Até R$ 150 mil

Os 30 carros que mais valorizaram e desvalorizaram em 2021

Com pandemia e crise de peças, conhecer esta lista pode ajudar o consumidor a selecionar os modelos com o melhor custo-benefício

Por  Giovanna Sutto -

O ano de 2021 foi desafiador para o setor automotivo. Além da pandemia, a falta de peças ao redor do mundo, especialmente semicondutores, impactou diretamente o ritmo de produção das montadoras. E o resultado é: faltam carros novos e os preços dos modelos disponíveis no mercado estão altos.

O consumidor interessado em comprar um carro em 2022 precisa avaliar se realmente vale pagar um pouco mais no veículo desejado, se cabe no orçamento e procurar boas oportunidades. Mas diante do contexto atual, pode ser complexo.

Por isso, saber os carros que mais e menos valorizaram neste ano pode dar uma direção ao consumidor para selecionar os modelos com o melhor custo-benefício neste momento.

“O mercado de usados no Brasil é muito grande comparado com vários países ao redor do mundo. Com o estoque de carros novos muito baixo por falta de peças, o mercado de usados virou o foco dos consumidores. Como consequência os preços subiram e o estoque também diminuiu”, explica Ana Renata Navas, diretora geral da Cox Automotive, grupo dono da KBB.

Para ter uma ideia da diferença: no acumulado do ano foram negociados 10.333.492 de modelos usados, contra o emplacamento de 1.780.906 veículos novos, de acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Calcule os custos para ter um carro
Baixe uma planilha gratuita que compara os gastos de um automóvel com outras opções de mobilidade:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

O InfoMoney consultou a Kelley Blue Book (KBB), consultoria automotiva especializada em pesquisa de preços de veículos, para separar os 10 carros mais e menos valorizados em 2021.

Para chegar à lista final e avaliar a valorização dos modelos usados, a KBB estabeleceu o preço médio do carro 0 km em janeiro e o preço médio de revenda do mesmo modelo seminovo em dezembro. A lista considera apenas os veículos que cumpriram estes 12 meses de mercado, e com ano modelo 2021.

Vale lembrar que a KBB Brasil tem tecnologias de análise de dados e Big Data próprias para produzir os levantamentos de precificação de veículos novos e usados. O processamento é realizado por um algoritmo alimentado semanalmente por uma base com mais de 800 mil informações de preços de diferentes fontes do mercado.

Confira os 15 carros mais valorizados em 2021: 

Segundo o levantamento, o carro mais valorizado, ou seja, cuja variação de preço foi a maior do mercado foi a picape Toyota Hilux cabina dupla, que teve uma variação de 30,3% em um ano.

Inclusive, o destaque é das picapes que compõem o top 3 de veículos que mais ganharam valor neste ano: em segundo lugar a Chevrolet Montana, que teve variação de 22,2% no período, seguida pelo Volkswagen Saveiro.

“As picapes estão em um momento de alta demanda, especialmente as médias e pequenas. Não só para pessoa jurídica, mas também para pessoa física. A valorização ou desvalorização de um carro especialmente neste ano está diretamente ligada à relação oferta e demanda. Mais pessoas procuram o veículo, mais caro vai ficando e mais valorizado ele se torna”, avalia Raphael Galante, economista que atua no setor automotivo há 14 anos e consultor na Oikonomia.

Milad Kalume Neto, diretor da consultoria automotiva Jato Dynamics, concorda e acrescenta que as picapes em muitos casos são coringas para os consumidores.

“Muita gente compra picape para ter o carro misto: pode ser usado para diversos fins e ainda viajar no fim de semana; além disso, a modalidade de venda direta é super forte na categoria e impulsiona as vendas e a demanda”, diz.

Os comerciais leves sofreram menos e vêm se recuperando mais rápido dos impactos da pandemia e da crise de peças. Segundo os dados da Fenabrave, no acumulado do ano as vendas de carros novos recuaram 1,4%%, enquanto a de comerciais leves subiram 27,6%.

Outro destaque da lista é a presença da Fiat, marca do grupo Stellantis, seis vezes no top 10.”A Fiat pode ter aparecido mais vezes porque se preparou para a crise de peças e produziu conforme as peças que tinha. É uma marca com bastante penetração ao redor do país, e que vem administrando bem a crise, então, está sendo bastante procurada. Mas o cenário é desafiador, a empresa está produzindo em nível reduzido como o restante do mercado”, explica Kalume Neto.

Ainda, entre os carros que mais desvalorizaram não há SUVs. “São carros produzidos em plataformas mais modernas, portanto, que utilizam, de maneira geral, mais semicondutores, portanto estão sendo especialmente afetados. Realmente há escassez de peças para esses produtos serem feitos”, avalia o diretor da Jato Dynamics. Veja abaixo.

Marca/Modelo   Preço médio 0 km KBB (jan/2021) Preço médio de Revendedor KBB (dez/2021) Variação (%)
TOYOTA HILUX (cabine dupla)  R$ 145.000,00  R$ 189.000,00 30,34
CHEVROLET MONTANA  R$ 62.990,00  R$ 77.000,00 22,24
VOLKSWAGEN SAVEIRO (cabine dupla)  R$ 81.500,00  R$ 97.750,00 20,65
VOLKSWAGEN VOYAGE  R$ 67.822,86  R$ 78.276,67 20,33
FIAT ARGO  R$ 67.393,15  R$ 76.815,00 18,65
RENAULT KWID  R$ 47.590,00  R$ 55.986,50 17,66
VOLKSWAGEN GOL  R$ 61.243,33  R$ 70.585,33 16,96
FIAT CRONOS  R$ 75.651,63  R$ 85.446,20 14,80
FIAT UNO  R$ 49.970,11  R$ 58.476,00 14,19
FIAT STRADA PLUS  R$ 69.988,29  R$ 77.950,00 13,96
FIAT MOBI  R$  44.360,00  R$  49.627,00 13,89
NISSAN VERSA  R$ 81.865,00  R$ 92.731,00 13,25
RENAULT DUSTER  R$ 92.990,00  R$ 103.677,25 11,68
FIAT GRAND SIENA  R$54.951,27  R$  59.860,25 11,57
HONDA HR-V  R$  122.250,00  R$ 136.050,00 11,36

Confira os 15 carros mais desvalorizados em 2021: 

Na outra ponta da tabela, o carro que mais perdeu valor durante o ano, portanto, pode ser encontrado por preços mais baixos é o Fiat Doblò, cuja variação de preço foi de 8,9% no período analisado.

“O Doblò vai sair do mercado, e tem apenas uma versão sendo vendida. É natural que perca valor. O Citroën C3 vai receber uma nova versão e isso já é público o que impulsiona essa desvalorização também. Ainda, modelos como o Kia Rio e o Mitsubishi Eclipse não agradaram o público, e outros como o Ford Ka já não são mais fabricados”, disse Galante.

Sobre o Ford Ka, Kalume Neto acrescenta que a valorização ou desvalorização do carro também tem uma relação forte com a credibilidade da marca perante os clientes.

“A força da marca, que não se cria do dia para a noite é processo longo. No caso da Ford, a saída do mercado brasileiro impacta a venda dos carros aqui porque o consumidor naturalmente tem uma perda de confiança, Vai ter peça de reposição? Serei atendido depois de comprar um carro que nem é mais produzido para o Brasil? Os desafios de pós-venda são grandes”, diz.

Segundo Kalume Neto, diante do cenário atual do setor até a desvalorização no Brasil está fora do esperado, por isso, porcentagens mais tímidas no top 10 dos carros menos valorizados.

“O mercado está virado, os preços estão subindo sem parar diante da crise de peças, que ainda não arrefeceu. E aí o que vemos em alguns casos é o carro ser vendido por um valor acima do feito na hora da compra um ano atrás. Alguns consumidores estão até lucrando com essa negociação, mas ao buscar um novo carro também encontram preços caros”, diz. Veja abaixo.

Marca Preço médio 0 km KBB (jan/2021) Preço médio de Revendedor KBB (dez/2021) Variação (%)
FIAT DOBLÒ  R$ 99.990,00  R$ 91.059,00 -8,93
CITROËN C4 CACTUS  R$ 101.421,43  R$ 95.386,71 -5,98
CITROËN C3  R$ 62.000,00  R$ 58.922,00 -4,96
MITSUBISHI ECLIPSE CROSS  R$ 144.990,00  R$ 140.550,00 -3,06
PEUGEOT 208  R$  84.877,14  R$ 77.714,00 -2,73
RENAULT CAPTUR  R$ 96.318,40  R$ 95.433,80 -2,30
CAOA CHERY TIGGO 5X 2022  R$ 117.890,00  R$ 115.680,00 -1,87
TOYOTA COROLLA  R$ 137.845,00  R$ 135.679,00 -1,62
KIA RIO  R$ 81.990,00  R$ 80.740,00 -1,52
HYUNDAI NEW TUCSON  R$ 149.900,00  R$ 147.652,00 -1,50
MITSUBISHI OUTLANDER SPORT  R$ 141.656,67  R$ 140.166,67 -1,06
FORD KA+  R$ 64.754,17  R$ 63.922,67 -0,77
TOYOTA  ETIOS SEDAN  R$ 69.541,50  R$  68.875,63 -0,71
NISSAN KICKS  R$  92.281,64  R$  91.814,29 -0,42
CHEVROLET PRISMA JOY PLUS  R$ 65.990,00  R$ 65.990,00 0,00
Calcule os custos para ter um carro
Baixe uma planilha gratuita que compara os gastos de um automóvel com outras opções de mobilidade:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe