O que é ETF de Bitcoin?

O ETF de Bitcoin permitem que investidores tenham exposição à maior criptomoeda do mercado sem precisar, de fato, ter BTC

Um ETF de Bitcoin (BTC) permite que traders ganhem exposição à criptomoeda através dos mercados de ação tradicionais, sem precisar comprar ou vender diretamente o ativo digital em uma exchange de criptomoedas.

Especificamente, um ETF de BTC acompanha o preço da maior criptomoeda do mercado e permite que traders comprem ou vendam o valor mobiliário em uma bolsa de valores ao longo do dia. Ele pode ser liquidado em dinheiro ou fisicamente — ou seja, ao sair, investidores recebem moeda fiduciária ou BTC, respectivamente.

ETFs são produtos financeiros tradicionais regulamentados e podem ser comprados através de diversos aplicativos de trading de varejo. Os mais populares acompanham os grandes índices da bolsa, como o S&P 500, e outros ativos e commodities tradicionais, como o petróleo e o ouro.

Há vários anos, a discussão sobre ETFs de Bitcoin que ganharam relevância no universo cripto — desde que o ETF “COIN”, dos gêmeos Tyler e Cameron Winklevoss, foi rejeitado pela Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) em 2013.

Na época, acreditava-se que um ETF de Bitcoin acarretaria em uma nova onda de investimentos institucionais na indústria de criptomoedas, trazendo maturidade e estabilidade necessárias para o mercado. No entanto, depois de sete anos, a SEC ainda não aprovou nenhum produto do tipo, apesar das várias propostas de diversas empresas, incluindo uma segunda dos gêmeos Winklevoss em 2018, uma da Bitwise, cinco da Direxion, duas da GraniteShares, entre outras.

Os principais argumentos do órgão para essas rejeições repetidas são a volatilidade, a insuficiente fiscalização e a fácil manipulação do mercado de Bitcoin.

Mas, agora as coisas estão prestes a mudar. Recentemente, a Ontario Securities Commission (OSC), agência reguladora financeira do Canadá, aprovou os dois primeiros ETFs de Bitcoin do mundo. Com a chegada do ETF de Bitcoin na América do Norte, muitos esperam que a SEC trace o mesmo caminho nos Estados Unidos

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Quem pode investir em ETF de Bitcoin e como é o trading?

Você não precisa ser um investidor certificado para comprar ETFs. Qualquer pessoa pode investir neles.

Para começar a investir neles, você só precisa criar uma conta em uma corretora online ou baixar um dos vários aplicativos de trading no seu smartphone. A partir daí, você pode comprar e vender uma variedade de ETFs que acompanham diferentes mercados.

Quais são os prós e contras do trading do ETF de Bitcoin?

Pode parecer contraditório investir em ETF de Criptomoedas de Bitcoin em vez de comprar o próprio BTC, mas esse processo traz várias vantagens. Por exemplo:

  • Não é necessário passar pelo processo de guardar a criptomoeda com segurança por conta própria.
  • Comprar um ETF através de uma corretora online é muito mais seguro e rápido e o risco de falhas é menor do que comprar os ativos digitais diretamente de uma exchange de criptomoedas.
  • As implicações e orientações tributárias são muito mais claras para produtos financeiros tradicionais do que para ativos digitais.
  • As bolsas de valores oferecem mais liquidez do que as exchanges de criptomoedas, então é muito mais fácil comprar e vender ETFs.

No entanto, também existem várias desvantagens no investimento em ETF de Bitcoin em comparação com a compra direta do ativo.

  • ETFs só podem ser comprados e vendidos durante o horário comercial do mercado, ao passo que os mercados de criptomoedas funcionam 24 horas por dia. Isso significa que, se o preço do Bitcoin faz um movimento acentuado, você pode ter que esperar horas para vender e comprar mais.
  • Manter Bitcoin é gratuito, mas ETFs cobram taxas de administração.
  • Para comprar ETFs, você deve fornecer dados para identificação de cliente (KYC) mas o BTC pode ser comprado de forma anônima, através de negociação direta com outra pessoa (peer-to-peer).
  • Com ETFs, você precisa confiar em administradores terceirizados.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney