Em onde-investir / acoes

Ativa indica 14 papéis para montar uma carteira lucrativa em outubro

A Ativa Corretora decidiu trocar as ações da Gerdau (GOAU4), Minerva (BEEF3) e Arezzo (ARZZ3) pelas da Cia Hering (HGTX3), Duratex (DTEX3), Autometal (AUTM3) e Telefônica (VIVT4)

Duratex_empresa
(Divulgação)

SÃO PAULO - A Ativa Corretora divulgou sua carteira recomendada para o mês de outubro com quatro alterações. Para este mês, a instituição decidiu trocar as ações da Gerdau (GOAU4), Minerva (BEEF3) e Arezzo (ARZZ3) pelas da Cia Hering (HGTX3), Duratex (DTEX3), Autometal (AUTM3) e Telefônica (VIVT4).

Acompanhe a cotação de todos os fundos imobiliários negociados na BM&FBovespa

De acordo com a corretora, a Cia Hering é uma das mais eficientes do setor, apresentando um interessante processo de expansão e um ROE historicamente acima de 40%. “Além disso, a companhia está sendo negociada com múltiplos abaixo de seu prêmio histórico e em linha com os de seus pares”, afirmou a Ativa em relatório.

Já em relação à Duratex, de acordo com a corretora, a companhia se beneficiará em seus projetos visando aumentar sua capacidade de produção, além de aproveitar o momento de maiores vendas no setor de construção civil, o que impulsiona as receitas da companhia.

Quer saber mais sobre os termos usados no mercado financeiro? Acesse o glossário InfoMoney

A Autometal foi incluída devido à sua exposição ao mercado de veículos leves no Brasil e Nafta, e pela recente aquisição dos ativos de forja do grupo indiano Mahindra, que permitirá acesso ao mercado europeu e indiano através de produtos forjados.

Por fim, a inclusão da Telefônica deveu-se ao de ela ser a melhor pocisionada no setor de Telecom, de acordo com a Ativa. “A Vivo tem fundamentos sólidos, com forte geração de caixa, baixo endividamento e possui um viés defensivo, sendo um grande distribuidor de dividendos”, completou.

Desempenho de setembro
Em setembro, a carteira da Ativa apontou valorização de 3,77%, inferior ao desempenho do Ibovespa no período, que subiu 4,66%.

Confira as recomendações para outubro:

Empresa Código Peso
CCR CCRO3

8,0%

Anhanguera AEDU3 7,5%
Itaú Unibanco ITUB4 8,0%
Vale VALE5 8,0%
Petrobras PETR4 6,5%
Equatorial EQTL3 7,0%
Tractebel TBLE3 7,0%
Cia Hering HGTX3 7,0%
BM&FBovespa BVMF3 7,0%
Duratex DTEX3 7,0%
Pão de Açúcar PCAR4 8,0%
Suzano SUZB5  7,0%
Autometal AUTM3  5,0%
Telefônica VIVT4 7,5%

 

Contato