CPI: Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT, terá de depor na próxima terça-feira

Além disso, advogados da facção criminosa PCC terão de comentar as acusações de compra de cópias de depoimentos

SÃO PAULO – Denunciado por formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, evasão ilegal de divisas, corrupção ativa e passiva e peculato, Delúbio Soares terá de se apresentar na próxima terça-feira, dia 23 de maio, aos membros da CPI dos Bingos.

O depoimento deverá ser realizado após a votação de requerimentos, dentre os quais os que pedem a quebra do sigilo bancário do ex-tesoureiro do PT e do ex-secretário-geral do partido Sílvio Pereira.

Outro depoimento previsto para a próxima terça-feira e que chama a atenção ocorre na CPI do Tráfico de Armas, em que os advogados da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), Sérgio Wesley Cunha e Maria Cecília de Souza, terão de comentar as acusações de compra de cópias de depoimentos.

MPs serão votadas na Câmara e Senado

É interessante citar ainda que o Tribunal Superior Eleitoral vai analisar na próxima sessão se as novas normas eleitorais, dentre estas, a que proíbe a realização de showmícios e distribuição de brindes, serão válidas já para as eleições deste ano.

Na câmara, os deputados tentarão votar quatro medidas provisórias que trancam a pauta. A MP que eleva o salário mínimo para R$ 350 e a que reajusta em 8% a tabela do Imposto de Renda devem ser apreciadas.

Já no Senado, três MPs deverão ser apreciadas, com destaque para a que isenta os investidores estrangeiros de pagar IR sobre as operações realizadas com títulos públicos. Por fim, o Congresso vai analisar a proposta de mudanças no processo de tramitação do projeto de Orçamento da União.