AO VIVO Radar InfoMoney: Klabin tem aval para incorporar Sogemar, leilão da Oi e desemprego recorde; assista ao programa desta 6ª

Radar InfoMoney: Klabin tem aval para incorporar Sogemar, leilão da Oi e desemprego recorde; assista ao programa desta 6ª

Política

Tucanos já esperam saída de Cunha e vice-presidente do PSDB chama ele de “carne morta”

Segundo informações do jornal O Globo, lideranças do PSDB e do Democaratas tentam convencer o presidente da Câmara de renunciar quando forem divulgados dados de suas contas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Apesar da declaração do líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio, de que o presidente da Casa, Eduardo Cunha, tem o benefício da dúvida em seu favor, as principais lideranças do partido não estão nada felizes com as recentes acusações contra o peemedebista. Segundo o jornal O GloboSampaio e o líder do Democratas, Mendonça Filho (PE), já tentam convencer Cunha a renunciar ao cargo de presidente da Câmara, quando vierem os extratos de suas contas na Suíça.

Enquanto isso, o ex-governador de São Paulo e vice-presidente tucano, Alberto Goldman, disse que Cunha é “carne morta”. “Quando os meninos veem um filme de terror e sabem que alguém vai morrer, dizem, fulano é carne morta. Cunha é carne morta. Tomara que leve alguns pesos que serão bem levados”, afirmou.

Na última semana foi divulgado que o Ministério Público na Suíça encontrou cerca de US$ 5 milhões em diversas contas controladas por Eduardo Cunha e deve encaminhar os documentos para as autoridades brasileiras que o investigam na Operação Lava Jato.

Aprenda a investir na bolsa

De acordo com a publicação, no PSDB é praticamente certo que Cunha não deverá se manter no cargo. Por outro lado, eles avaliam que ele ainda vai dar muito trabalho à presidente Dilma e seus aliados. “Até quando vai resistir, ninguém sabe. Mas que vai cair, vai e levando gente junto” disse o senador Tasso Jereissatti.