Bitcoin reage após susto com ETF e retoma os US$ 44 mil

O Ethereum também opera em alta na manhã desta sexta

Lucas Gabriel Marins

(Getty Images)

Publicidade

O Bitcoin (BTC) reagiu e recuperou parte das perdas da semana, com os investidores afastando as preocupações de que os reguladores dos Estados Unidos não autorizarão ETFs (fundos de índice) com exposição direta à criptomoeda.

Na quarta-feira (3), a moeda digital caiu 10% em poucas horas depois que a casa de análise Matrixport disse que a SEC, equivalente à Comissão de Valores Mobiliários nos Estados Unidos, rejeitaria todas as propostas de ETF de Bitcoin este mês.

Os analistas da Bloomberg Intelligence, na contramão da casa de análise, estimam que há cerca de 90% de probabilidade de o regulador norte-americano aprovar os fundos até 10 de janeiro.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Na manhã desta sexta-feira (5), a principal criptomoeda do mercado opera em alta de 2,90%, a US$ 44.200. Na noite da quinta-feira (4), o ativo digital chegou a encostar em US$ 44.700, se aproximando da máxima de quase dois anos, para depois reduzir.

As altcoins operam mistas nesta sexta. Por volta das 6h15, o Ethereum (ETH) sobe +1,70%, o BNB Chain (BNB) é negociado no zero a zero e o XRP (XRP) recua -0,10%. A maior valorização do dia foi da Celestia (TIA), que registra alta de 23%.

“O mercado está profundamente focado no potencial de aprovação de um ETF, então mesmo pequenas notícias podem causar movimentos relativamente grandes no setor à medida que as posições alavancadas são interrompidas”, disse Matthew Hougan, diretor de investimentos da Bitwise Asset Management, para a Bloomberg.

Continua depois da publicidade

No ano passado, diversas gestoras, como BlackRock, Fidelity e Invesco, entraram com pedidos de ETF na SEC. Em dezembro, membros da BlackRock se reuniram com integrantes do regulador norte-americano para discutir o andamento do produto.

Nesta semana, vários emissores registraram nomes de “participantes autorizados” para seus potenciais fundos de índice de Bitcoin, um sinal de que os ETFs podem estar próximos da aprovação.

“A recente ação dos preços está relacionada ao entusiasmo com a aprovação e lançamento de um ETF de Bitcoin à vista nos próximos dias”, disse Cosmo Jiang, gerente de portfólio da Pantera Capital, para a Bloomberg.

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 6h15:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC)US$ 44.200+2,90%
Ethereum (ETH)US$ 2.254+1,70%
BNB Chain (BNB)US$ 319 0,00%
XRP (XRP)US$ 0,574109-0,10%
Cardano (ADA)US$ 0,552798 0,00%

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Celestia (TIA)US$ 16,69+23,00%
Osmosis (OSMO)US$ 1,81+17,50%
Aptos (APT)US$ 10,69+11,40%
Kaspa (KAS)US$ 0,115745+11,30%
Terra (LUNC)US$ 0,00013117+10,40%

As criptomoedas com as maiores baixas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bonk (BONK)US$ 0,00001129-5,70%
Internet Computer (ICP)US$ 13,31-4,50%
Render (RNDR)US$ 4,21-4,10%
Astar (ASTR)US$ 0,162810-1,90%
Mina Protocol (MINA)US$ 1,23-1,50%


Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETFPreçoVariação
Hashdex NCI (HASH11)R$ 33,70+1,17%
Hashdex BTCN (BITH11)R$ 50,50-1,56%
Hashdex Ethereum (ETHE11)R$ 33,13-1,28%
Hashdex DeFi (DEFI11)R$ 26,63-3,09%
Hashdex Smart Contract Plataform FI (WEB311)R$ 29,09-1,02%
Hasdex Crypto Metaverse (META11)R$ 36,85-0,02%
QR Bitcoin (QBTC11)R$ 13,99-1.23%
QR Ether (QETH11)R$ 8,53-0,82%
QR DeFi (QDFI11)R$ 3,67-3,92%
Cripto20 EMPCI (CRPT11)R$ 9,59-2,89%
Investo NFTSCI (NFTS11)R$ 11,30-1,73%
Investo BLOKCI (BLOK11)R$ 153,72-5,76%

(Com informações da Bloomberg)

Lucas Gabriel Marins

Jornalista colaborador do InfoMoney