China anuncia ajuda a vizinhos e garantia a operações de crédito

Membros da Asean receberão linha de crédito de US$ 15 bilhões; fundo de cooperação terá US$ 10 bilhões

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O banco central da China anunciou que garantirá a liquidez necessária para sustentar o crescimento econômico, após novo nível recorde na concessão de crédito ser atingido no último mês de março. O governo também revelou uma ajuda a vizinhos asiáticos.

Comunicado realizado pela autoridade monetária do país derrubou especulações relativas a novas medidas restritivas ao crédito. Em função do difícil cenário para a economia global, a política de expansão do crédito continua como uma meta governamental.

Novo fundo

Ao mesmo tempo, o Ministério das Relações Exteriores chinês revelou a intenção do país em criar um fundo de cooperação internacional com US$ 10 bilhões, assim como linhas de crédito exclusivas para os países vizinhos de até US$ 15 bilhões.

Aprenda a investir na bolsa

Os investimentos do fundo seriam voltados para infraestrutura, também direcionados aos países da Asean – associação das nações do sudeste asiático. Por outro lado, a China anunciou ajuda de US$ 39,5 milhões destinada ao Cambodja, além de ações de caráter humanitário.