Não está pronto

Anúncio de corte de gastos no Orçamento não sairá hoje, diz Planejamento

Reforma administrativa e a redução de gastos não estão prontas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Ministério do Planejamento avisou nesta sexta-feira (11) que o anúncio de medidas para cortes de gastos no Orçamento não ocorrerá hoje. Segundo a Bloomberg, a pasta teria dito que a reforma administrativa e a redução de gastos não estão prontas. 

Ontem o mercado ficou à espera de uma divulgação concreta de cortes de gastos depois do Brasil ter seu rating soberano rebaixado pela agência de classificação de risco, Standard & Poor’s. No entanto, a coletiva de imprensa com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, acabou decepcionando os investidores por não trazer medidas claras. Levy voltou a falar da necessidade de aumento de impostos. 

Após o evento, o senador Delcídio Amaral (PT-MS), líder do governo no Senado, anunciou que já para hoje o governo divulgaria os primeiros cortes de despesas e o início da reforma ministerial, com a primeira lista de fusões de pastas e de retirada do status de ministério de algumas secretarias. “A partir de amanhã (sexta-feira), os cortes e a reforma dos ministérios começarão a ser anunciados”, disse o senador petista. 

Aprenda a investir na bolsa