Olimpíadas

Ítalo Ferreira conquista 1º ouro do Brasil com vitória no surfe

Atleta se tornou o primeiro campeão olímpico da modalidade

arrow_forwardMais sobre
27.07.2021 – Jogos Olímpicos Tóquio 2020 – Quartas de finais do surfe masculino na praia de Tsurigasaki. Na foto Ítalo Ferreira, medalha de ouro na competição. Foto: Jonne Roriz/COB

(ANSA) – O surfista Ítalo Ferreira derrotou nesta terça-feira (27) o japonês Kanoa Igarashi e conquistou a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

O potiguar de 27 anos de idade também entrou para a história da modalidade ao se tornar o primeiro campeão olímpico do surfe, que fez sua primeira aparição na atual edição dos Jogos.

O terceiro colocado do ranking da World Surf League (WSL) conseguiu a medalha de ouro sem grandes sustos na praia de Tsurigasaki e coroou uma belíssima campanha. Na final, Ferreira derrotou o anfitrião por 15,14 a 6,60.

Apesar da vantagem, o início da final olímpica não foi fácil para o brasileiro. A prancha de Ítalo quebrou logo na primeira onda e precisou ser substituída por um equipamento reserva.

Leia também:
Ítalo Ferreira, do surfe, é a nova ‘blue chip’ da carteira olímpica de Tóquio 2020

Além das poucas manobras realizadas, o surfista sofreu uma queda e viu Igarashi disparar na frente. No entanto, o potiguar deslanchou depois da sua primeira boa onda e não parou de crescer na decisão.

O também brasileiro Gabriel Medina, que caiu na semifinal para Igarashi, foi derrotado pelo norte-americano Owen Wright e não conseguiu conquistar a medalha de bronze.

Com o ouro de Ferreira e o bronze de Fernando Scheffer nos 200m livre na natação, o Brasil chegou 10 medalhas nas Olimpíadas, somando um ouro, duas pratas e dois bronzes.

Guilherme Benchimol revela os segredos de gestão das maiores empresas do mundo na série gratuita Jornada Rumo ao Topo. Inscreva-se já.

PUBLICIDADE