Bitcoin recua e criptos menores saltam até 23% na volta do Natal

Freio no rali do BTC nos últimos dias é visto por traders como oportunidade para alocar em ativos de menor valor de mercado

Paulo Barros

Publicidade

O Bitcoin (BTC) segue na mesma toada da semana passada após divulgação do índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) dos EUA e é negociada em baixa na volta do feriado de Natal. Às 8h30, o BTC opera a US$ 42.644, queda de 1,1% nas últimas 24 horas.

O movimento vai na contramão das bolsas americanas, cujos índices futuros operam em terreno positivo nesta terça-feira (26).

Para traders, no entanto, o freio no rali do Bitcoin nos últimos dias é visto como oportunidade para girar capital na direção de ativos de menor valor de mercado. O destaque recente é a Solana (SOL), antiga patrocinada da FTX, que já acumula ganhos de mais de 1.000% no ano após ultrapassar os US$ 120.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Já nesta terça, o melhor resultado é da Sei (SEI), que registra alta de 23,70% em 24 horas. Na sequência vêm Osmosis (OSMO), com 19,1%, e Near Protocol (NEAR), que avança quase 19% no período – em sete dias, a criptomoeda que alimenta uma rede blockchain rival do Ethereum (ETH) já sobe mais de 90%.

Analistas ainda consideram aberta a possibilidade de um rali de fim de ano no BTC – que, vale lembrar, terá mais espaço para isso do que as bolsas, pois opera 24 horas por dia.

Na casa de trading QCP Capital, de Singapura, o próximo alvo da criptomoeda estará na região de US$ 45 mil a US$ 48 mil, o que significaria a renovação da máxima do ano.

Continua depois da publicidade

A análise é similar à feita pelo grafista Fernando Pereira, da corretora cripto Bitget, após a moeda digital atingir testar brevemente os R$ 44 mil na semana passada. “A probabilidade maior é que ali se crie uma zona de consolidação, mas caso vejamos um aumento expressivo da demanda capaz de liquidar os mais de US$ 140 milhões em contratos abertos naquela região, podemos ter um impulso para acabar o ano próximo de US$ 50 mil”, disse.

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 8h30:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC)US$ 42.644-1,10%
Ethereum (ETH)US$ 2.238-1,70%
Solana (SOL)US$ 114+3,10%
BNB Chain (BNB)US$ 285+7,80%
XRP (XRP)US$ 0,622-3,80%
Fonte: Coingecko

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Sei (SEI)US$ 0,49+23,70%
Osmosis (OSMO)US$ 1,83+19,10%
Near Protocol (NEAR)US$ 4,57+18,30%
Sui (SUI)US$ 0,85+17,30%
Ordi (ORDI)US$ 69,33+8,50%
Fonte: Coingecko

As criptomoedas com as maiores baixas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Thorchain (RUNE)US$ 5,59-8,00%
Axie Infinity (AXS)US$ 9,86-8,00%
Mina Protocol (MINA)US$ 1,17-5,40%
Celestia (TIA)US$ 13,45-5,30%
Optimism (OP)US$ 3,30-3,10%
Fonte: Coingecko

Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETFPreçoVariação
Hashdex NCI (HASH11)R$ 33,50+0,57%
Hashdex BTCN (BITH11)R$ 49,84-0,32%
Hashdex Ethereum (ETHE11)R$ 32,65+3,15%
Hashdex DeFi (DEFI11)R$ 23,95+3,14%
Hashdex Smart Contract Plataform FI (WEB311)R$ 29,49+7,66%
Hasdex Crypto Metaverse (META11)R$ 34,49+7,78%
QR Bitcoin (QBTC11)R$ 13,75+0,51%
QR Ether (QETH11)R$ 8,43+0,23%
QR DeFi (QDFI11)R$ 3,29+0,92%
Cripto20 EMPCI (CRPT11)R$ 9,43+0,74%
Investo NFTSCI (NFTS11)R$ 11,23+0,08%
Investo BLOKCI (BLOK11)R$ 151,00+5,27%
Fonte: B3

Paulo Barros

Editor de Investimentos