Números de fechamento

Ibovespa sobe 0,49% e tem quarta semana consecutiva de alta; saiba as tendências a partir de agora

Para analistas, ações descontadas e avanço das commodities, podem continuar dando suporte à Bolsa brasileira

Por  Mitchel Diniz

Depois de oscilar entre perdas e ganhos durante uma boa parte da sessão, o Ibovespa se firmou no terreno positivo e terminou o dia em alta. Assim, um dos principais índices de referência do mercado de ações brasileiro tem sua quarta semana consecutiva de alta, com o apoio de capital estrangeiro.

Para Ariane Benedito, economista da CM Capital, o investidor deve continua apostando em uma bolsa “subavaliada”. “Tecnicamente, os 112 mil pontos se tornaram uma resistência e a Bolsa só vai continuar essa subida depois que romper esse patamar e ficar acima disso”, disse.

O terreno já está preparado para isso. Hoje, o Ibovespa fechou em alta de 0,49%, aos 112.244 pontos. O volume financeiro negociado na sessão ficou em R$ 25,8 bilhões. Na semana, o Ibovespa acumulou alta moderada, de 0,29%.

“O Ibovespa vem se destacando com a troca [nas carteiras dos investidores] de growth [empresas em crescimento] por empresas de valor, com commodities muito forte, então é um ciclo muito interessante. Se commodities continuarem forte, o índice deve continuar forte”, Flávio Aragão , sócio da 051 Capital

Vale (VALE3) e Petrobras (PETR3, PETR4), ações de maior peso do Ibovespa, operam em alta de mais de 2%. Petrolíferas são beneficiadas por mais uma arrancada no preço internacional do petróleo, oscilando na casa dos US$ 92.

Após cair quase 5%, Locaweb (LWSA3) virou terminou o dia com a maior alta do Ibovespa. PetroRio (PRIO3) e Cielo (CIEL3), ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente  subindo 7,34% e 6,39%.

As três maiores baixas foram Eztec (EZTC3) (-6,41%), Ecorodovias (ECOR3), que cedeu 6,38% após saída inesperada do seu CEO, e Via (VIIA3) (-5,80%), novamente penalizada com a alta dos juros no mercado futuro.

O dólar comercial fechou em alta pela terceira sessão consecutiva, subindo 0,5%, a R$ 5,322 na compra e na venda. Na semana, porém, a moeda americana acumulou perdas de 1,27%.

Os juros futuros subiram: DIF23, +0,08 pp, a 11,98%; DIF25, +0,22 pp, a 11,08%; DIF27, +0,27 pp, a 11,22%; DIF29, +0,29 pp, a 11,44%; e DIF31, +0,29 pp, a 11,51%.

Em Nova York, a maioria das Bolsas fechou em alta, apesar de terem reduzido ganhos na última hora de negociações. O destaque ficou com a Nasdaq, que se recuperou parcialmente do tombo de quase 4% na véspera, fechando em alta de 1,58%, aos 14.098 pontos. O índice foi puxado principalmente pelas ações da Amazon, depois que a empresa reportou números fortes do quarto trimestre de 2021.

O S&P 500 fechou em alta de 0,52%, aos 4.500 pontos; já o Dow Jones fechou em queda de 0,06% a 35.089 pontos.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui!

Compartilhe