Na Câmara

Joaquim Levy diz que ajuste fiscal não prejudicará economia

Falando aos parlamentares,ministro da Fazenda disse que o risco fiscal é o maior de todos os riscos e que o setor público precisa voltar a registrar poupança para estimular investimentos

BRASÍLIA (Reuters) – O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, disse que o ajuste fiscal posto em prática para reorganizar as contas públicas não prejudicará o Produto Interno Bruto (PIB) do país.

“O ajuste não vai atrapalhar o crescimento”, afirmou o ministro em apresentação na audiência conjunta na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira.

Falando aos parlamentares, Levy disse que o risco fiscal é o maior de todos os riscos e que o setor público precisa voltar a registrar poupança para estimular investimentos.