Pronunciamento

Cunha: “hoje o Brasil vive uma crise e é nosso dever assegurar a governabilidade do País”

Segundo o presidente da Câmara, hoje a Casa consegue ter uma atuação independente, "dando respostas rápidas para os problemas urgentes da população"

SÃO PAULO – O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB) falou em pronunciamento na televisão e no rádio nesta sexta-feira (17). Segundo ele, o “hoje o Brasil vive uma crise”, e ressaltou seu trabalho na Câmara com a aprovação de diversos projetos: “é nosso dever assegurar a governabilidade do País”, afirmou.

Centro da mais recente tensão política que se instalou em Brasília, Cunha relembrou a criação dos três poderes que atualmente regem o País e ainda citou a ditadura como um período em que não se aplicava tal divisão de poderes. Segundo o presidente da Câmara, hoje a Casa consegue ter uma atuação independente, “dando respostas rápidas para os problemas urgentes da população”.

Em programa que já estava gravado, Cunha ainda relembrou os mais recentes projetos aprovados na Câmara, como a redução da maioridade penal para 16 anos, assim como projetos envolvendo o FGTS, reforma política, fim da reeleição, redução de tempo de campanha e a PEC da bengala (que eleva de 70 para 75 anos a idade de aposentadoria).

PUBLICIDADE

Desde ontem o presidente da Câmara aumentou as tensões após ser citado pelo lobista Julio Camargo em delação, onde ele afirmou que Cunha pediu US$ 5 milhões de propina. Com este novo escândalo, o presidente da Câmara anunciou hoje que está rompendo com o governo e que agora fará parte da oposição.