Falou à Folha

Governo precisa entender o recado que vem das ruas, desabafa senador petista

Em críticas ao governo, senador diz que o problema é que o PT não consegue ouvir a sociedade; "aí chega um cara e diz que a Polícia Militar inflou o número de manifestantes?", indagou

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O senador petista Walter Pinheiro (BA) desabafou seu descontentamento sobre o atual governo após ler notícias sobre a manifestação de domingo contra Dilma Rousseff e a corrupção. Petista histórico, ele falou à Folha de S. Paulo, que o governo, ao qual apoia, não consegue ouvir a sociedade, não consegue admitir erros, está atolado de letargia e perde em avaliações erradas de que os protestos foram liderados por eleitores de Aécio Neves (PSDB). 

Para ele, o governo precisa entender o recado das ruas, lamentando o fato do partido ter dito que a polícia inflou os números da manifestação em São Paulo, no domingo. “Ao invés de ficar preocupado se tinha 10 ou 10 mil, pois não devia se preocupar com a quantidade, deveria se preocupar com o recado, não importa de quem veio”, disse ao jornal. 

Segundo ele, o problema é que o governo não tem conseguido falar com a sociedade, apontando que o discurso é “sempre para dentro”. “Aí chega um cara e diz que a Polícia Militar inflou o número de manifestantes? Quase 90 dias de governo e não se consegue dar uma palavra. Será que ninguém entende que tem alguma coisa errada? Poxa! O que é isso?”, questionou. Para ele, o governo tem que olhar para a manifestação não para saber quem estavam e quantos eram, mas para tentar entender o que está errado. “O governo tem aprender a não falar só para os seus”, disse.