Renda fixa

Tesouro Direto: commodities em queda puxam recuo de juros oferecidos por papéis prefixados para até 11,65%

Em contrapartida, taxas oferecidas por papéis atrelados à inflação operam em estabilidade e chegam a entregar retornos reais de até 5,60%

Por  Bruna Furlani -

A sessão desta quinta-feira (31) é marcada pelo movimento misto das taxas dos títulos públicos negociados no Tesouro Direto. Papéis prefixados seguem com queda nos retornos, enquanto os juros oferecidos por papéis atrelados à inflação operam em estabilidade.

Investidores aguardam uma definição sobre a possível desistência de candidatura à Presidência da República de João Doria (PSDB), atual governador de São Paulo. A expectativa é que o político se pronuncie agora à tarde sobre o caso.

Mais cedo, Bruno Araújo, presidente nacional do PSDB, divulgou carta oficial em que reafirmou que o pré-candidato do partido à corrida presidencial é Doria.

Atenção também para os preços do petróleo, que recuam com força nesta sessão, depois do anúncio feito hoje pelos Estados Unidos de que o País vai liberar 1 milhão de barris de petróleo por dia (bpd) das reservas nacionais, em média, por seis meses.

Essa correção expressiva na cotação da commodity no mercado internacional é o que ajuda a explicar a queda na curva de juros, segundo Flavio Serrano, economista-chefe da Greenbay Investimentos.

Sem grandes novidades no radar local, Serrano destaca ainda que o mercado aguarda mais dados de inflação para recalibrar as expectativas.

No Tesouro Direto, às 15h30, o juro oferecido pelo Tesouro Prefixado 2029 caía para 11,53%, contra 11,60% na sessão anterior. O percentual, no entanto, está levemente acima dos 11,51% vistos no começo do dia. No mesmo horário, o papel com vencimento em 2033 entregava juros de 11,65%, inferiores aos 11,73% vistos na quarta-feira (30).

Entre os papéis atrelados à inflação, a situação era diferente: com os juros reais operando perto da estabilidade. Destaque para o Tesouro IPCA+ 2055, com cupom semestral, que oferecia um retorno real de 5,60% ao ano, frente aos 5,59% registrados na véspera.

Confira os preços e as taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra no Tesouro Direto que eram oferecidos na tarde desta quinta-feira (31): 

Fonte: Tesouro Direto

Queda do petróleo e Estados Unidos

Um dos principais impulsos para a queda dos juros hoje vem do recuo do petróleo. A razão é que os Estados Unidos vão liberar 1 milhão de barris de petróleo por dia (bpd) das reservas nacionais, em média, por seis meses.

A medida foi confirmada pela Casa Branca e faz parte dos esforços do governo para conter a escalada dos preços de energia, na esteira da invasão da Ucrânia pela Rússia.

Atenção também para o núcleo do índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) nos Estados Unidos, que subiu 0,4% em fevereiro na base de comparação mensal, conforme dados divulgados nesta quinta-feira (31) pelo Departamento de Comércio. Na comparação anual, a alta do núcleo foi de 5,4%.

O consenso Refinitiv era de alta de 0,4% para o núcleo da inflação na base mensal e de 5,5% na comparação anual. O indicador é uma das principais referências para a definição das políticas do Fed.

Disputa no PSDB e Moro

Já na cena política local, agentes financeiros aguardam coletiva de imprensa convocada para agora à tarde em que João Doria deve se posicionar sobre uma possível desistência da candidatura à Presidência da República.

Hoje pela manhã, vários veículos anunciaram que o então pré-candidato havia desistido de disputar a corrida eleitoral e que não deixaria mais o cargo de governador de São Paulo.

Após grande repercussão, Doria afirmou à colunista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo, que a notícia era “só especulação”. “Estou correndo muito aqui. Mas nem fui, nem voltei. Só para você saber. Só especulação”.

Na sequência, Bruno Araújo, presidente nacional do PSDB, divulgou carta em que reafirmou que o pré-candidato do partido à presidência da República é o governador de São Paulo, João Doria, que foi “escolhido democraticamente em prévias nacionais realizadas em novembro de 2021”.

“As prévias serão respeitadas pelo partido”, afirmou Araújo. “O governador tem a legenda para disputar a presidência da República. E não há nem haverá qualquer contestação à legitimidade de sua candidatura pelo partido”.

Também na cena política, o ex-juiz da Lava Jato e ex-ministro da Justiça Sergio Moro vai deixar o Podemos para se filiar ao União Brasil. A informação foi publicada pelo site Metrópoles. De acordo com a publicação, o anúncio oficial deve ser feito ainda nesta quinta-feira (31).

O novo partido espera que o ex-ministro desista da candidatura à Presidência da República para concorrer a uma vaga de deputado federal ou senador — postos que Moro teria mais chances de conquistar diante dos baixos índices alcançados pela campanha dele em pesquisas eleitorais recentes sobre a corrida pelo Planalto.

Pnad

Destaque também para os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgada hoje. Conforme informou hoje o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desocupação recuou para 11,2% no trimestre encerrado em fevereiro, o que representa variação de 0,4 ponto percentual na comparação com o trimestre anterior (11,6%) e manutenção frente janeiro.

É a menor taxa para um trimestre encerrado em fevereiro desde 2016. Com ela, o país soma 12 milhões de desempregados. Na comparação com o último trimestre, o número de pessoas em busca de trabalho caiu 3,1%.

O dado foi melhor do que o esperado. A estimativa do consenso Refinitiv era de taxa de desemprego em 11,4% no trimestre encerrado em fevereiro.

Na avaliação de Rodolfo Margato, economista da XP, os números mostraram que o emprego segue em recuperação no Brasil, mas que a renda do trabalho continua a encolher.

De acordo com ele, após o aumento inesperado visto em janeiro, o rendimento real médio caiu 0,2% em fevereiro, segundo os cálculos dessazonalizados da casa. Com isso, diz Margato, chegou a cerca de R$ 2.525/mês, ou seja, 8,5% abaixo dos níveis vistos antes da eclosão da crise sanitária.

“A inflação de dois dígitos explica, em grande medida, a tendência cadente da renda real, o que não deve ser revertido no curto prazo”, afirmou. “Por sua vez, a massa de rendimento real, que combina rendimento médio com população ocupada, avançou 0,2% em fevereiro, todavia segue rodando nos menores patamares desde o início de 2017 e aproximadamente 7,5% abaixo do patamar pré-coronavírus”, concluiu.

Calculadora de renda fixa
Baixe uma planilha gratuita que compara a rentabilidade dos seus investimentos de renda fixa:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe