Batalhas

UFC da publicidade: 4 brigas épicas entre marcas na mídia

O Habib’s não foi o único e nem o primeiro a atacar concorrentes diretamente em seus comerciais; confira

Por  Paula Zogbi -

SÃO PAULO – O Habib’s lançou nesta semana uma propaganda em vídeo em que ataca, sem escrúpulos, seus maiores concorrentes – McDonald’s e Burger King. Na peça, um homem vestido de Ronald McDonald e outro vestido de rei perdem uma batalha de preços para um terceiro, caracterizado de gênio da lâmpada.

A peça é divertida, mas o Habib’s não foi a primeira empresa a usar do ataque direto aos concorrentes para exaltar seus serviços e produtos. Em semana de UFC 200, que acontece neste sábado, confira alguns casos na lista abaixo:

1. McDonald’s vs. Burger King

No ano passado, o Burger King tentou, em vão, uma aproximação com o McDonald’s ao propor a criação do lanche McWhooper. Mas as redes de fast food atacadas pelo Habib’s também entraram no ringue publicitário pouco tempo atrás, em fevereiro.

Na França, o McDonald’s instalou um outdoor em que informava a distância do drive-thru de Burger King mais próximo – tudo para exaltar, em vídeo, a superioridade da sua própria rede de restaurantes nesse sentido.

Como resposta, o BK criou outra peça, na qual mostrava a “continuação” da propaganda inicial. Nela, os mesmos personagens iam mais longe só para conseguir o que realmente queriam: comer no Burger King.

2. Nova Schin vs. Brahma

Em setembro de 2003, a Schin lançou o rótulo Nova Schin através de uma propaganda com diversos nomes conhecidos – entre eles, o sambista Zeca Pagodinho. Pouco tempo depois, porém, o cantor trocou de marca e se tornou garoto-propaganda da Brahma, cantando sobre amor de verão: “fui provar outro sabor, eu sei, mas não largo meu amor, voltei”.

Como resposta, a Nova Schin lançou uma nova peça, repleta de cutucadas. Nela, um personagem chamado Zequinha era convencido a trocar de cerveja “por R$ 3 milhões”.

O caso foi parar na justiça. A agência Africa, da Brahma, teve de pagar indenização pela contratação de Zeca Pagodinho.

3. Audi vs. BMW

A batalha entre as duas montadoras em Santa Mônica, Califórnia, ficou conhecida como “guerra dos outdoors”.

Começou com a instalação de um outdoor da Audi que dizia “sua vez, BMW”, como se houvesse uma partida de xadrez em curso. A peça mostrava o então lançamento Audi A4.

Pouco tempo depois, a BMW respondeu com outro outdoor, muito maior, com a imagem de uma BMW M3 Coupe e um convite à concessionária da montadora.

Audi x BMW

4. Pepsi vs. Coca-Cola

Com rivalidade recorrente, as duas marcas de refrigerante de Cola já se atacaram em diversas ocasiões – o “pode ser Pepsi” é apenas um dos exemplos mais veiculados no Brasil.

No vídeo abaixo, uma compilação de alguns deles, partindo da Pepsi; depois uma peça de resposta da Coca-Cola:

Coca-cola vs. Pepsi

Compartilhe