Em minhas-financas / gadgets

Smartphone com tela dobrável da Huawei é o mais caro da história

O valor do aparelho supera o preço do Galaxy Fold, smartphone com tela dobrável concorrente que custará US$ 2 mil

Huawei Mate X
(Reprodução)

SÃO PAULO - A marca chinesa Huawei apresentou neste fim de semana o Mate X, um aparelha ultra fino com tecnologia de tela dobrada. O empecilho? O celular deve ser o mais caro da história dos smartphones, por US$ 2.600 (R$ 9.733,08, em conversão direta para o câmbio atual).

A apresentação foi realizada no Mobile World Congress 2019, feira de tecnologia realizada em Barcelona, poucos dias após a Samsung ter anunciado que seu smartphone com tela dobrável deve estar disponível para compras no dia 26 de abril. O Galaxy Fold, aparelho da Samsung, custará cerca de US$ 2.000 (R$ 7.453,00 em conversão direta).

A dinâmica de telas é diferente entre os aparelhos. O Mate X possui três telas e o Galaxy Fold apenas duas. Quando aberto, a tela principal possui do aparelho da Huawei é de 8 polegadas; quando dobrado, a traseira possui 6,4 polegadas e a principal 6,6 polegadas.

Já o smartphone da Samsung, quando aberto, possui 7,3 polegadas e, dobrado, apresenta uma única tela de 4,6 polegadas.

Em termos de espessura, a diferença é considerável. O Mate X tem apenas 11 mm quando fechado, contra 17 mm do Galaxy Fold. Abertos, eles trazem 5,4 mm e 6,9 mm, respectivamente. 

O preço de ambos os smartphones supera o valor do iPhone XS, que possui tela de 5,8 polegadas e custa entre US$ 999 e US$ 1.449 nos Estados Unidos. No Brasil, o aparelho chegou por até R$ 9.999. 

O Mate X possui 512 GB de armazenamento, bateria de 4.500 mAh e, segundo a Huawei, pode baixar um filme de 1 GB em menos de três segundos. Ainda não há previsão para o smartphone chegar ao mercado.

Invista seu dinheiro e realize seus sonhos. Abra uma conta na XP - é grátis!

 

Contato