Radar InfoMoney

JBS (JBSS3) retira proposta para compra de ações da Pilgrim’s; 3R (RRRP3) devolve fatia em bloco, balanços e mais notícias

Confira os destaques do noticiário corporativo na sessão desta sexta-feira (18)

Por  Equipe InfoMoney -

O noticiário corporativo desta sexta-feira (18) tem como destaque a divulgação do balanço da Cosan (CSAN3), após o fechamento do mercado.

A Taesa (TAEE11) registrou lucro líquido IFRS de R$ 423,1 milhões 4T21, queda de 43,6% contra um ano antes.

Já a Rumo (RAIL3) reverteu lucro e teve prejuízo de R$ 384 milhões no quarto trimestre de 2021.

Enquanto isso, a JBS (JBSS3) retirou proposta para aquisição das ações remanescentes da Pilgrim’s Pride negociadas em bolsa.

A 3R Petroleum (RRRP3) confirmou a devolução da participação de 30% detida no bloco POT-M-475, localizado na Bacia Potiguar.

Confira os destaques:

JBS (JBSS3

A JBS anunciou na quinta-feira que retirou proposta anunciada anteriormente de adquirir todas as ações ordinárias em circulação da Pilgrim’s Pride que não fossem de propriedade da JBS ou de suas subsidiárias.

Segundo fato relevante, a companhia retirou sua oferta após não conseguir chegar a um acordo com o Comitê Especial do conselho de administração da Pilgrim’s sobre os termos da transação proposta.

A companhia detém atualmente 80,21% das ações da Pilgrim’s e, com a oferta, pretendia fechar seu capital.

3R Petroleum (RRRP3)

A 3R Petroleum (RRRP3) confirmou ontem (17) a devolução da participação de 30% detida no bloco POT-M-475, localizado na Bacia Potiguar.

Cielo (CIEL3

A Cielo (CIEL3) informou hoje (18) que sua subsidiária integral Cielo USA celebrou contrato para a alienação da totalidade das ações da Merchant E-Solutions Inc. para Sam I Acquisition Corp., uma subsidiária da Integrum Holdings.

Eneva (ENEV3)

O conselho de administração da Eneva (ENEV3) aprovou a 7ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, em série única, no valor de R$ 1,5 bilhão.

Taesa (TAEE11

A Taesa (TAEE11) registrou lucro líquido consolidado IFRS de R$ 423,1 milhões no quarto trimestre de 2021, queda de 43,6% contra um ano antes. 

Rumo ([ativo=RAIL3) 

A Rumo (RAIL3) reverteu lucro e teve prejuízo de R$ 384 milhões no quarto trimestre de 2021.

O Ebitda teve queda de 44,6%, a R$ 419 milhões.

NeoEnergia (NEOE3)

A NeoEnergia (NEOE3) reportou um lucro de R$ 635 milhões no quarto trimestre de 2021, um desempenho 36% inferior na comparação com mesmo período de 2020.

Segundo a empresa, o desempenho foi impactado pela reclassificação de Belo Monte para “Ativo mantido para venda”, com ajuste não caixa negativo de R$ 482 milhões.

BR Properties (BRPR3

A BR Properties (BRPR3) reportou prejuízo líquido de R$ 47,4 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21), revertendo o lucro do mesmo período de 2020.

Aeris (AERI3)

A Aeris (AERI3) reportou lucro líquido de R$ 18,1 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21), montante 15,9% superior ao registrado em igual etapa de 2020.

Energisa ([ativo=ENGI11])

A Energisa (ENGI11) celebrou contrato para aquisição de 2.330.105.717 das ações de emissão da Gemini Energy, ao preço de R$ 0,353037 por ação, considerando a assunção do endividamento líquido de R$ 1,734 bilhão detido pela Gemini.

Vamos (VAMO3)

A Vamos (VAMO3) reportou lucro líquido de R$ 117,7 milhões no quarto trimestre do ano passado (4TRI21), alta de 116,8% frente ao 4TRI20, quando atingiu R$ 54,3 milhões.

Em 2021, o lucro líquido foi de R$ 402,4 milhões ante R$ 179,2 milhões de 2020, perfazendo um aumento de 124,6%.

Banco BMG (BMGB4

O Banco BMG (BMGB4) registrou lucro líquido recorrente de R$ 48 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21), cifra 49,8% menor que o registrado em 2020.

Já o lucro líquido contábil totalizou R$ 48 milhões no 4T21, um recuo de 36,7% na comparação com igual etapa de 2020.

3Tentos (TTEN3)

A 3Tentos (TTEN3) reportou lucro líquido de R$ 167 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21). O resultado representa um crescimento de 49,9% em relação ao mesmo período de 2020.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe