Em negocios / grandes-empresas

Mais ricos do mundo perdem US$ 117 bilhões em um dia com caos do mercado

De acordo com o Bloomberg Billionaires Index, 21 membros da lista de bilionários perderam US $ 1 bilhão ou mais com os investidores reagindo às crescentes tensões entre os EUA e a China

Jeff Bezos, Amazon
(Steve Jurvetson/Wikimedia)

SÃO PAULO - As 500 pessoas mais ricas do mundo perderam, somadas, 2,1% de seu patrimônio líquido na última segunda-feira (5). A semana começou caótica para o mundo dos negócios, com as ações dos EUA despencando em sua maior queda neste ano.

De acordo com o Bloomberg Billionaires Index, os 21 primeiros empresários da lista de bilionários perderam US $ 1 bilhão ou mais com os investidores reagindo às crescentes tensões entre os EUA e a China.

O fundador da Amazon, Jeff Bezos, foi o que mais perdeu, tendo uma redução de US $ 3,4 bilhões no seu patrimônio. Ainda assim, Bezos continua a pessoa mais rica do planeta, com um patrimônio de US $ 110 bilhões.

Mesmo com as recentes perdas e diminuição de patrimônio, os 500 mais ricos do mundo ainda controlam US$ 5,4 trilhões. A concentração de renda nas mãos dos bilionários cresceu 11% desde janeiro, de acordo com o Business Insider.

Confira as maiores perdas de patrimônio entre os bilionários do mundo:

Nome Cargo/Empresa Patrimônio perdido (em US$ bilhões)
Jeff Bezos (EUA) CEO / Amazon.com 3,43
Bernard Arnault (França) CEO / LVMH Moët Hennessy - Louis Vuitton, Société Européenne 3,25
Mark Zuckerberg (EUA) CEO / Facebook 2,80
Mukesh Ambani (Índia) CEO / Reliance Industries Limited 2,45
Bill Gates (EUA)
Presidente / Microsoft 2,01
Warren Buffet (EUA) CEO / Berkshire Hathaway 1,88
Larry Ellison (EUA) Fundador / Oracle Corporation 1,87
Larry Page (EUA) CEO / Alphabet Inc. 1,81
Sergey Brin (EUA) Presidente / Alphabet Inc. 1,73
Steve Ballmer (EUA)  Ex- CEO / Microsoft 1,56
Pony Ma (China) Fundador /Tencent 1,38

Bilionários em Hong Kong também enfrentam problemas

No oriente, as últimas semanas também não foram as melhores para os mais ricos. A elite de Hong Kong está sentindo a dor das nove semanas de protestos initerruptas que encheram as ruas do centro financeiro, pesaram no crescimento e prejudicaram os preços das ações locais. O patrimônio líquido dos dez magnatas mais ricos em Hong Kong caiu US $ 19 bilhões desde 23 de julho.

Invista seu dinheiro com segurança. Abra sua conta na XP Investimentos - é grátis

 

Contato