Expectativa por atualização

Derivativos sinalizam força do Ethereum pela primeira vez em 6 meses

Alguns traders estão comprando grandes quantidades de opções de compra, segundo um analista do mercado

Por  CoinDesk -

O mercado de opções do Ethereum (ETH) virou para o lado positivo na segunda-feira (18), mostrando um viés de força do token ETH pela primeira vez em mais de seis meses.

A distorção entre as opções de venda (puts) e de compra (call) com vencimento de seis meses, que mede o custo das puts (apostas de baixa) em relação aos calls (apostas de alta), caiu abaixo de zero, para -4%, o valor mais baixo desde 3 de janeiro, segundo dados compilados pela plataforma de análise Skew.

A virada negativa indica que o prêmio pago pelos compradores de call em troca de proteção contra movimentos de alta ao longo de seis meses agora é maior do que o custo pago pelos compradores de opções que fornecem um “seguro” contra movimentos de baixa.

As distorções entre as opções com prazo de uma semana, de um mês e de três meses tiveram uma queda semelhante abaixo de zero, também no primeiro movimento deste tipo desde o início de janeiro. As movimentações sinalizam uma demanda renovada e relativamente mais forte por apostas otimistas de curto e médio prazos no Ethereum.

A mudança no sentimento valida o rali em andamento do ETH, supostamente desencadeado por desenvolvedores que anunciaram que uma esperada atualização deverá acontecer em 19 de setembro.

Leia mais:
Começou a especulação de Ethereum após notícia de atualização, dizem analistas

Em resumo, a mudança fará com que a blockchain da rede mude seu mecanismo de consenso de prova de trabalho (proof-of-work, ou PoW), que gasta muita energia e é alvo de crítica dos ambientalistas, para prova de participação (proof-of-stake, ou PoS), mais amigável ao meio ambiente. Além disso, a atualização promete tornar o ETH uma moeda deflacionária.

Na noite de ontem, o Ethereum chegou a ser negociado a US$ 1.600, atingindo seu nível mais alto desde 12 de junho, segundo dados do CoinDesk. A criptomoeda subiu quase 40% em uma semana, superando por uma ampla margem a alta de menos de 10% do Bitcoin (BTC.

“Neste momento, alguns traders estão comprando grandes quantidades de opções de compra (geralmente expirando em uma semana) e comprando o [ativo] subjacente no mercado à vista”, disse Griffin Ardern, trader de volatilidade da empresa de gerenciamento de ativos cripto Blofin.

“Para proteger seu risco, os formadores de mercado de opções [que venderam calls para investidores] precisam comprar à vista ou no mercado futuro, o que elevará os preços ainda mais quando a liquidez for insuficiente”, acrescentou Ardern.

Os formadores do mercado de opções são entidades encarregadas de garantir níveis saudáveis de liquidez nas bolsas. Eles geralmente estão no lado oposto das negociações dos investidores e executam uma exposição de direção neutra comprando e vendendo constantemente o ativo subjacente nos mercados à vista e de derivativos.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe