Números de fechamento

Ibovespa tem recuperação parcial e fecha em forte alta de 2,28%; dólar cai mais de 1% e vai a R$ 5,55

Semana começa com alívio para a Bolsa, que também foi impulsionada por Petrobras, mas humor pode virar na semana

mercado bolsa índices alta ações gráfico
(Getty)

SÃO PAULO – O Ibovespa começou a semana se recuperando parcialmente do tombo da semana passada. Foi um começo de semana positivo para o mercado acionário em termos globais, mas a Bolsa brasileira se destacou. “Um típico repique, mas não confundir com reversão de tendência”, ressalvou Evandro Lima, analista da Rico Investimentos. O investidor conseguiu dar uma respirada e pouco se falou sobre riscos fiscais, mas o tema não deve demorar a voltar a repercutir e se juntar aos outros assuntos que prometem agitar os próximos dias.

“Dificilmente a semana vai ter o tom que teve hoje. O resultado do Copom, na quarta-feira, não deve agradar a todos”, afirma Gustavo Cruz, estrategista da RB Investimentos, se referindo à reunião do Comitê de Política Monetária que começa amanhã (26) e termina na quarta-feira. O mercado está bem dividido sobre o que pode acontecer com a taxa básica de juros (Selic). Crescem as previsões de que os juros devem subir 1,5 ponto percentual, o que foi reforçado pelos últimos acontecimentos na política.

Enquanto o governo se articula em arrumar espaço no Orçamento para acomodar o Auxílio-Brasil, as previsões para a economia pioram. Os economistas ouvidos semanalmente pelo Banco Central, no relatório Focus, projetam inflação a 8,96% ao final deste ano ano e a 4,4% em 2022. A previsão para os juros até o final de 2021 ficou em 8,75%, apontando para uma contração monetária mais rígida já no curto prazo, levando em conta que depois da reunião desta semana o Copom vai se reunir apenas mais uma vez este ano, em dezembro.

“Se os juros subirem 1,5 ponto, uma parte do mercado vai reclamar que os juros altos vão descontar a Bolsa. Se não subir, outra parte vai dizer que o Banco Central está perdendo o controle da inflação”, explica Cruz. A semana ainda reserva novos dados inflacionários aqui no Brasil e marca o início da temporada de balanços corporativos, o que pode vir a ser um alento ao mercado, segundo os analistas.

O Ibovespa fechou em alta de 2,28% aos 108.714 pontos. O volume negociado no dia foi de R$ 32 bilhões. O Ibovespa futuro com vencimento em dezembro de 2021 avançava 2,33% no after market por volta das 17h20, aos 109.530 pontos.

A Bolsa também foi amparada pelo desempenho das ações da Petrobras (PETR3;PETR4), a ação mais negociada do Ibovespa e que teve o maior percentual de alta do dia. Os papéis da petrolífera subiram com a notícia de um possível projeto de privatização.

Segundo a CNN, está em análise um projeto de lei que permitiria à União começar a se desfazer das ações da companhia de forma a perder a fatia de controle. O governo federal possuiu 50,5% das ações ordinárias (com direito a voto). Pela proposta, o governo seguiria com a chamada “golden share”, posição acionária que permite vetar determinadas operações da petroleira e ainda apontar o presidente da empresa.

Mais cedo, as ações da Petrobras também foram impulsionadas pela notícia de aumento de preço do diesel e da gasolina nas refinarias.

O dólar, que perdeu força frente a moedas emergentes, também recuou em relação ao real. O dólar comercial fechou em queda de 1,27% a R$ 5,555 na compra e R$ 5,556 na venda. O dólar futuro para novembro de 2021 é negociado a R$ 5,561 no after market, com queda de 1,62%.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No mercado de juros futuros, os contratos tiveram um dia de forte volatilidade e, nos últimos negócios, sobem forte na ponta mais curta e caem na mais longa. O DI para janeiro de 2023 tinha alta de 23 pontos-base, a 11,16%; DI para janeiro de 2025 operava em alta de nove pontos-base 11,69%; e o DI para janeiro de 2027 registrava queda de quatro pontos-base a 11,82%.

Em Nova York, os índices Dow Jones e S&P 500 bateram novos recordes de pontuação. Mais uma vez, as Bolsas foram impulsionadas por resultados corporativos referentes ao terceiro trimestre.

Algumas das maiores empresas de tecnologia do mundo divulgam seus ganhos nesta semana, incluindo Microsoft, Amazon, Apple e Alphabet, dona do Google. Um terço das componentes do Dow devem divulgar resultados trimestrais na semana, incluindo Caterpillar, Coca-Cola, Boeing e McDonald’s.

O Dow Jones fechou com alta de 0,18% a 36.741 pontos; o S&P teve ganhos de 0,47%, a 4.566 pontos; e a Bolsa de tecnologia Nasdaq subiu 0,9%, a 15.226 pontos.

Na Europa, o índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus,

Os preços do petróleo reduziram ganhos. O barril do Brent para dezembro de 2021 subiu 0,21% a US$ 85,71. O WTI para dezembro de 2021 recuou 0,38% a US$ 83,44 o barril.

Curso inédito “Os 7 Segredos da Prosperidade” reúne ensinamentos de qualidade de vida e saúde financeira. Faça sua pré-inscrição gratuita.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE