Negócio segue em aberto

Dona do Google considerou consórcio para compra do TikTok

Companhia deve vender suas operações nos EUA para evitar ter seu aplicativo banido do país

TikTok e EUA
(Getty Images)

(Bloomberg) – A Alphabet, controladora do Google, considerou participar de um lance conjunto pelo TikTok, mas a ideia perdeu força nos últimos dias, segundo pessoas a par do assunto.

Várias empresas discutiram a formação de um consórcio para investir no popular aplicativo de compartilhamento de vídeo. A Alphabet estudou assumir uma participação minoritária sem direito a voto por meio de um de seus veículos de investimento, de acordo com uma dessas fontes.

A Alphabet não liderou a iniciativa. Não está claro qual empresa americana fez isso ou o motivo para a proposta não ter avançado. A Alphabet não descartou participar de lances futuros, disse a pessoa, que pediu para não ser identificada discutindo um assunto particular.

PUBLICIDADE

O presidente Donald Trump deu ordem para a ByteDance vender os ativos do TikTok nos EUA dentro de 90 dias, estendendo uma ordem executiva anterior que proibia cidadãos e empresas dos EUA de fazer negócios com o TikTok. A medida entraria em vigor em 45 dias contados a partir de 6 de agosto. Entenda mais sobre a guerra tecnológica protagonizada pelo TikTok, envolvendo China e EUA.

Representantes de Alphabet e TikTok se recusaram a comentar sobre o assunto. Representantes da ByteDance não estavam imediatamente disponíveis para comentar.

A Microsoft está em discussões há semanas para comprar os negócios do TikTok nos EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia. Também foram apontadas outras potenciais interessadas, como Oracle e Twitter. Não se sabe até onde foram essas discussões.

A Microsoft é a única empresa que confirmou publicamente as negociações para uma possível aquisição.

O TikTok emergiu como poderoso rival do YouTube, do Google, servindo como alternativa para talentos criativos e anunciantes. A controladora do Google tem vários veículos de investimento, incluindo o braço de private equiy CapitalG, que já apoiou empresas chinesas. O Google também faz investimentos diretamente, usando o próprio balanço patrimonial, financiando empreendimentos como Magic Leap e SpaceX.

A ByteDance comprou o Musical.ly em 2017 e fez sua fusão com o TikTok, criando um aplicativo com mais de 100 milhões de usuários somente nos EUA. Esse acordo agora é investigado por autoridades americanas que, em um contexto de escalada das tensões entre Washington e Pequim, alegam que o governo chinês poderia obter acesso aos dados pessoais dos usuários do TikTok e ameaçar a segurança nacional. Agora, a empresa se aproxima do prazo para chegar a um acordo ou enfrentar o fechamento dos negócios nos EUA.

O valor da operação do TikTok nos EUA foi estimado entre US$ 20 bilhões e US$ 50 bilhões, um intervalo amplo que reflete a complexidade envolvida na extração da parte americana.

A Alphabet, com sede em Mountain View, Califórnia, precisaria lidar com o rigor das autoridades antitruste dos EUA. Departamento de Justiça, Congresso e procuradorias estaduais abriram inquéritos contra o Google por suspeitas de comportamento anticompetitivo, trazendo um olhar mais duro para as análises de suas aquisições.

O plano do Google para comprar a Fitbit, anunciado em novembro, ainda depende de aprovação regulatória.

Newsletter InfoMoney
Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.