Ataque à Ronin

Binance recupera US$ 5,8 milhões vinculados ao hack do Axie Infinity

Os fundos foram distribuídos em cerca de 86 contas, disse o fundador da Binance, Changpeng Zhao

Por  CoinDesk -

A exchange de criptomoedas Binance recuperou US$ 5,8 milhões em fundos roubados provenientes da exploração do Axie Infinity ocorrida no mês passado.

Os fundos foram distribuídos em cerca de 86 contas, disse o fundador da Binance, Changpeng Zhao, em um tuite nesta sexta-feira (22).

“O grupo de hackers da RPDC começou a movimentar seus fundos roubados do Axie Infinity hoje. Parte dela feita para a Binance, espalhada por mais de 86 contas. US$ 5,8 milhões foram recuperados”, disse ele.

A exploração de US$ 625 milhões, uma das maiores da indústria de criptomoedas, foi vinculada por autoridades de segurança dos EUA ao grupo de hackers “Lazarus” da Coreia do Norte.

A equipe da blockchain Ronin Network (RON), que faz ponte com o Axie Infinity, disse em um post no seu blog que o FBI vinculou o Lazarus à violação e que o Departamento de Tesouro sancionou os fundos.

Os exploradores usaram anteriormente a ferramenta de privacidade Tornado Cash para converter fundos roubados em Ether (ETH) e outras criptomoedas, segundo relatos.

A atividade do endereço principal do explorador – marcado como Ronin Bridge Exploiter no serviço de rastreamento Etherscan – na semana passada mostra que vários milhares de Ether foram movidos nos últimos dias.

A carteira continua a deter cerca de US$ 285 milhões em ativos no momento da publicação desta matéria.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe