Japão melhora no índice de percepção da corrupção e fica em quinto lugar na Ásia

Na escala de zero a dez, Japão obteve nota 7,7 na confiança da população no nível de corrupção do governo e das instituições

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O estudo anual realizado pela ONG Transparência Internacional – Corruption Perceptions Index 2009 – revelou melhoria na percepção da corrupção dos japoneses no governo e nas demais instituições. A nota do Japão foi 7,7, em uma escala de zero a dez, onde zero significa maior nível de corrupção, de acordo com a população do país, e dez demonstra a maior confiança das pessoas nas instituições.

Entre os 33 países/territórios da região da Ásia-Pacífico analisados pelo índice CPI, o Japão ficou em quinto lugar no ranking regional. A primeira colocada foi a Nova Zelândia, com nota 9,4 no CPI, seguida por Cingapura (9,2), em segundo lugar e, pela Austrália, em terceiro, com 8,7. Hong Kong foi a quarta colocada, com nota 8,2.

Crise influencia na confiança

De acordo com a organização, a crise financeira internacional expôs as fraquezas tanto nos sistemas políticos quanto financeiros de muitos países da Ásia, demonstrando suas falhas na regulação, supervisão e políticas. Tais fatores fizeram com que 13 países/territórios apresentassem notas inferiores em relação ao CPI de 2008. Entre os que caíram no índice, estão Malásia, Nepal, Maldivas e Afeganistão.

Aprenda a investir na bolsa

No entanto, além do Japão, outros locais tiveram destaque na melhoria do índice de percepção da corrupção, como Bangladesh, Tonga e Vanuatu.