Bitcoin recua com Wall Street antes de inflação PCE nos EUA

As demais criptomoedas operam mistas nesta sexta

Lucas Gabriel Marins

Publicidade

O Bitcoin (BTC) registra leve queda na manhã desta sexta-feira (22), correlacionado com as bolsas americanas, antes da divulgação do índice de preços de gastos com consumo de novembro (PCE, em inglês) dos Estados Unidos.

O dado é um dos indicadores mais importantes para as decisões de política monetária do Federal Reserve (Fed, o Banco Central do país). Um PCE elevado poderia desafiar o posicionamento agressivo do mercado.

De acordo com a ferramenta CME FedWatch Tool, 75% dos traders apostam em cortes de juros em março de 2024. Quedas nas taxas costumam aumentar a atratividade de ativos de risco, como as criptos.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Às 7h55, o BTC é negociado a US$ 43.734, com leve queda de 0,10%. Em Wall Street, Dow Jones Futuro (EUA) recua 0,34%, S&P 500 Futuro (EUA) cai 0,17% e Nasdaq Futuro (EUA) recua 0,29%.

Apesar do leve recuo, durante parte da madrugada o Bitcoin ficou acima dos US$ 44 mil.

“O BTC novamente testou os R$ 44 mil. A probabilidade maior é que ali se crie uma zona de consolidação, mas caso vejamos um aumento expressivo da demanda capaz de liquidar os mais de US$ 140 milhões em contratos abertos naquela região, podemos ter um impulso para acabar o ano próximo de US$ 50 mil”, disse Fernando Pereira, analista da corretora cripto Bitget.

Continua depois da publicidade

As altcoins (termos usado para identificar qualquer cripto diferente do BTC) operam mistas. Ethereum (ETH) avança 3,7% e Cardano (ADA) sobe 1,80%, enquanto BNB Chain (BNB) cai 0,30%

Entre as criptos menos, o destaque do dia foi o Optimism (OP), token de uma blockchain de segunda camada do Ethereum. Nas últimas 24 horas, o ativo digital subiu pouco mais de 24%.

Os investidores de moedas digitais continuam acompanhando o avanço do ETF (fundo de índice) spot de Bitcoin nos EUA. Nesta semana, a BlackRock, a Nasdaq e membros da Comissão de Valores Mobiliários do país, a SEC, se reuniram para conversar sobre o produto.

A aprovação de um ETF, aguardada há bastante tempo pelos players do setor, pode atrair bilhões de dólares em capital institucional e de varejo. Analistas acreditam que um primeiro lote pode ser aprovado em janeiro.

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 7h55:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC)US$ 43.734-0,10%
Ethereum (ETH)US$ 2.307+3,70%
BNB Chain (BNB)US$ 268-0,30%
XRP (XRP)US$ 0,619909+0,60%
Cardano (ADA)US$ 0,619909+1,80%

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Optimism (OP)US$ 2,84+24,40%
Arbitrum (ARB)US$ 1,29+14,60%
Algorand (ALGO)US$ 0,231272+14,50%
Arweave (AR)US$ 10,25+10,90%
Internet Computer (ICP)US$ 9,71+8,80%

As criptomoedas com as maiores baixas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Sei (SEI)US$ 0,346316-14,80%
Helium (HNT)US$ 7,28-11,16%
Stacks (STX)US$ 1,34-9,60%
Bittensor (TAO)US$ 286,86-7,20%
Bitget Token (BGB)US$ 0,593470-7,20%

Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETFPreçoVariação
Hashdex NCI (HASH11)R$ 33,31+1,06%
Hashdex BTCN (BITH11)R$ 50,00-0,29%
Hashdex Ethereum (ETHE11)R$ 31,65-0,02%
Hashdex DeFi (DEFI11)R$ 23,22-2,10%
Hashdex Smart Contract Plataform FI (WEB311)R$ 27,39+8,03%
Hasdex Crypto Metaverse (META11)R$ 32,00+1,10%
QR Bitcoin (QBTC11)R$ 13,68-0,29%
QR Ether (QETH11)R$ 8,41+1,57%
QR DeFi (QDFI11)R$ 3,26-0,30%
Cripto20 EMPCI (CRPT11)R$ 9,36+0,31%
Investo NFTSCI (NFTS11)R$ 11,22+1,90%
Investo BLOKCI (BLOK11)R$ 143,43+5,33%

Lucas Gabriel Marins

Jornalista colaborador do InfoMoney