Ibovespa Futuro tem leve queda, na contramão de Wall Street e com atenção a dados dos EUA

Dados de mercado de trabalho são foco nos EUA nesta quinta-feira

Camille Bocanegra

Mercado de ações (Foto: Getty Images)

Publicidade

O Ibovespa Futuro opera em queda, na contramão do movimento dos futuros de Nova York. Os índices reverteram o movimento de baixa iniciado na manhã de ontem.

Às 9h10 (horário de Brasília), o índice futuro com vencimento em fevereiro operava com baixa de 0,20%, aos 134.290 pontos.


Para hoje, a pesquisa ADP de empregos privados é esperada e, na sexta, o mais importante dado do setor será divulgado, com a apresentação dos números do payroll. Os dados semanais de pedidos de auxílio-desemprego serão apresentados hoje e deverão completar o panorama sobre o mercado de trabalho nos EUA.

No mercado de Treasuries, o retorno do título de dez anos sobe 1,8 ponto-base (pb), a 3,925%. O título com vencimento de 2 anos recuou de 0,8 pb em seus rendimentos, a 4,312% e com vencimento de 5 anos sobe 0,5 pb em seus retornos, a 3,898%.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Leia também

Tempo RealIbovespa Ao Vivo: confira o que movimenta bolsa, dólar e juros

Em Wall Street, Os índices futuros de Nova York sobem discretamente, em recuperação de uma sessão desanimada na quarta-feira. Os três índices encerraram o dia em queda, após a divulgação da ata do Fomc. Nesta manhã, o Dow Jones Futuro subiu 0,09%, S&P Futuro cresce 0,04% e Nasdaq Futuro registrava alta de 0,04%.

No Brasil, o destaque será para o PMI de serviços, com dados de dezembro. Já houve a divulgação dos números de crédito bancário, com crescimento de 0,9% em novembro ante outubro. Ainda são aguardados os dados de preços ao produtor de novembro e os dados semanais de fluxo cambial.

Continua depois da publicidade

Dólar hoje

O dólar à vista operava com queda de 0,06%, a R$ 4,913.

O dólar futuro (DOLFUT) descia 0,20%, indo aos 4.928 pontos.

No mercado de juros, os contratos operavam em alta. O DIF25 (janeiro de 2025) subia +0,25 pp, a 10,06%; DIF26, +0,47 pp, a 9,69%; DIF27, +0,46 pp, a 9,81%; DIF28, +0,60 pp, a 10,04%; DIF29 +0,64 pp, a 10,20%.

Exterior

Os mercados europeus abriram em alta e permanecem em campo positivo ao longo da manhã de quinta-feira, após duas sessões desfavoráveis. Os índices reagiram positivamente à divulgação dos PMIs de serviços da Alemanha e Reino Unido.

Todos os setores estavam em território positivo durante a sessão, com as ações de petróleo e gás subindo 1,3%, acompanhando a alta da commodity.

Ásia

Na quinta-feira, as perdas na região da Ásia-Pacífico foram lideradas pela China, com as ações japonesas seguindo após a retomada das negociações pós um feriado prolongado de Ano Novo, marcado por terremoto no país e um incidente envolvendo a Japan Airlines.

Os mercados asiáticos também foram impactados pelos acontecimentos globais, especialmente após a divulgação da ata da reunião dezembro do Federal Reserve dos Estados Unidos.

Petróleo

Os contratos de petróleo seguem em alta após subirem cerca de 3% na véspera com notícias sobre interrupções de operações na Líbia e novos ataques no Mar Vermelho.

Além disso, potenciais fissuras na aliança Opep+ preocuparam mercado. O grupo emitiu comunicado reforçando seu compromisso compromisso com a unidade e a estabilidade do mercado, em alusão à saída da Angola.

Minério de ferro negociado na bolsa de Dalian teve alta de 0,30%, a 1016 iuanes, o equivalente a US$ 142,04

(com Reuters)