Planejamento

6 dicas para reorganizar suas contas e orçamento para o próximo ano

Mesmo que não entre uma renda extra no orçamento, as dicas são boas para quem quer economizar mais

SÃO PAULO – Com a chegada do final do ano, a reorganização das contas é um passo importante para começar os doze meses seguintes sem as dívidas atuais e com o orçamento equilibrado.

Mesmo que não entre uma renda extra no orçamento, as dicas elaboradas pela plataforma de empréstimos pessoais Lendico também são boas para quem quer economizar mais no novo ano.

Confira:

PUBLICIDADE

1. Planejamento
A rotina de uma pessoa que tem saúde financeira é perfeitamente planejada, pois não fazem nenhum gasto supérfluo. Separe os gastos essenciais dos não essenciais e comece a cortar a segunda categoria o máximo possível. Você verá que, dessa maneira, sobrará mais dinheiro no final do mês.

2. Gastos com moradia vêm antes
Dê prioridade às suas contas e dívidas de moradia, como o IPTU, aluguel, condomínio, água, etc. Caso essas dívidas não forem liquidadas, você pode acabar enfrentando problemas maiores.

3. Fuja do crédito rotativo
O crédito rotativo tende a aumentar ainda mais sua dívida, principalmente se você já usa o cartão de crédito com muita frequência. Além disso, esse tipo de crédito tem uma das taxas de juros mais altas do mercado.

4. Não acredite no cheque especial
Recomenda-se que o cheque especial seja utilizado apenas em situações de emergência, mas com a consciência de que conseguirá abater o valor em curto prazo. Essa também é uma modalidade com altas taxas de juros.

5. Utilize bem o 13º
No final do ano, boa parte dos trabalhadores recebem o 13º salário. Se você estiver fechando o ano no vermelho, por que não usar esse valor para cobrir as dívidas de juros mais altos? Assim, você começa o ano livre das dívidas que podem te prejudicar mais.

6. Você pode transferir a dívida
Transferir a dívida consiste basicamente em trocar a dívida de um gasto maior por outro menor. Isso pode ser vantajoso quando dívida já possui juros muito elevados, pois com a transferência os custos são reduzidos.

 

Leia também

Você investe pelo banco? Curso gratuito mostra como até dobrar o retorno de suas aplicações

Descubra qual é a aplicação financeira de risco baixo mais rentável

Milhões de brasileiros investem errado em previdência; é o seu caso?

PUBLICIDADE

Imóvel é sempre bom negócio? Teste mostra que alugar é melhor

Seu carro facilmente lhe custa R$ 2.500 por mês. Duvida?

Qual é o melhor CDB: pré, pós ou indexado à inflação? Planilha mostra

Planeja investir no Tesouro Direto? Ebook gratuito mostra o caminho

Quer saber se você está investindo bem? Faça uma simulação

PUBLICIDADE

Quanto custa realizar cada um de seus sonhos? Descubra