Lava Jato

“Lista de Janot” chega ao STF: Cunha e Renan são avisados de que estão nela

O ministro Teori Zavascki, do STF, deve deferir ou indeferir os pedidos de inquérito até essa sexta-feira, quando também tornará o conteúdo público, informou o Estadão

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A lista de parlamentares que serão investigados pela Operação Lava Jato, enviada pelo Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, já teria sido enviada ao Supremo Tribunal Federal, segundo O Estado de S. Paulo. O ministro Teori Zavascki, do STF, deve deferir ou indeferir os pedidos de inquérito até essa sexta-feira, quando também tornará o conteúdo público.

Até agora, o que comenta-se é que dentre os investigados estão os presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e do Senado, Renan Calheiros, (PMDB-AL). Ambos já teriam sido até informados pelo vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), na sexta-feira, 27, que seus nomes estariam na lista. Eles, no entanto, negam. Cunha afirmou nesta noite, em sua conta no Twitter, não ter sido informado de que seu nome consta na relação, enquanto Renan disse que não tem nenhum informação.

Os nomes dos políticos surgiram em depoimentos prestados à Justiça pelo doleiro Alberto Yousseff e o ex-diretor da Petrobras (PETR3; PETR4) Paulo Roberto Costa, que firmaram acordos de delação premiada com a Justiça. 

PUBLICIDADE