Central de FIIs

Fundos imobiliários têm mais um dia de perdas e fecham sessão com queda de 0,15%

Entre os destaques positivos do dia, está o Autonomy Edifícios (AIEC11), com elevação de 3,07%

Por  Wellington Carvalho -

 

O IFIX – índice que reúne os fundos imobiliários mais negociados na Bolsa – fechou a sessão desta quarta-feira (23) em baixa de 0,15%, aos 2.729 pontos. Ontem, o indicador já havia caído 0,36%. Entre os destaques positivos do dia, está o Autonomy Edifícios (AIEC11), com elevação de 3,07%. Confira os demais destaques do dia ao longo do Central de FIIs.

Hoje a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) apontou aumento nas vendas e nos lançamentos do setor imobiliário em 2021.

Entre janeiro e novembro do ano passado, o número de novos imóveis no País chegou a 121.783 unidades. Segundo o Indicador Abrainc-Fipe, o volume representa uma alta de 22,7% na comparação com o mesmo período de 2020.

Em 12 meses, encerrados em novembro de 2021, 143.567 novas unidades foram disponibilizadas no mercado imobiliário, aumento de 21,1% em relação ao período precedente. No último trimestre, o avanço foi de 7,4%.

Em relação às vendas de imóveis, houve avanço de 5,1% no acumulado de janeiro a novembro de 2021, se comparado ao mesmo período do ano anterior.

“No acumulado de 2021, os lançamentos e vendas tiveram crescimento, sinalizando o bom desempenho em geral das incorporadoras” afirma Luiz França, presidente da Abrainc. “O setor continua resiliente e atento ao cenário econômico atual”.

Maiores altas desta quarta-feira (23):

TickerNomeSetorVariação (%)
AIEC11Autonomy EdifíciosLajes Corporativas3,07
FIGS11General ShoppingShoppings2,59
BLMR11Bluemacaw Renda+ FOFTítulos e Val. Mob.2,37
FEXC11BTG Pactual Fundo de CRITítulos e Val. Mob.2,08
RBRP11RBR PropertiesOutros1,79

 

Maiores baixas desta quarta-feira (23):

TickerNomeSetorVariação (%)
KFOF11Kinea FoFTítulos e Val. Mob.-1,79
RBRY11FII RBR PCRITítulos e Val. Mob.-1,34
RZAK11Riza AkinTítulos e Val. Mob.-1,29
GTWR11Green TowersLajes Corporativas-1,21
BCIA11Bradesco Carteira ImobiliariaTítulos e Val. Mob.-1,11

Fonte: B3

WHG Real Estate ([ativo=VHGR11]) aprova emissão de R$ 201 milhões

O fundo WHG Real Estate aprovou em Assembleia Geral Extraordinária (AGE) a realização da segunda emissão de cotas da carteira, que pretende captar inicialmente R$ 201 milhões.

De acordo com fato relevante divulgado nesta quarta-feira (23), o montante da oferta não considera os valores referentes à taxa de distribuição primária.

Segundo o documento, o preço unitário das novas cotas ainda será definido pelo administrador do fundo e informado nos próximos dias.

O valor mínimo para a subscrição de cotas será de R$ 1 mil e não há valor máximo, estipulou o WHG Real Estate, fundo do tipo híbrido, que investe em imóveis, títulos do setor imobiliário e cotas de outros FIIs.

Dividendos de hoje

Confira quais são os fundos imobiliários que distribuem rendimentos nesta quarta-feira (23):

TickerFundoRendimento
BVAR11Brasil Varejo R$  9,43
ELDO11BEldorado R$  4,81
[ativo=EQIA11]EQIA Fiagro R$  0,12
[ativo=NCRA11]NCH Cra Fiagro R$  0,12

Fonte: InfoMoney

Giro Imobiliário: prévia da inflação, IPCA-15 sobe 0,99% em fevereiro, maior alta para o mês desde 2016 e acima do esperado

Considerado uma prévia da inflação oficial, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) teve alta de 0,99% em fevereiro frente janeiro, em aceleração após o avanço de 0,58% no mês anterior. Trata-se da maior variação para um mês de fevereiro desde 2016 (1,42%).

No ano, o IPCA-15 acumula alta de 1,58% e, em 12 meses, de 10,76%, acima dos 10,20% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em fevereiro de 2021, a taxa foi de 0,48%.  Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (23) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O dado ficou acima do esperado. A projeção dos economistas consultados pela Refinitiv era de alta de 0,85% frente janeiro, e de 10,6% na comparação anual.

Houve variações positivas em oito dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados. A exceção foi Saúde e cuidados pessoais, cujos preços recuaram 0,02%, após a alta de 0,93% verificada em janeiro. A maior variação (5,64%) e o maior impacto (0,32 p.p.) vieram do grupo Educação.

 

Como viver de renda com FIIs
Receba um ebook gratuito que explica como montar uma carteira de Fundos Imobiliários para obter renda periódica:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe