Renda fixa

Tesouro Direto: com IPCA abaixo do esperado, taxas dos títulos públicos têm queda nesta 6ª

Investidores repercutem ainda dados de emprego nos Estados Unidos, que vieram em número menor do que o previsto pelo mercado

SÃO PAULO – A sessão desta sexta-feira (8) é recheada de indicadores econômicos importantes. No Brasil, o destaque está nos números de inflação oficial de setembro divulgados hoje, que vieram abaixo das previsões de mercado. Ainda assim, o avanço de 1,16% foi o maior valor para o mês desde 1994.

Durante evento do Itaú BBA, Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, avaliou que o IPCA deste mês foi menos pior do que esperado, porém pior do que projetado há um mês pelo mercado e pela própria autoridade monetária.

Enquanto isso no radar internacional, as atenções estão voltadas para os dados de emprego em setembro vindos dos Estados Unidos, que vieram bem abaixo do esperado pelo mercado.

Nesse contexto, o mercado de títulos públicos negociados por meio do Tesouro Direto opera em queda, na tarde desta sexta-feira (8). O recuo é maior entre os papéis prefixados.

Na atualização das 15h20, a remuneração do título prefixado com vencimento em 2026, por exemplo, era de 10,28% ao ano, contra 10,31% no começo do dia. Na sessão anterior, o papel oferecia retorno de 10,47% ao ano. O juro pago pelo título prefixado com vencimento em 2031, por sua vez, era de 10,88%, abaixo dos 11,06% ao ano registrados um dia antes.

Entre os títulos atrelados à inflação, o juro real pago pelo Tesouro IPCA+ com vencimento em 2055 recuava de 5,06% para 5,02% ao ano, na tarde desta sexta-feira. No mesmo horário, o juro real oferecido pelo Tesouro IPCA+ com vencimento em 2026 era de 4,66% ao ano. Um dia antes, o mesmo papel oferecia retorno real de 4,70% ao ano.

Confira os preços e as taxas atualizadas de todos os títulos públicos disponíveis para compra no Tesouro Direto na tarde desta sexta-feira (8): 

Taxas Tesouro Direto
Fonte: Tesouro Direto

Novidades no Tesouro

Em meio a um cenário de aumento de taxas de juros, os investidores vão ganhar um incentivo a mais para aplicar em títulos públicos. Segundo Jeferson Bittencourt, secretário do Tesouro Nacional, a taxa de custódia cobrada sobre os papéis negociados no Tesouro Direto vai passar de 0,25% para 0,2% ao ano, a partir de 1º de janeiro de 2022.

PUBLICIDADE

A informação foi dada ontem à noite (7) durante a Semana Mundial do Investidor, evento organizado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e a B3.

IPCA

Na cena local, o foco do mercado está nos dados de inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de setembro. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a inflação teve alta de 1,16% em setembro.

Com isso, o indicador acumula altas de 6,90% no ano e de 10,25% nos últimos 12 meses, acima do registrado nos 12 meses imediatamente anteriores (9,68%).

A expectativa, de acordo com o consenso Refinitiv, era de alta de 1,25% frente agosto de 2021 e de 10,33% na comparação anual.

Ao comentar os números de inflação, o presidente do Banco Central disse que “há sinais mistos no IPCA do mês passado. A inflação de serviços nos IPCA de setembro foi um pouco melhor que a esperada, mas persistiram efeitos em alimentos e energia”.

Ele admitiu ainda que as projeções do mercado para a inflação em 2022 seguem em trajetória de elevação, especialmente por causa da inércia inflacionária esperada na passagem deste ano para o próximo.

Para Alberto Ramos, economista-chefe para América Latina do banco Goldman Sachs, pressões significativas de custos e insumos, aumento da inflação de serviços, risco político e fiscal persistentes, além de forças inerciais estão contaminando as perspectivas para a inflação no ano que vem.

“Em um cenário de intensas pressões inflacionárias, a probabilidade de o banco central conseguir conduzir a inflação para a meta de 3,50% em 2022 é baixa”, destacou Ramos.

Precatórios e ICMS de combustíveis

PUBLICIDADE

Na frente política, o destaque está no novo reajuste no preço dos combustíveis, que valerá a partir de amanhã (9). A Petrobras informou nesta sexta-feira (8) que o preço médio de venda do GLP para as distribuidoras passará de R$ 3,60 para R$ 3,86 por kg, equivalente a R$ 50,15 por 13kg.

Para a gasolina A, o preço médio de venda da Petrobras, para as distribuidoras, passará de R$ 2,78 para R$ 2,98 por litro, uma alta de 7,19%.

Em nota, a petroleira informou que “os ajustes refletem parte da elevação nos patamares internacionais de preços de petróleo, impactados pela oferta limitada frente ao crescimento da demanda mundial, e da taxa de câmbio, dado o fortalecimento do dólar em âmbito global”.

Os combustíveis foram inclusive, tema da live semanal do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) feita ontem (7). Na ocasião, Bolsonaro defendeu que as mudanças em torno do ICMS dos combustíveis incidam sobre o valor da gasolina nas refinarias e sobre o valor do etanol na usina.

Pelo projeto apresentado por Arthur Lira (PP-AL), presidente da Câmara, na terça-feira (5), o imposto estadual teria uma alíquota fixa a ser determinada com base na média dos últimos dois anos.

Na frente política, as discussões em torno do projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2022 voltaram à pauta. Na quinta-feira (7), Bruno Funchal, secretário especial de Tesouro e Orçamento, afirmou que o envio da mensagem modificativa do PLOA de 2022 deve ser feito entre o fim de outubro e início de novembro.

No entanto, o secretário disse que o governo está aguardando a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos precatórios para que isso ocorra. Ele voltou a dizer que a PEC é imprescindível para abrir espaço no orçamento do ano que vem para a realização de despesas públicas.

Cena internacional

Enquanto isso no cenário externo, os investidores repercutem a divulgação do payroll, relatório do mercado de trabalho dos Estados Unidos. De acordo com o documento, 194 mil vagas foram criadas em setembro no país e a taxa de desemprego caiu para 4,8%.

PUBLICIDADE

O valor ficou bem abaixo do esperado por analistas ouvidos pela Dow Jones, que aguardavam a criação de 500 mil novos empregos em setembro. Em agosto, por exemplo, 235 mil empregos haviam sido criados, um saldo abaixo da estimativa do consenso do mercado, de 720 mil empregos.

Os dados do payroll devem ser centrais na avaliação do Federal Reserve na decisão de quando deve ser iniciada a redução do ritmo de seu programa de compra de títulos, atualmente em US$ 120 bilhões mensais.

O mercado também respira um pouco mais aliviado com a aprovação da elevação do teto da dívida americana em quase meio trilhão de dólares até 3 de dezembro pelo Senado americano, na noite de quinta-feira.

<b>Calcule sua renda com FIIs</b> Baixe uma planilha gratuita que mostra o <a href=”https://www.infomoney.com.br/planilhas/fundos-imobiliarios-dividendos/”>retorno com dividendos de uma carteira de fundos imobiliários</a>:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.