Diz Folha

Caso impeachment seja barrado, Lula avalia uma nova versão da “Carta ao Povo Brasileiro”

O documento deve propor mudanças na política econômica, reforças estruturais e um chamamento público a movimentos sociais e setores do empresariado, afirma a Folha

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva avalia uma nova versão da “Carta ao Povo Brasileiro” para tentar retomar as condições de governabilidade caso o impeachment da presidente Dilma Rousseff seja barrado no plenário da Câmara dos Deputados, segundo a Folha de S. Paulo.

O documento deve propor mudanças na política econômica, reforças estruturais e um chamamento público a movimentos sociais e setores do empresariado. Em 2002, na campanha eleitoral vitoriosa para a presidência, Lula divulgou a carta para acalmar os mercados.

De acordo com a avaliação, que também é compartilhada pelo núcleo duro de Dilma, a sobrevivência final do governo dependerá de Lula assumir um papel de “protagonismo” no comando do governo federal. Dilma terá de creditar ao seu antecessor boa parte de uma eventual vitória sobre o impeachment e dividir com ele as rédeas da administração petista, destaca o jornal.

Aprenda a investir na bolsa

Especiais InfoMoney:

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa