Adiado mais uma vez

Oi (OIBR3) adia publicação de balanço de 2021, mas reitera resultado estável

No ano, o Ebitda recorrente da Oi foi de 5,33 bilhões de reais e a receita somou 17,7 bilhões.

Por  Reuters -

SÃO PAULO, 26 Abr (Reuters) – A Oi (OIBR3) divulgou na terça-feira que terá que adiar a publicação de suas demonstrações financeiras de 2021 da quarta-feira para 4 de maio por precisar de mais tempo para finalizar a segregação dos ativos móveis vendidos a Claro, TIM (TIMS3) e Telefônica Brasil (VIVT3).

A companhia, que teve a venda dos ativos concluída na semana passada, porém, reiterou números preliminares não auditados que indicam que o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) recorrente no quarto trimestre foi de 1,48 bilhão de reais ante 1,46 bilhão um ano antes.

Leia mais:

A receita líquida da Oi de outubro a dezembro somou 4,525 bilhões de reais, abaixo do faturamento de 4,72 bilhões do mesmo período de 2020. O caixa recuou de 4,55 bilhões para 3,29 bilhões.

No ano, o Ebitda recorrente da Oi foi de 5,33 bilhões de reais e a receita somou 17,7 bilhões.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe