%.



16h55 – JBS (JBSS3) faz acordo para encerrar litígio sobre fixação de preços de carne bovina nos EUA



16h53 – Petróleo volta a fechar com leve queda de preço no mercado internacional

Os preços do petróleo voltaram a fechar em leve queda nesta quarta-feira, após a Organização dos Países Produtores da matéria-prima (Opep+) decidir aumentar a produção para 400 mil barris por dia em março. Veja como fecharam as cotações:

  • WTI (março): -0,10% (US$ 88,11)
  • Brent (abril): -0,17% (US$ 89,31)


16h26 – PF aponta crime de Bolsonaro em vazamento de conteúdo de inquérito sigiloso



16h16 – IRB Brasil (IRBR3) é destaque negativo entre as Small Caps, com queda de 7,83%

Outras baixas são: Via (VIIA3), com queda de 5,96%; Mosaico (MOSI3), recuando 5,76%; CSU Cardsystem (CARD3), em baixa de 5,64%; e C&A (CEAB3), com queda de 4,83%.

O índice de Small Caps (SMLL) cai 1,32%. Dos 137 componentes, apenas 29 sobem em relação ao dia anterior

Os destaques positivos são Boa Vista (BOAS3), subindo 5,07%; IMC (MEAL3), com alta de 4,91%; Três Tentos (TTEN3), avançando 2,11%; Enauta (ENAT3), com valorização de 2,10%; e Positivo (POSI3), subindo 1,95%.



16h012 – BofA reduz preço-alvo de Equatorial (EQTL3) para R$ 29,00, mas mantém recomendação de compra

A revisão para baixo no preço-alvo da ação, que antes era de R$ 31, foi motivada por aspectos macroeconômicos e resultados recentes da companhia. Para analisar a empresa, o BofA também levou em consideração os riscos e oportunidades de aquisições feitas pela companhia e a oferta primária de ações no montante de R$ 2,7 bilhões.

Mesmo com a redução no preço, o BofA afirma que a ação está sendo negociada a múltiplos atraentes e segue na lista de top picks do banco.

No momento, EQTL3 sobe 0,7%, a R$ 23,11.



15h53 – Vale (VALE3) lidera recomendações de compra dos analistas para fevereiro e Renner (LREN3) entra na seleção

O InfoMoney divulga a compilação das recomendações todo início de cada mês, selecionando os cinco nomes mais citados pelas dez corretoras consultadas. O número de indicações pode ser maior, se houver empate, como neste mês.

Confira a seguir as sete ações mais indicadas para fevereiro, a quantidade de recomendações e o desempenho de cada papel em janeiro, em 2021 e em 12 meses:

Empresa Ticker Nº de recomendações Retorno em janeiro  Retorno em 2021 Retorno em 12 meses
Vale VALE3 8 3,73% 4,86% 9,94%
Itaú Unibanco ITUB4 5 21,01% -16,81% 9,96%
Petrobras PETR4 5 13,71% 23,51% 47,47%
Suzano SUZB3 4 -0,34% 2,68% -6,04%
Weg WEGE3 4 -2,49% -11,91% -23,28%
Arezzo ARZZ3 4 6,54% 13,92% 14,15%
Lojas Renner LREN3 4 15,06% -37,41% -26,74%
Ibovespa  IBOV 6,98% -11,93% -3,65%

 

Fontes: Ágora, Ativa, BB Investimentos, BTG Pactual, Elite, Genial, Guide, Órama, Santander Corretora, XP Investimentos e Economatica



15h39 – IC-Br composto tem alta de 2,99% em janeiro, segundo o Banco Central

Índice composto de preços de commodities chegou ao maior valor desde outubro de 2021, com R$ 408,84. A alta acumulada em 12 meses é de 40,41% e no trimestre (novembro, dezembro e janeiro), de 1,92%.

Como comparação, o índice de preços de commodities baseado no mercado à vista e calculado pelo Commodity Research Bureau, subiu 0,02% em janeiro e 32,83% nos últimos 12 meses.



15h32 – Giba Coelho analisa Magazine Luiza (MGLU3), Vale (VALE3), IRB (IRBR3), Ambev (ABEV3) e Santander (SANB11)



15h16 – Acionista da IMC (MEAL3) convoca AGE para mudar estatuto da companhia

O pedido foi feito pela UV Gestora, que tem 27,16% do capital social da IMC. Segundo o estatuto da companhia, o acionista que atingir 30% de participação é obrigado a fazer uma oferta por toda a empresa em até 10 dias. A UV convocou a Assembleia Geral Extraordinária (AGE) para que essa regra seja mudada.

O pedido da gestora foi comunicado ao mercado em fato relevante divulgado arquivado na CVM. A UV também possui duas cadeiras no Conselho de Administração da empresa. No momento, MEAL3 sobe 5,28%, indo a R$ 2,79.



15h – Hora do mercado

O Ibovespa se afasta das mínimas, porém se mantém em queda nesta quarta-feira de ajustes para o mercado brasileiro de ações. Depois que o índice alcançou o maior patamar em quatro meses no fechamento da véspera, hoje os investidores embolsam lucros. As blue chips, ações de maior peso da carteira do Ibovespa, contribuem com o movimento de queda. Papéis como Petrobas (PETR3,PETR4) e Itaú (ITUB4) recuam mais de 1%.

Aos 112.120 pontos, o Ibovespa cai 0,98%, com um volume financeiro de R$ 15,2 bilhões. BRF (BRFS3), Gerdau (GGBR4) e Positivo (POSI3) são as maiores altas do índice no momento. BRF (BRFS3), Banco Inter (BIDI11) e IRB (IRBR3) são as três principais baixas.

Enquanto isso, em Nova York, o índice Dow Jones sobe 0,37%. S&P 500 e Nasdaq sobem, respectivamente, 0,7% e 0,38%. Os investidores deixam as preocupações sobre alta de juros nos EUA em segundo plano e focam na temporada de resultados corporativos, que trouxe números positivos.

O dólar dá uma trégua e sobe 0,39%, a R$ 5,293 na compra e na venda. Os juros futuros operam em baixa faltando poucas horas para o anúncio da decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central.

Os contratos DIF23 recuam 0,04 pp, a 12,12%; DIF25, -0,08 pp, a 10,98%; DIF27, -0,10 pp, a 10,96%; e os DIF29, -0,10 pp, a 11,12%.



14h54 – Bolsas em NY viram e operam em alta; Ibovespa segue em queda de mais de 1%

Em Wall Street, o Dow Jones sobe 0,36%, enquanto S&P 500 e Nasdaq avançam, respectivamente, 0,68% e 0,47%. O Ibovespa, por sua vez, recua 1,08%, aos 112.009 pontos.



14h47 – Privatização da Eletrobras (ELET3; ELET6) pode ser cancelada por falha de metodologia

Segundo o Valor Econômico, houve subavaliação no valor da outorga que a ser paga ao governo pelos novos donos da empresa. Por ora, o processo segue em análise no Tribunal de Contas da União (TCU) e só então será possível saber o montante em questão.

O próprio relator, ministro Aroldo Cedraz, apresentou seu voto no ano passado com uma série de ressalvas, incluindo o valor da outorga, definido em R$ 23,2 bilhões.

No momento, ELET3 cai 2,37%, a R$ 33,80; e ELET6 recua 0,77%, a R$ 64,50.



14h21 – TRT-MG julga hoje recurso da Vale (VALE3) contra indenização às famílias de trabalhadores mortos em Brumadinho

Segundo informações do Estadão Conteúdo, a empresa questiona o pagamento de R$ 1 milhão por dano moral para cada um dos 131 trabalhadores mortos pela tragédia em Brumadinho, há três anos. Do outro lado, o sindicato que defende a categoria pede que o valor suba para R$ 3 milhões para cada vítima.

Na decisão de primeira instância, a indenização chegou ao total de R$ 131 milhões, valor que a Vale agora contesta, já que para a empresa 21 desses 131 não fazem parte da categoria defendida pelo sindicato, além de outros que entraram com ações individuais.

Leia também: Vale três anos após Brumadinho: a situação das reparações, das barragens e os possíveis impactos à companhia



14h11 – Produção industrial foi surpresa positiva em dezembro, mas expectativas para o setor continuam fracas



14h05 – Setor portuário brasileiro movimentou 1,210 bilhão de toneladas em 2021, crescimento de 4,8% em relação ao ano anterior

A movimentação de contêineres, com 133,1 milhões de toneladas, apresentou alta de 11% em 2021 na comparação com o ano anterior. A participação de contêineres em todo o setor é igualmente de 11%, findo os doze meses de 2021.

Minério de ferro segue como maior volume movimentado, com 370,4 milhões de toneladas, aumento de 4% em comparação com 2020.

Para 2022, estudos apontam que a movimentação alcançará 1,239 bilhão de toneladas, um crescimento de 2,4% em relação a 2021. Os dados são da Antaq.



14h02 – Mercados europeus fecharam sem direção única, embora sem muita variação

A inflação da zona do euro divulgada hoje atingiu um recorde histórico em janeiro, de acordo com dados preliminares do Eurostat: alta de 5,1%, após um aumento de 5% em dezembro, com a energia exercendo maior pressão. A inflação histórica indica que o Banco Central Europeu deve apertar a política monetária.

  • Euro Stoxx 600: +0,68%
  • DAX (Frankfurt): -0,02%
  • FTSE 100 (Londres): +0,60%
  • CAC 40 (Paris): +0,22%
  • IBEX 35 (Madri): -0,16%
  • FTSE MIB (Milão): +0,61%


13h57 – Processo de venda da Oi Móvel é 1º item da pauta do Cade da próxima quarta-feira, dia 9

Após aprovação da Anatel para venda dos ativos móveis da tele, a próxima etapa do processo passa pelo órgão de análise da concorrência.

As ações da (OIBR3) recuam 3,77%, cotadas a R$ 1,02; enquanto os papéis (OIBR4) recuam 1,71%, a R$ 1,72.

A lista de casos a serem analisados pelo Tribunal do Cade nesse dia está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, 2. A sessão será realizada por meio remoto e terá início às 10 horas. (Com Estadão Conteúdo)



13h51 – Cielo (CIEL3) opera em alta antes da divulgação do balanço do 4T21

Ações avançam 0,43%, indo a R$ 2,32. A estimativa de mercado é de receita de R$ 3,3 bilhões, lucro líquido de R$ 234 milhões e Ebitda de R$ 800 milhões.

Há um ano, a Cielo reportava receita líquida de R$ 1,31 bilhão, lucro líquido de 298,2 milhões e Ebitda de R$ 768,2 milhões.



13h41 – Santander Brasil (SANB11): os fatores que levam à forte queda da ação após o resultado do 4º trimestre



13h33 – Ibovespa amplia perdas e passa a recuar 1,31%, abaixo dos 112 mil pontos (111.735 pontos)

Entre os destaques de perdas estão BRF (BRFS3) e IRB (IRBR3), recuando 8% e 6,3%, ambos influenciados por informações sobre ofertas de ações.

Em seguida, vem o setor de varejo, com queda de Magazine Luiza (MGLU3) e Via (VIIA3), com quedas de 4,7% e 4,2%.



13h27 – Todos os índices setoriais operam no vermelho nesta quarta-feira

Apenas Materiais Básicos (IMAT) gira em torno da estabilidade, experimentando picos de leve alta.

Financeiro (IFNC) lidera as baixas, com menos 1,35%, puxado pela queda em bloco dos bancos; enquanto Imobiliário (IMOB) cai 1,22%; seguido por Consumo (ICON), com menos 1,10%; Industrial (INDX), com queda de 0,98%; Energia Elétrica (IEE), baixa de 0,20%; e Utilidade Pública (UTIL), menos 0,19%.



13h24 – Itaú BBA vê balanço do Santander (SANB11) como “ligeiramente negativo”

Para o BBA, a queda de 11% do lucro líquido, que ficou em R$ 3,9 bilhões no 4TRI21, em relação ao trimestre imediatamente anterior, foi causada principalmente por menores NII e maiores despesas diversas.

“As ações do Santander Brasil provavelmente terão uma reação ligeiramente negativa nas negociações de hoje. A fraqueza deste trimestre era esperada pelos mercados”, ressalta.

No momento, SANB11 cai 2,47%, indo a R$ 31,92.



13h20 – Pesquisa PoderData aponta liderança de Lula na corrida ao Planalto

Conforme pesquisa publicada no início desta tarde, o petista tem 41% das intenções de voto, enquanto o atual presidente, Bolsonaro, aparece com 30%.

Frente levantamento de 15 dias atrás, os dois pré-candidatos tiveram variações dentro da margem de erro, de 2 pp para mais ou menos. Assim, a vantagem de Lula sobre Bolsonaro recuou de 14 para 11 pontos.

Em terceiro lugar, empatados, aparecem os pré-candidatos Ciro Gomes e Sérgio Moro, ambos com 7%. Em relação ao levantamento anterior, Ciro avançou 4 pp., e Moro recuou 1 pp.

Acima de 1% das intenções, aparece ainda João Doria, com 2%. A pesquisa do Poder Data foi feita com 3 mil entrevistas, entre 31 de janeiro e 1º de fevereiro. O intervalo de confiança é de 95%.



13h13 – Ibovespa amplia perdas e recua 1,07% (112.015 pontos), acompanhando piora de NY; Nasdaq virou para queda de 0,31%



13h – Hora do Mercado

O Ibovespa segue operando nas mínimas do dia, com queda de 0,86%, na faixa dos 112,3 mil pontos, se descolando dos mercados internacionais. Lá fora, o Dow Jones avança 0,02%, o S&P sobe 0,33% e o Nasdaq tem ganhos de 0,33%.

Conforme análise da XP Strategy Watch, as bolsas americanas continuam o rally, no quarto pregão seguido de alta, com resultados corporativos acima das expectativas e, novamente, com alguns membros do Fed dando declarações mais dovish.

Essa mensagem dos membros do Fed indica que não pretendem atrapalhar o crescimento econômico com surpresas de política monetária, sinalizando que um ritmo de aumento de 0,50% na taxa de juros é improvável. Adicionalmente, a OPEC+ se reuniu hoje e ratificou o aumento de 400 mil barris por dia.

No Brasil, os juros intermediários e longos fecham, em linha com as Treasuries, os mais curtos ficam na espera do Copom, que divulga sua decisão de política monetária hoje às 18:30.

Os contratos DIF23 recuam 0,03 pp, a 12,14%; DIF25, -0,05 pp, a 11,02%; DIF27, -0,06 pp, a 11,01%; e os DIF29, -0,07 pp, a 11,15%.

O dólar avança 0,56%, cotado a R$ 5,302 na compra e a R$ 5,303 na venda. O dólar futuro avança 0,01%, a R$ 5,357.

Entre os indicadores, a produção industrial de dezembro veio acima do esperado, com bens de capital na surpresa positiva

Confira os destaques das ações:

Maiores altas

Ativo Variação % Valor (R$)
POSI3 3.5676 9.58
LAME4 2.0249 6.55
QUAL3 1.604 18.37
CIEL3 1.3044 2.33
BRAP4 1.1507 28.13

Maiores baixas

Ativo Variação % Valor (R$)
BIDI11 -9.5442 25.4
IRBR3 -9.0361 3.02
BRFS3 -7.767 19.95
BPAN4 -7.3359 9.6
MGLU3 -7.1327 6.51


12h43 – Estoques de petróleo bruto dos EUA diminuíram 1,0 milhão de barris em relação à semana anterior

Consenso era de mais 1,5 milhão de barris. Com 415,1 milhões de barris, os estoques de petróleo bruto dos EUA estão cerca de 9% abaixo da média de cinco anos para esta época do ano.

Antes do relatório, o WTI para entrega em março caía 0,43%, para US$ 87,82; enquanto o Brent, em Londres, com entrega em abril, caía 0,31%, a US$ 88,88.

Agora, os mesmos futuros do WTI caem 0,25%, a US$ 88,00; enquanto os do Brent operam voláteis, reduzindo 0,07%, aos US$ 89,10.



12h38 – Com altas nos preços de luz e gasolina, arrecadação do ICMS atinge R$ 637 bi, alta de 22,6% ante 2021, e bate recorde

Os governos estaduais não registravam um crescimento nesse nível desde 1999, quando a série histórica iniciou. Os dados são do Confaz e foram obtidos pelo Estadão/Broadcast. Além disso, a arrecadação foi turbinada pela retomada de atividades econômicas após o período de maior restrição da pandemia de Covid-19.

O tributo entrou na discussão sobre o preço dos combustíveis em ano eleitoral. O presidente Jair Bolsonaro (PL) pressiona os governadores a reduzirem a alíquota, após terem congelado a cobrança. Eles, porém, não querem abrir mão da arrecadação e dizem não contar com a “ajuda” da inflação para repetir o resultado neste ano. (Estadão Conteúdo)



12h29 – Biden aprova o envio de tropas dos EUA para a Europa Oriental

Washington transferirá um adicional de 3 mil soldados para a Polônia, Romênia e Alemanha nos próximos dias, disseram autoridades americanas, em meio ao agravamento da crise entre Rússia, Ucrânia e OTAN, conforme agências internacionais.





12h13 – Ibovespa amplia perdas, com queda de 0,80%, aos 112.317 pontos



12h08 – XP estima crescimento de 0,7% para o IBC-Br de dezembro em comparação a novembro

A previsão já inclui ajuste sazonal. Seria um aumento de 1,3% ante dezembro de 2020, o que corresponde a uma alta de 0,2% no 4T21 em relação ao trimestre imediatamente anterior e variação de 0,1% ante o 4T20.

Assim, a XP estima que o PIB do último trimestre de 2021 terá uma ligeira elevação de 0,2% em relação ao trimestre anterior, descontados os efeitos sazonais, e aumento de 1,2% em comparação ao 4T20, “o que implicaria um efeito de carrego estatístico (carry-over) nulo para o PIB de 2022”.

O IBC-Br de dezembro de dezembro está programado para sair dia 11 de fevereiro.



12h03 – Alta de 2,9% da produção industrial brasileira é um resultado positivo, segundo a XP

Analistas, porém, questionam se é um “alívio temporário ou reversão de tendência”. O resultado [veja nota das 9h01], após ajuste sazonal, veio muito acima da expectativa de 1,4% da XP e do 1,6% esperados pelo mercado. É o primeiro crescimento após seis meses consecutivos de números negativos ou estabilidade.

A estimativa preliminar para a produção da indústria geral em janeiro de 2022 corresponde a recuo de 0,6% frente a dezembro de 2021. Para o acumulado de 2022, a XP projeta elevação de 0,8%.

“Olhando para 2022, acreditamos que a indústria não apresentará resultados muito encorajadores. Apesar do afrouxamento gradual das restrições de oferta (permitindo alguma recomposição de estoques), o arrefecimento da demanda doméstica deverá impedir uma recuperação consistente da produção industrial ao longo deste ano”, explica.

Produção industrial


11h58 – Aposta unânime de gestores de multimercados é de elevação de 1,5 ponto na Selic, para 10,75% ao ano



11h52 – Bradesco BBI não vê impacto para Ambev (ABEV3) com entrada da Better Drinks no mercado

A nova empresa fundada por ex-executivos da própria Ambev anunciou o início das operações no Brasil. O investimento inicial é de R$ 25 milhões e a Better Drinks aposta na combinação de cinco marcas independentes: Baer-Mate, F!VE, Mamba, Praya e Vivant. A expectativa é faturar R$ 1 bilhão em cinco anos.

Segundo a análise, como o mercado de bebidas no Brasil tem cerca de R$ 130 bilhões em vendas, o R$ 1 bilhão almejado pode não ter um impacto material sobre concorrentes e sobre a Ambev. “No entanto, vale ressaltar que marcas de cervejas premium e artesanais vêm ganhando a preferência do consumidor no Brasil, que parece ser o segmento de foco para Better Drinks”, ressalta.

No momento, ABEV3 cai 0,40%, a R$ 14,79. O preço-alvo do BBI para o ativo é de R$ 21,00.



11h47 – Brasil estaria “voando”, se não fosse a pandemia, afirmou Bolsonaro

“Se não fossem medidas tomadas pelo nosso governo em 2019, teríamos sucumbido em 2020. Resistimos. É o primeiro governo que enfrenta o teto de gastos. No passado era mole, só dar uma canetada e estava tudo resolvido. Agora tem teto, temos um limite para gastar”, completou, em evento de abertura do ano legislativo.



11h32 – Bolsas americanas abrem alta; balanço da Alphabet, dona do Google (GOGL34), impulsiona ganhos

O índice Nasdaq sobe 1% na abertura dos negócios em NY, registrando o quarto pregão consecutivo de alta, refletindo os ganhos do Google, assim como o anúncio do seu desdobramento de ações, o que levará os papéis a se tornarem mais acessíveis aos investidores.

Assim, os papéis de tecnologia que puxaram as perdas dos mercados acionários americanos em janeiro, mostram recuperação.

Ainda entre as empresas de tecnologia, hoje está prevista a divulgação dos resultados da Meta, controladora do Facebook (FBOK34). Amanhã, será a vez da Amazon (AMZO34) informar seus resultados,

O Dow Jones avança 0,10% e o S&P 500 valoriza-se 0,51%.



11h28 – Na abertura do ano legislativo, Bolsonaro cobra poderes do Congresso para zerar imposto federal sobre diesel

Em evento na manhã desta quarta (2), presidente Jair Bolsonaro (PL) pediu “emergencialmente” liberdade para que possa atuar sobre o combustível. “Ninguém vai fazer nenhuma barbaridade”, ponderou.



11h21 – Dívida americana ultrapassou US$ 30 trilhões pela primeira vez

O dado reflete o aumento dos empréstimos federais durante a pandemia de coronavírus. O número representa um aumento de quase US$ 7 trilhões em relação ao final de janeiro de 2020, pouco antes da pandemia.

A marca é superada em um momento de transição para a política fiscal e monetária dos EUA, que provavelmente terá implicações para a economia em geral.

Muitos dos programas federais de ajuda à pandemia autorizados pelo Congresso expiraram, deixando os americanos com menos assistência financeira do que no início da pandemia. (Estadão Conteúdo)



11h19 – XP mantém recomendação neutra para GPA (PCAR3) mas reduz preço-alvo de R$ 35,00 para R$ 32,00

A corretora espera um momento de resultados ainda desafiador, uma vez que o quarto trimestre deve ser pressionado pelas promoções das lojas Extra enquanto só devemos ter uma melhor visibilidade da nova empresa (Extra ex-Hiper) no 2º semestre após a conversão das lojas restantes.



11h13 – PagSeguro (PAGS34) reporta forte TPV no 4T21, diz BBI

O Bradesco BBI enxerga os números operacionais preliminares como marginalmente positivos, à luz do forte crescimento do Volume Total de Pagamentos (TPV, na sigla em inglês).

O banco observa, no entanto, que o foco principal deve continuar a ser as tendências de taxa/receita, à medida que a empresa continua a subir mais alto na pirâmide para clientes de maior ticket – potencialmente diluindo ainda mais as taxas de aceitação.

O Bradesco BBI mantém recomendação neutra para PagSeguro e preço-alvo de US$ 33,00.



11h07 – IRB Brasil (IRBR3) luta novamente para evitar a insolvência, segundo Citi

Analistas do banco conversaram com dois novos executivos da empresa, que tomaram posse há apenas quatro meses, Willy Otto Jordan Netto (CFO) e Raphael Carvalho (CEO), que não descartaram um novo aumento de capital. Em 2020, lembra o Brazil Journal, a empresa aumentou o capital em R$ 2,3 bilhões e Itaú (ITUB4) e Bradesco (BBDC4) injetarem R$ 600 milhões na empresa.

O Citi mantém sua recomendação de venda para IRBR3, estipulando preço-alvo de R$ 3,70. No momento, o ativo cai 4,52% a R$ 3,17.



11h05 –  Com retorno de mais de 2%, fundo imobiliário CSHG Real Estate (HGRE11) é maior pagador de dividendos em janeiro; Ifix sobe



11h00 – Hora do mercado

O Ibovespa abriu em alta, mas logo o sinal inverteu e o principal índice da bolsa brasileira passou a cair, recuando agora 0,29%, aos 112.906 pontos. Ele opera descolado da performance dos futuros americanos, que avançam – o do Dow Jones tem alta de 0,14%, o do S&P 500, de 0,75% e o da Nasdaq, de 1,33%.

Pesa por aqui as ações dos bancos, que caem em bloco, após o Santander (SANB11) divulgar seus números do quarto trimestre de 2021, que frustraram as expectativas do mercado [ver nota das 7h54]. As ações unitárias caem 2,57%, a R$ 31,92. Lá fora, por outro lado, os resultados trimestrais ajudam a puxar os índices – as ações do Google (GOGL34) sobem mais de 10% no pré-mercado.

Além disso, a investidores continuam cautelosos, esperando os próximos passos do Comitê de Política Monetária (Copom), que define a nova taxa Selic ainda hoje. A curva de juros, enquanto isso, tem alta na ponta curta, mas cai em seu meio e na ponta longa. O rendimento do DI para janeiro de 2023 avança um ponto-base, para 12,18%. As taxas dos DIs para o mesmo mês de 2025, 2027 e 2029 caem, na sequência, quatro, sete e oito pontos base, para 11,03%, 11% e 11,14%.

O dólar, que abriu em queda, agora avança – o futuro sobe 0,49%, a R$ 5,327, e o comercial, 041%, a R$ 5,294 na compra e R$ 5,295 na venda.



10h51 – XP recomenda compra de Grupo Mateus (GMAT3), com preço-alvo de R$ 9,00, upside 49,3%

A corretora diz que o plano de expansão do IPO está no caminho certo, mas ações ainda parecem carecer da atenção dos investidores.



10h45 –  Em reunião, Opep+ reafirma a decisão de aumentar produção de barris de petróleo em 400 mil por dia em março



10h41 – XP prefere exposição ao formato de Atacarejo, sendo o Assaí (ASAI3) sua principal escolha no segmento de varejo alimentar

A corretora espera que a inflação permaneça em patamares elevados no curto prazo, com incerteza política/macro dominando em meio às campanhas eleitorais, e acredita que o canal se destacará como uma alternativa interessante em termos de custo e benefício.

Com isso, os analistas veem que os consumidores continuarão migrando para o formato em 2022 e que esse movimento deve ser estrutural, uma vez que não enxerga motivos para os clientes voltarem a pagar um preço mais alto pelos mesmos produtos em um formato diferente.

A XP reforça sua preferência pelo Assaí (ASAI3) devido às sólidas perspectivas de crescimento, presença nacional e diversificada, além de um histórico de entregas já comprovado.



10h40 – Tesouro Direto: com Copom no radar, taxas dos títulos públicos recuam; juros de prefixados chegam até 11,35% ao ano

Juros dos papéis prefixados são os que mais recuam. A taxa paga pelo Tesouro Prefixado 2026, por exemplo, caía de 11,12% frente a sessão anterior para 11,05% ao ano na abertura dos negócios.. No mesmo horário, os retornos oferecidos pelo Tesouro Prefixado 2024 contraíam de 11,41% para 11,35% ao ano.



10h36 – Fenabrave: Vendas de veículos caem 38,9% em janeiro ante dezembro

Número ficou em 126,49 mil unidades. “O resultado é conjuntural e acontece, principalmente, em função dos baixos estoques das concessionárias, em dezembro, e da persistente falta de produtos, ainda provocada pela escassez de insumos e componentes”, disse o presidente da Fenabrave, José Maurício Andreta Jr., em comunicado à imprensa.

Veja as projeções da Fenabrave:

Projeções veículos. Fonte: Fenabrave
Projeções veículos. Fonte: Fenabrave


10h32 – Credit Suisse avalia resultados do Santander (SANB11) no quarto trimestre como negativos 

O lucro líquido do banco veio 11% abaixo do consenso de mercado e 7% abaixo das estimativas do CS. Já o desempenho de receita (NII e taxas) foi ligeiramente melhor que o consenso, devido ao melhor mix de NII.



10h25 – Ibovespa vira e passa a cair 0,20%, aos 113.015 pontos

O principal índice da bolsa brasileira abriu em alta, mas virou para queda, após as ações ON e PN da Petrobras (PETR3;PETR4) virarem para queda de, respectivamente, 1,30% e 0,53%. As ações da petroleira brasileira ignoraram, até o momento, a alta do petróleo – o barril Brent, que é parâmetro para a companhia, sobe 1,17%, a US$ 90,20.



10h24 – Bancos figuram entre as maiores baixas do Ibovespa, com destaque para queda do Santander (SANB11) após divulgação do balanço 

  • Santander (SANB11) -3,61%, a R$ 31,55
  • Bradesco (BBDC4) -1,66%, a R$ 22,48
  • Itaú (ITUB4) -1,45%, a R$ 25,12
  • Banco do Brasil (BBAS3) -1,56%, a R$ 32,10


10h21- As ações da BRF (BRFS3) lideram as perdas do Ibovespa após divulgação do resultado da oferta subsequente de ações

Os papéis ON da BRF recuam 7,58%, cotados a R$ 19,99.



10h17 – Verde e SPX veem traders se preparando para retorno de Lula



10h15- Ação da Vale (VALE3) abre em baixa de 0,25%, cotada a R$ 85,10



10h15 – EUA: Número de vagas em empregos privados recua 301 mil em janeiro, diz ADP, ante consenso de alta de 207 mil 



10h13 – Em reunião nesta quarta, OPEP+ deve confirmar aumento de produção para março, diz BBI

O banco acredita que o mercado está antecipando a confirmação de outro aumento de produção de 400 kbpd para o mês de março, embora a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados (Opep+) provavelmente precise fazer algumas reflexões adicionais, pois o grupo não conseguiu acompanhar os aumentos anteriores devido a alguns membros como Angola e Nigéria.

Os preços do petróleo estão se aproximando de um nível em que os contras podem começar a ameaçar os profissionais. Esses contras incluem a destruição da demanda e a aceleração em direção à energia de baixo carbono, que vários ministros da OPEP argumentam que deveria ser gradual.



10h06 – Parceria entre Americanas (AMER3) e Vibra (VBBR3) pode ser positivas para ambas as partes, diz Ativa

A casa diz que a operacionalização da parceria pode ser positiva tanto para Vibra, que visa expandir sua operação e rentabilidade, bem como para Americanas, que ganha acesso a uma nova gama de clientes e visa obter ganhos de escala com o movimento.



10h04 – Ibovespa abre em alta preliminar de 0,39%, aos 113.665 pontos



9h59 – Inter (BIDI11;BIDI4) fará sua reorganização societária no curto prazo, segundo CEO do banco, João Menin

O Bradesco BBI acredita que o Inter deve buscar a melhor estrutura para conduzir sua reorganização societária, o que pode, em última instância, proporcionar maior flexibilidade em termos de estrutura de capital.



9h49 –  Ativa comenta que quase todos os grandes acionistas da BRF (BRFS3) acompanharam a oferta subsequente

Com exceção da Petros, todos grandes investidores da companhia exerceram direito de preferência, inclusive a Marfrig (MRFG3).

Nos últimos dias, ficou claro que a Marfrig não iria aproveitar o follow on para tentar se tornar controladora da empresa, com a ameaça de judicialização caso a companhia não respeitasse a cláusula do poison pill, o que fez a ação cair.

Devido a esses problemas, a BRF não conseguiu levantar os R$ 7 bilhões previstos, e a oferta levantou R$ 5,6 bilhões.



9h32 – XP mantém visão positiva para Vale (VALE3) após encontro com novo CFO da mineradora

A Vale realizou ontem reunião com analistas para apresentar seu novo CFO, Gustavo Pimenta. Não houve grandes novidades ou mudanças relevantes nas atuais práticas de gestão, apenas a abordagem “valor no lugar de volumes” que difere um pouco do discurso do Vale Day, em que o aumento dos volumes foi o foco.

A corretora mantém recomendação de compra e preço-alvo de R$ 97,00 para as ações ordinárias da mineradora.



9h15 – Inadimplência mostra melhoria marginal em 60d NPLs, mas 90d NPLs ainda apontam para desafios à frente, diz BBI

O Bradesco BBI diz que os créditos inadimplentes de 60 dias (NPL) de veículos e folha de pagamento melhoraram, mas o desempenho continua fraco, enquanto os NPLs de 90 dias começaram a se deteriorar em dezembro.

Dessa forma, o banco mantém visão mais cautelosa sobre os NPLs para 2022, pois destaca que os produtos de crédito mais arriscados vêm crescendo mais rapidamente ultimamente (por exemplo, não consignado em 41% A/A em novembro) e ganhando maior importância no mix de crédito.

Dessa forma, continua preocupados que a potencial deterioração das tendências de inadimplência ainda possa gerar provisões acima do esperado ao longo de 2022, especialmente considerando o cenário macroeconômico mais desafiador, com crescimento apenas tímido e alta inflação/juros que devem continuar pesando sobre capacidade dos mutuários de reembolsar os empréstimos.



9h03 – Ibovespa futuro abre em alta de 0,30%, aos 114.070 pontos

Em dia de Copom, curva de juros abre sem tendência exata. Nas pontas curta e média, os rendimentos dos DIs para janeiro de 2023 e para janeiro de 2025 sobem, respectivamente, três e dois pontos-base, para 12,20% e 11,08%. Na ponta longa, os DIs vincendos nos primeiros meses de 2027 e 2029 caem um ponto, para 11,05% e 11,21%.

O dólar futuro tem alta de 0,04%, a R$ 5,303. O comercial recua 0,14%, a R$ 5,264 na compra e R$ 5,265 na venda.



9h01 – Produção indústria brasileira avança 2,9% em dezembro frente a novembro, maior do que consenso de 1,6%

Segundo o IBGE, no acumulado de 2021, a alta foi de 3,9%.

Média móvel trimestral da produção industrial

Média Móvel trimestral
Produção industrial. Fonte: IBGE


8h39 – Itaú BBA mantém classificação outperform para Vale (VALE3) e eleva preço-alvo de US$ 16,00 para US$ 19,00

O banco aumentou as estimativas de Ebitda para 2022 e 2023, em média 19% maior do que antigas previsões, por conta dos preços mais altos de minério de ferro (+US$ 20/t para 2022 e US$ 10/ton para 2023, contra estimativas anteriores). Segundo o banco, a revisão para cima mais do que compensa a revisão para baixo das projeções para os volumes de minério de ferro.

O Ebitda para 2022 é de US$ 24 bilhões, o que pode sustentar uma forte geração de fluxo de caixa de US$ 11,4 bilhões (rendimento de 15%), a maior parte da qual o banco espera retornar a acionistas por meio de dividendos e recompras. Por isso, continua a ver a Vale como um bom carry, com as ações negociando em um atraente múltiplo de 3,4x EV/Ebitda 2022.



8h30 – IPC-Fipe sobe 0,74% em janeiro; em 12 meses, inflação é de 9,60%



8h21 – JP Morgan eleva Inter (BIDI11;BIDI4) de neutro para overweight, mas reduz preço-alvo de R$ 54,00 para R$ 40,00

Segundo o banco americano, justifica a recomendação a combinação de forte repactuação de empréstimos, de acordo com os últimos dados do BCB para janeiro; a correção de avaliação, com desconto de 50-70% para o preço do Nubank na maioria das métricas; e as melhores captações da categoria com hedge contra Selic mais alta.

Embora acredite que 2022 será um ano desafiador e que a reprecificação de crédito possa levar alguns trimestres para se traduzir em melhor margem financeira, o banco vê spreads melhores como um indicador importante de monetização. Além disso, a expectativa de juros tem se mantido estável, o que é importante para uma tese mais construtiva em compostos de crescimento.



8h14 – “Ainda não sentimos o peso da alta de juros nos EUA”, diz Rogério Xavier, da SPX, que não vê grandes oportunidades em ações



8h05 – BRF (BRFS3) movimenta R$ 5,4 bilhões com follow-on

A operação da dona da Sadia e Perdigão foi voltada apenas para grandes investidores. A ação saiu a R$ 20, um desconto de 7,5% em relação ao fechamento de ontem na B3. A oferta principal foi de 270 milhões ações e havia ainda a possibilidade de vender um lote extra, de 54 milhões papéis, que não foi exercida.

Em razão da oferta, o capital social da BRF passou a ser R$ 13,053 bilhões, dividido em 1.082.473.246 ações.



7h54 – Santander (SANB11) registra lucro de R$ 3,9 bilhões no 4º trimestre de 2021

O resultado representa uma redução de 10,6% em relação ao terceiro trimestre de 2021, mas caindo na comparação com os R$ 4 bilhões do quarto trimestre de 2020. Em 2021, o lucro líquido do banco atingiu a cifra de R$ 16,347 bilhões, aumento de 7% na comparação anual.



7h45 – Agenda do dia: produção industrial brasileira, empregos ADP nos EUA e Copom

Na agenda do dia desta quarta, é destaque, pela manhã, a publicação pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a produção industrial brasileira em dezembro, às 9h. Pouco depois, a Fenabrave divulga as vendas de veículo em janeiro, às 10h. Nos EUA, ainda em dados macroeconômicos, às 10h15 há a publicação da criação de vagas de emprego de janeiro pelo ADP.

Na política monetária, é destaque a decisão da taxa Selic pelo Comitê de Política Monetária (Copom), às 18h30. Além disso, o presidente da República Jair Bolsonaro participa de duas cerimônias, umas às 9h30 e outra, de abertura do Congresso, às 16h.

Diversas autoridades ainda participam, ao longo do dia, de evento do Credit Suisse – Gustavo Montezano, presidente do BNDES, Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia, e Tarcísio Gomes, ministro da Infraestrutura, são alguns dos nomes confirmados.  Lá fora, a Opep+ se reúne para definir sobre a produção de março.

Por fim, no âmbito corporativo, o Santander Brasil (SANB11) e as Indústrias Romi (ROMI3) realizam teleconferências para falar sobre seus resultados no quarto trimestre, respectivamente, às 10h e às 11h.



7h35 – Criptos hoje: Bitcoin prepara short squeeze, atualização da Cardano e MicroStrategy tem “prejuízo” de US$ 147 milhões com cripto



7h33 – Principais índices europeus operam no verde 

Na Europa, a tendência é de alta, com investidores ainda repercutindo a publicação da prévia da inflação em toda a Zona do Euro no mês de janeiro – os preços avançaram 0,30%, desacelerando na comparação com os 0,40% registrados em dezembro, mas ainda um pouco acima do consenso. No ano, os preços na região acumularam alta de 5,10%.

Veja a performance das bolsas europeias neste momento:

  • DAX (Alemanha), + 0,47%
  • CAC 40 (França), + 0,47%
  • FTSE (Reino Unido), + 0,79%
  • FTSE MIB (Itália), + 0,92%
  • STOXXX 600 (Zona do Euro), + 0,72%


7h30 – Bolsas da China e da Coréia do Sul fechadas pelo feriado de ano novo lunar

O índice Nikkei, do Japão, no entanto, avançou 1,68%.



7h26 – Futuros americanos avançam, estendendo altas da véspera

Em destaque nos EUA, mais uma vez, a temporada de balanços das companhias do país. A Alphabet (GOGL34), dona do Google e do YouTube, viu seu lucro chegar a R$ 20,64 bilhões, alta de 36% na base anual, e sua receita a US$ 75,32 bilhões, 32% na mesma base – as ações, com isso, avançam mais de 10% no pré-mercado.

Confira o desempenho dos futuros: 

  • Dow Jones Futuro (EUA), + 0,13%
  • S&P 500 Futuro (EUA), + 0,79%
  • Nasdaq Futuro (EUA), + 1,55%


Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe