Primeira baixa

“Deputado histórico” do PMDB é o primeiro do partido a anunciar voto contra Temer

Jarbas Vasconcelos, que anteriormente se declarava indeciso, tomou sua decisão após fazer a leitura da defesa e somou um voto contra o presidente no placar feito pelo jornal O Globo

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Lutando para barrar a denúncia contra ele na Câmara dos Deputados, o presidente Michel Temer enfrenta problemas dentro do próprio PMDB. Segundo informa o jornal O Globo, o deputado Jarbas Vasconcelos (PE), peemedebista histórico, é o primeiro do partido a se declarar publicamente favorável à admissibilidade da denúncia da PGR.

Vasconcelos, que anteriormente se declarava indeciso, tomou sua decisão após fazer a leitura da defesa e somou um voto contra o presidente no placar feito pelo jornal. Agora, são 148 votos a favor da denúncia contra Temer e 59 contra; são necessários 342 votos pela denúncia para que ela seja admitida e vá para o STF (Supremo Tribunal Federal). 

Vasconcelos disse que não se posicionou porque gostaria de ler tanto a denúncia quanto às alegações da defesa. Após ler as duas peças, ele afirmou que as denúncias são graves e que possuía elementos para robustos para que o presidente fosse investigado. “Em toda minha vida pública eu fui a favor que se investigue denúncias graves contra quem quer que seja. Fiz e faço isso ao longo de todos os cargos que ocupei. A denúncia contra o presidente é grave e possui elementos robustos. Sou do partido do presidente, mas voto com minha consciência. Por isso voto pra que se prossiga a investigação e para que defesa e acusação possam se colocar com propriedade”, afirmou. 

Aprenda a investir na bolsa