Política

Em derrota para Bolsonaro, Delegado Waldir é mantido líder do PSL na Câmara

A Secretaria-Geral da Casa informou que as duas listas da ala bolsonarista tiveram 26 e 24 assinaturas -- números insuficientes para substituir o líder

Delegado Waldir (PSL-GO)
(Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

SÃO PAULO – Em meio a um novo capítulo da disputa interna no PSL, a Secretaria-Geral da Câmara dos Deputados decidiu, nesta quinta-feira (17), que o deputado Delegado Waldir (GO) continua líder do partido na casa legislativa.

A notícia representa uma derrota para o presidente Jair Bolsonaro, que trabalhou diretamente pela substituição do atual líder por seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro (SP), e representa o pior momento na relação do mandatário com a cúpula do partido.

A Secretaria-Geral informou que as listas para trocar o líder tiveram 26 e 24 assinaturas. Os números são insuficientes para retirar Waldir do posto, já que a bancada do partido conta com 53 deputados federais.

PUBLICIDADE

Já a lista favorável ao atual comandante teve 29 assinaturas reconhecidas. O resultado mostra a força de Luciano Bivar (PE), presidente da sigla, junto à bancada mesmo após as investidas de Bolsonaro.

Mesmo após o resultado, deputados da ala bolsonarista dizem que estão buscando converter correligionários. Como boa parte dos parlamentares já viajou para suas bases eleitorais, novos capítulos do embate entre Bolsonaro e a cúpula do PSL ficarão para a próxima semana, quando novas investidas para derrubar Waldir devem ocorrer.

O troco do presidente

Após a derrota, Bolsonaro decidiu destituir a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) da liderança do governo no Congresso Nacional.

A saída já era cogitada há algum tempo e pode ter tido como estopim o fato de a deputada ter ido contra o presidente na disputa por assinaturas e votado pela permanência de Waldir no posto.

O substituto de Joice serpa o senador Eduardo Gomes (MDB-TO).

Quer saber o que esperar da política nos próximos meses? Insira seu e-mail abaixo e receba, com exclusividade, o Barômetro do Poder – um resumo das projeções dos principais analistas políticos do país:

PUBLICIDADE