Renda fixa

Você sabe o que são CDI e CDB? Analista da Rico explica

O analista-chefe da Rico Investimentos, Roberto Indech, explicou como é calculado o CDI e sua correlação com o CDB no programa "Como viver de renda fixa" 

SÃO PAULO – Para os investidores da renda fixa, o CDI (Certificado de Depósito Interbancário) é uma sigla conhecida. Afinal, boa  parte das aplicações pós-fixadas têm sua rentabilidade atrelada ao CDI. Por exemplo: um CDB pós-fixado pode render 110% do CDI em um banco médio e 80% do CDI em um banco grande. A explicação está relacionada com o risco de crédito, que no caso dos bancos maiores é menor do que nas instituições de médio porte.

No entanto, todos têm FGC (Fundo Garantidor de Crédito), que garante depósitos em conta corrente, caderneta de poupança, letras de câmbio, letras imobiliárias, letras hipotecárias, CDB (Crédito de Depósito Bancário), LCI (Letras de Crédito Imobiliário), LCA (Letras de Crédito do Agronegócio) no valor de até R$ 250 mil por CPF e instituição financeira.

O analista-chefe da Rico Investimentos, Roberto Indech, explicou como é calculado o CDI e sua correlação com o CDB no programa “Como viver de renda fixa (no player abaixo) exibido na terça-feira (8). Veja a explicação a partir de 17m40s: 

PUBLICIDADE

Quer investir em CDBs que pagam 110% do CDI? Clique aqui e abra uma conta na Rico