Em onde-investir / infomoney-responde

Tenho R$ 100 mil para investir; Tesouro Direto, LCI e ações da Petrobras são boas opções?

Guilherme Fagundes Silveira, CFP, planejador financeiro certificado pelo IBCPF, responde a pergunta de leitor do InfoMoney

Petrobras Macaé Bloomberg
(Bloomberg)

Pergunta

Recentemente fui desligado da minha empresa e tenho um valor próximo a R$ 100 mil para investir e aplicar. Entendo que esse dinheiro, por ser fruto de 15 anos de trabalho, tenha que ser encarado como minha meia aposentadoria e por isso não penso em utiliza-lo para aquisição de bens etc.

Tenho lido muito a respeito e estava pensando em dividir esse valor em 4 e fazer a seguinte aplicação:

·         1ª Parte = 25% do Valor em LCI ou LCA

·         2ª Parte = 25% do valor em Tesouro Direto

·         3ª Parte =CDI

·         4ª Parte = Comprar ações da Petrobras–  estava pensando em comprar para ganhar no médio prazo.

Minha intenção era iniciar os 4 ao mesmo tempo e após uns 3 meses analisar e ver a diferença entre eles, de repente, retirar o valor do investimento de menor retorno e colocar no de maior diminuindo para 3 investimentos.

Obs: Sei que no caso da ação é uma aposta a médio ou longo prazo onde vou deixar até que os rumores em relação a empresa diminuam e o mercado volte a rota de crescimento, porém entendo que na crise e em baixa seja o melhor momento de entrar por pegar a ação subvalorizada.

Obs2: Com relação ao Tesouro Direto, ouço falar que se retirar antes do vencimento perco dinheiro. Mas esse investimento não tem liquidez diária? Qual o período mínimo para ficar sem perder e onde achar os melhores locais para investir?

Gostaria de saber se existe algum erro grande nessa análise e divisão acima e gostaria de dicas caso tenha opções melhores.

Leitor: Almir

Resposta de Guilherme Fagundes SilveiraCFP, Planejador Financeiro Certificado pelo IBCPF

Olá Almir,

Analisando sua estratégia de investimentos, tenho algumas recomendações.

Visto que você foi desligado recentemente de sua empresa, sugiro que você adote uma postura cautelosa em seus investimentos, priorizando liquidez e previsibilidade de retornos. É importante que estes recursos estejam disponíveis no curto prazo para fazer frente a despesas extraordinárias e no médio prazo, caso você tenha dificuldades em obter um emprego no período previsto.

A alocação dos seus investimentos em LCI/LCA, Tesouro Direto, CDI e ações da Petrobras (PETR4), apresenta algumas particularidades.

•         1º Parte = 25% do Valor em LCI ou LCA.

Investimentos em LCI e LCA são uma excelente alternativa devido à garantia do FGC para investimentos de até R$250.000 e à isenção de IR e IOF. No entanto, deve-se ficar atento ao prazo de vencimento dos títulos e à solidez da instituição emissora.

•         2º Parte = 25% do valor em Tesouro Direto.

O investimento em títulos públicos através do Tesouro Direto pode ser um bom investimento, porém exige maior conhecimento acerca das características dos títulos. Apesar de possuírem baixo risco de crédito (a União Federal é a emissora dos títulos), esses títulos oscilam de acordo com as condições de mercado. Um título indexado à SELIC possui baixíssimo risco de mercado, já um título indexado ao IPCA com vencimento em 2050 pode apresentar grandes variações de um mês para o outro.

•         3º Parte =25% do valor em CDI

Existem diversos tipos de investimentos indexados ao CDI no mercado, fundos de renda fixa tradicionais, fundos DI, CDBs e outros títulos de crédito privado. Recomendo que você aloque essa parcela dos investimentos em um fundo de renda fixa com baixa taxa de administração e alta liquidez.

É importante atentar que os ativos de renda fixa listados podem apresentar comportamento e risco muito similares, não representando necessariamente diversificação de carteira. Caso seu interesse seja investir em ativos de renda fixa com o mesmo indexador e o mesmo risco de crédito, poderá ser mais vantajoso concentrar a carteira nas aplicações de renda fixa que apresentem menores custos.

             EX:

•         Investimento A - Fundo que investe em títulos do governo indexados à SELIC e que possui taxa de administração de 0,3% a.a.

•         Investimento B- Título público adquirido através do tesouro direto e indexado à SELIC, cujo custo com taxa de serviço à corretora e à CBLC totaliza 0,6% a.a.

Nesse caso, é mais vantajoso concentrar suas aplicações no investimento “A”, visto que esse é o investimento com menores custos.

A sua estratégia de realocar os investimentos de renda fixa após o terceiro mês de investimento, retirando recursos do investimento com pior rentabilidade e colocando esses recursos nos investimentos que mais renderam é uma estratégia arriscada. Um investimento não é necessariamente pior que outro apenas porque apresentou rentabilidade inferior em um curto espaço de tempo, ao realocar essa parcela do seu patrimônio é provável que você venha a incorrer em custos, reduzindo ainda mais sua rentabilidade. Só é recomendável realizar essa realocação caso a expectativa de retorno ajustado ao risco desse ativo seja menor do que a expectativa de retorno dos outros ativos.

Em relação ao investimento nas ações da Petrobras (PETR4), a ação está em um patamar historicamente baixo e investir nela poderá resultar em grandes ganhos. No entanto, o investimento de 25% de sua carteira em uma única ação representa um elevado risco, caso a situação da empresa não melhore, ela poderá apresentar substancial desvalorização. Sob a ótica da diversificação de riscos é mais recomendável investir em uma carteira diversificada de ações, em um fundo de índice, ou em um fundo de ações com gestão profissional.

Guilherme Fagundes Silveira, é planejador financeiro pessoal e possui a certificação CFP® (Certified Financial Planner), concedida pelo Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros (IBCPF). 

As respostas refletem as opiniões da autora. O IBCPF e o Infomoney não se responsabilizam pelas informações acima ou por prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso destas informações.

Perguntas devem ser feitas por meio da plataforma Ganhe Mais. Cadastre-se gratuitamente e tire suas dúvidas com planejadores certificados e capacitados.


Conheça mais sobre a IBCPF, Instituto Brasileiro de Certificação de Profissionais Financeiros
http://www.ibcpf.org.br/

 

Contato