Perigo

Incêndio na Câmara dos Deputados e suspeita de bomba na Esplanada agitam Brasília

Duas notícias agitara a manhã desta quinta-feira em Brasília

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Um princípio de incêndio no plenário da Câmara dos Deputados na manhã desta quinta-feira (25) causou a interdição do salão Verde e do Comitê de Imprensa da Casa. O fogo foi causado por um curto-circuito e afetou parte das cadeiras do plenário.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

A assessoria de imprensa da Câmara informou que “tudo está sob controle” e que está apurando. Ainda nesta quinta será realizada uma perícia no local. Agentes da Brigada de Incêndio da Casa trabalham no local.

PUBLICIDADE

Outras áreas, como o comitê de imprensa, onde trabalham os repórteres que cobrem o dia a dia da Câmara e dos deputados, também tiveram de ser interditadas.

Suspeita de bomba na Esplanada
A Polícia Militar do Distrito Federal (PM-DF) informou nesta manhã que isolou uma área próxima à Esplanada dos Ministérios, na capital federal, por suspeita de bomba.

Segundo a assessoria de imprensa PM-DF, o Esquadrão de Bombas foi acionado por volta das 8 horas e encontrou no local artefato de 10 cilindros plásticos ligados por fios. Policiais estão no local analisando o material para confirmar se é bomba ou não.

O local isolado fica entre o Museu Nacional e a Biblioteca Nacional. A área fica no início da Esplanada dos Ministérios, a cerca de 2 quilômetros da Praça dos Três Poderes, onde estão localizado as sedes do Congresso Nacional, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal.