Stock Pickers

Fundo Verde, de Luis Stuhlberger, reabrirá para captação em fevereiro

Desde sua criação (jan/1997), o Fundo Verde teve retorno de 18.601%, mais de 8 vezes o CDI do período; última reabertura foi em 2018 e durou só dois dias

(CONDADO DA FARIA LIMA) – O Fundo Verde, um dos fundos mais vitoriosos da indústria brasileira e que tem Luis Stuhlberger como principal gestor, reabrirá para captação em fevereiro. A informação é da XP Investimentos.

O fundo estará disponível nas plataformas da XP e da Rico, através do Verde AM X60 Advisory FIC FIM – nome do “fundo espelho” -, que compra as cotas do fundo master e, portanto, replica a estratégia do original.

Ainda não foram definidas as datas de agendamento e liquidação, mas a XP informa que o capacity será bastante limitado. Lembrando que a última vez que o Fundo Verde reabriu para captação foi em setembro de 2018. Na ocasião, ele ficou apenas dois dias abertos.

O Verde tem um dos ‘track records’ mais invejáveis da indústria brasileira de fundos: desde sua criação (jan/1997), a rentabilidade acumulada é de 18.601%, mais de 8 vezes o rendimento do CDI no mesmo período (2.223%). Para começar a investir nele com a XP, clique aqui.

Stuhlberger já esteve no Stock Pickers por duas vezes. A última, em novembro de 2020, foi no evento “Melhores da Bolsa 2020”, ao lado do seu sócio e gestor, Luiz Parreiras. Aqui você confere um resumo da nossa conversa, escrito pelo Lucas Collazo (analista da Rico Investimentos).

Veja também:

Stuhlberger otimista, Xavier… também? Uma inusitada revelação neste encontro de gigantes