Combate à pandemia

Anvisa aprova registro definitivo de vacina contra Covid da Janssen

Imunizante já estava aprovado para uso emergencial desde março de 2021 e é o 3º a receber a aprovação completa no Brasil

Por  Equipe InfoMoney -

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou nesta terça-feira (5) o registro definitivo da vacina contra Covid-19 da Janssen, uma unidade da farmacêutica Johnson & Johnson (JNJB34).

O imunizante já estava aprovado para uso emergencial no Brasil desde 31 de março de 2021 e é o terceiro a ganhar a aprovação completa para uso no país.

Os dois primeiros foram os da Pfizer (PFIZ34), em fevereiro do ano passado, e da AstraZeneca (A1ZN34), no mês seguinte. A CoronaVac ainda não recebeu o registro definitivo no país.

“Com o registro, a população recebe um atestado de que o produto passou por exigências comparáveis às das melhores agências reguladoras do mundo”, afirmou o gerente-geral de Medicamentos e Insumos Biológicos da Anvisa, Gustavo Mendes, em comunicado.

Dose única

A vacina da Janssen é indicada para combater a infecção causada pelo vírus SARS-CoV-2 em pessoas com 18 anos ou mais.

Ela é aplicada em dose única, mas pode ser administrada uma dose de reforço a partir de 2 meses após a primeira dose.

O imunizante também pode ser utilizado como dose de reforço para quem já completou o ciclo vacinal da vacina da Pfizer contra a Covid-19, segundo a Anvisa.

9 formas de transformar o seu Imposto de Renda em dinheiro: um eBook gratuito te mostra como – acesse aqui!

Compartilhe