Resultados

Lucro do Santander Brasil cai 24% em 2012, mas supera previsão

Lucro consolidado do banco caiu para R$ 2,692 bilhões; sem considerar despesas para amortização, resultado somou R$ 6,33 bilhões no ano passado

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Santander Brasil (SANB4 informou nesta quinta-feira (31) lucro líquido 1,598 bilhão de reais para o quarto trimestre, resultado 3 por cento abaixo do obtido um ano antes, mas que ficou acima do esperado por analistas em meio a uma queda nas provisões sobre inadimplência na comparação com o período encerrado em setembro.

Com o resultado do quarto trimestre, o Santander Brasil fechou 2012 com lucro líquido de 6,329 bilhões de reais, excluindo impacto com despesa para amortização de ágio, um recuo de 5 por cento sobre 2011.

Analistas consultados pela Reuters esperavam lucro recorrente de 1,29 bilhão de reais para o Santander Brasil no quarto trimestre, enquanto o resultado do terceiro trimestre foi de 1,501 bilhão.

O banco reduziu em 4 por cento as provisões para créditos de liquidação duvidosa em relação ao terceiro trimestre, para 3,096 bilhões de reais, apesar do índice de inadimplência em operações vencidas há mais de 90 dias ter subido de 5,1 para 5,5 por cento e do indicador de 60 dias ter avançado no período de 6,3 para 6,6 por cento.

A instituição apurou margem financeira bruta de 7,8 bilhões de reais nos três meses encerrados em dezembro, uma queda de 3,7 por cento sobre o terceiro trimestre mas crescimento de 6 por cento no comparativo anual.

Enquanto isso, a carteira de crédito fechou dezembro em 211,959 bilhões de reais, um crescimento de 7,6 por cento em doze meses, com segmento de pessoa física avançando 8,6 por cento impulsionado por altas de 27 por cento em financiamentos imobiliários e de 14,4 por cento em cartões de crédito. Na pessoa jurídica houve alta de 8,4 por cento.

O retorno sobre patrimônio líquido médio anualizado, um indicador da rentabilidade de um banco, subiu de 11,7 por cento no terceiro trimestre para 12,2 por cento nos três últimos meses de 2012, mas o índice de eficiência passou de 45 para 46,8 por cento.