AO VIVO Renda extra imobiliária: Como montar uma carteira vencedora de FIIs; assista

Renda extra imobiliária: Como montar uma carteira vencedora de FIIs; assista

Intenção de compra de automóveis cresce e atinge 25% dos brasileiros

Pesquisa Ibope Mídia / Target Group Index mostra que grande parte (41%) quer substituir carro antigo

SÃO PAULO – A intenção de compra de automóveis no Brasil cresceu neste ano em relação a anos anteriores. De acordo com pesquisa realizada pelo Ibope Mídia / Target Group Index, 25% dos brasileiros das regiões metropolitanas do País pretendem comprar um carro.

Entre julho de 2006 e julho de 2007, 23% dos pesquisados tinham essa intenção. O aumento frente a fevereiro de 2009 e janeiro de 2010 é de 2 pontos percentuais.

Segundo os pesquisadores, o motivo mais citado para a aquisição é a necessidade de substituir o automóvel já existente. Segundo o levantamento, 41% dos consumidores que pretendem comprar um veículo querem fazê-lo para substituir um existente.

PUBLICIDADE

“Entretanto, também vem crescendo a intenção de compra do primeiro carro, enquanto diminui a aquisição do automóvel adicional”, explicam os pesquisadores. Do total de brasileiros que pretendem comprar um carro, 34% estão interessados em adquirir um zero quilômetro. No período anterior, a intenção de comprar um automóvel novo era bem menor, de 26%.

Apesar do aumento da intenção de compras de zero quilômetro, a intenção de comprar um seminovo é maior, de 37%. Na comparação com o período anterior, houve um aumento de apenas 1 ponto percentual.

Cai intenção de comprar usados
O interesse em comprar veículos com mais de cinco anos de uso está caindo. Neste ano, 22% dos brasileiros das regiões metropolitanas do País tem a intenção de comprar um carro usado. No período anterior, entre julho de 2006 a julho de 2007, 32% tinham essa pretensão.

Ainda dentre os consumidores que pretendem comprar um carro, para 34% a aquisição será do primeiro automóvel do domicílio. No período anterior, 33% tinham essa intenção. Já 16% pretendem adquirir um carro adicional. No período anterior, 21% tinham essa intenção.

Carro na cesta de compras da classe C
Segundo a pesquisa, a intenção de comprar um carro novo cresceu mais entre as classes C e DE. No primeiro caso, 28% dos consumidores pretendiam comprar um zero quilômetro entre julho de 2006 e julho de 2007. Entre fevereiro de 2009 e janeiro de 2010, 40% passaram a querer um automóvel novo – um aumento de 12 pontos percentuais.

Já com relação à classe DE, a intenção de comprar um carro novo passou de 9% para 14%. Considerando as classes mais abastadas, por sua vez, essa pretensão caiu 17 pontos percentuais, ao passar de 63% para 46%.

PUBLICIDADE

Entre os que querem comprar um seminovo, a classe C também se destaca. A intenção de compra desse segmento da população passou de 34% para 44%, ao passo que a pretensão daqueles que pertencem à classe DE subiu de 5% para 7%. Entre os que pertencem à classe AB, a intenção caiu de 61% para 49%.

Sobre a pesquisa
O levantamento feito pelo Ibope Mídia / Target Group Index entrevistou brasileiros das regiões metropolitanas e do interior do Sul e do Sudeste do País.