Em minhas-financas / gadgets

Smartphone dobrável igual ao Galaxy Fold foi destruído pela Huawei por ser "ruim"

Apesar das diferenças, tanto o aparelho da Samsung como o da Huawei possuem tela dobrável e devem custar mais de US$ 2.000

Tela dobrável Huawei
(Sam Rutherford/Gizmodo)

SÃO PAULO - As empresas de tecnologia Samsung e Huawei estão investindo celulares com tela dobrável. O Galaxy Fold, da Samsung, chega ao mercado em 26 de abril, e o Mate X, da Huawei, deve ser o smartphone mais caro da história.

Apesar de possuírem a tela dobrável, os aparelhos apresentam uma série de diferenças entre si. Em entrevista ao Business Insider, Richard Yu, CEO da chinesa Huawei, disse que originalmente eles haviam criado um smartphone semelhante ao da Samsung. Ao perceberem que o aparelho não era bom, o destruíram.

Segundo o executivo, “nós estávamos desenvolvendo três projetos simultaneamente, tínhamos algo ainda melhor que o Samsung Galaxy Fold, mas o matamos. Era muito ruim.”

Há três anos, a Samsung é considerada a maior fabricante de celulares do mundo. Em seguida, Huawei e Apple disputam pelo segundo lugar.

Apesar de nenhum dos aparelhos estar disponível para compra, já existe muito debate sobre qual deles teria o melhor design. Uma das principais diferenças é que o Galaxy Fold possui duas telas (aberto - 7,3 polegadas; dobrado - 4,6), enquanto o Mate X possui três (aberto - 8 polegadas; fechado - 6,4 e 6 polegadas).

Além disso, o smartphone da Samsung possui 17 mm de espessura quando fechado, consideravelmente maior que os 11 mm do aparelho da Huawei. 

Ambos, no entanto, estão previstos para custar cerca de US$ 2.000, o que pode dificultar muito as vendas. O iPhone X, por exemplo, está sendo vendido por US$ 999 nos Estados Unido.

Invista seu dinheiro na maior corretora do Brasil. Abra uma conta gratuita na XP!

 

Contato