Bolsa

Veja as ações que atingiram máximas dos últimos meses nesta quarta-feira

Dentre ações que fazem parte do Ibovespa, aparecem em destaque Banco do Brasil, Braskem, Cielo, Klabin e Duratex

SÃO PAULO – O Ibovespa registrou sua 4ª alta seguida ao fechar essa quarta-feira (10) com ganhos de 0,49%, a 56.186 pontos. Embora tenha perdido forças no final por conta da forte queda da Vale (VALE3; VALE5), é válido destacar que o índice não registrava uma sequência de altas tão longa desde outubro do ano passado.

Em meio a esse breve rali do benchmark da Bovespa, algumas ações atingiram suas máximas nos últimos meses. Aparecem entre elas Banco do Brasil (BBAS3) e Braskem (BRKM5), com a primeira tendo maior fechamento desde dezembro de 2010 ao fechar a R$ 28,18, enquanto a segunda subiu pelo 6º pregão seguido, terminando o dia R$ 15,70 – máxima desde 25 de setembro do ano passado.

Duratex (DTEX3) e ALL (ALLL3) são outras duas ações do índice que fecharam em máximas, sendo que a primeira não havia visto a ação fechar acima dos R$ 16,60 desta sessão desde 5 de novembro de 2007, enquanto a segunda bateu seu preço máximo desde 22 de fevereiro de 2012, após os ganhos de 1,85% levarem a cotação das ações da empresa de logística para os R$ 10,47. 

PUBLICIDADE

Confira alguns dos “foguetes” da Bovespa: 

EmpresaAçãoVariação (cotação)Maior fechamento desde
Banco do BrasilBBAS3+2,14% (R$ 28,18)02/12/10 (R$ 28,24)
BraskemBRKM5+3,29% (R$ 15,70)25/09/12 (R$ 15,82)
DuratexDTEX3+2,28% (R$ 16,60)05/11/2007 (R$ 17,58)
PortobelloPTBL3+3,80% (R$ 5,46)09/10/2007 (R$ 5,92)
SulAméricaSULA11 +3,43% (R$ 17,19)Máxima histórica
ALL LogísticaALLL3+1,85% (R$ 10,47)22/02/2012 (R$ 10,72)
HelborHBOR3+3,35% (R$ 13,90Máxima histórica
GrendeneGRND3+2,37% (R$ 22,01)Máxima histórica
SaraivaSLED4+1,95% (R$ 31,30)31/05/2011 (R$ 31,64)
EternitETER3+1,65% (R$ 9,23)26/10/2012 (R$ 9,31)
NetNETC4+1,13% (R$ 29,45)10/10/2007 (R$ 29,71)
RandonRAPT4+1,10% (R$ 12,87)01/12/2010 (R$ 13,06)
EmbraerEMBR3+0,90% (R$ 18,01)11/01/2008 (R$ 18,01)
CieloCIEL3+0,90% (R$ 63,10)Máxima histórica
KlabinKLBN4+0,83% (R$ 14,53)Máxima histórica