CPI mista de investigação dos cartões é oficialmente criada pelo Senado

PMDB indica Neuto de Conto (SC) para a presidência e PT sugere o nome de Luiz Sérgio (RJ) para a relatoria

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A leitura do requerimento de criação da CPI mista dos Cartões foi realizada pelo presidente do senado, Garibaldi Alves (PMDB-RN), nesta quinta-feira (21). Para o início da investigação, é necessário que os integrantes da comissão sejam indicados em cinco dias.

Com isso, o PMDB já indicou Neuto de Conto (SC) para a presidência e o PT sugeriu o nome de Luiz Sérgio para a relatoria. Ambos afirmam concordar que o comando da investigação fique nas mãos da base governista.

A CPI terá 90 dias, investigará o uso dos cartões desde de 2001 e é esperada para próxima semana. O governo possui direito à maioria dos cargos na comissão, 17 dos 24 poderão ser do partido. A oposição usa o fato como mais um argumento para a divisão dos cargos.

Aprenda a investir na bolsa

Mesmo tendo sido criada nesta sessão, a comissão já movimenta o Congresso com a negociação entre o governo e a oposição. Vale ressaltar que o líder da oposição, Arthur Virgílio (PSDB-AM) pediu a Garibaldi que criasse ainda nesta quinta-feira uma CPI exclusiva do Senado; porém, não obteve resposta.