Vale (VALE3) confirma que está a procura de parceiros para sua plataforma de energia

Segundo notícias na mídia, pelo menos três grupos estariam interessados na parceria, a CTG, da China, a Engie e a Neoenergia

Felipe Moreira

Logo da Vale em escritório na Suíça (REUTERS/Denis Balibouse)
Logo da Vale em escritório na Suíça (REUTERS/Denis Balibouse)

Publicidade

Após notícias na mídia de que estaria a procura de parceiro para a sua subsidiária Aliança Energia, a Vale (VALE3) reiterou que está buscando investidores dentre os principais players do mercado de energia e que não há qualquer instrumento vinculante ou decisão tomada a respeito de quem será o potencial parceiro para a futura plataforma ou sua estrutura de capital.

O esclarecimento veio após notícia do jornal Valor de que pelo menos três grupos estariam interessados, a CTG, da China, a Engie (EGIE3) e a Neoenergia (NEOE3).

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos

Continua depois da publicidade

Além disso, a mineradora lembra a conclusão da aquisição da totalidade da participação de 45% da Cemig (CMIG4) na Aliança Energia, pelo valor de R$ 2,7 bilhões, está sujeita a condições precedentes usuais.

De acordo com a nota, o aumento da participação na Aliança Energia é um passo importante para a criação de uma plataforma de energia, que potencialmente contemplará outros ativos do portfólio da Vale.